Infraestrutura

Governo de MT investe R$ 140 milhões na construção de pontes de grande extensão para substituir balsas

Publicados

em

As obras vão assegurar a melhoria da infraestrutura e logística das rodovias, garantindo a trafegabilidade com segurança para o cidadão

Por Karine Miranda | Sinfra-MT

Governo investe R$ 140 milhões na construção de pontes de grande extensão para substituir balsas – Foto por: Marcos Vergueiro/Secom-MT

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), investe R$ 140 milhões na construção de pontes de concreto de grande extensão em substituição às balsas, utilizadas na travessia de rios em Mato Grosso.

As obras vão assegurar a melhoria da infraestrutura e logística das rodovias, além da trafegabilidade com segurança, e atendem a um pedido antigo daqueles que necessitam fazer a travessia.

Na região Araguaia, já está em construção a ponte sobre o Rio das Mortes, na MT-326, entre Cocalinho e Nova Nazaré.  A ponte em balanço sucessivo terá 484 metros e essa obra já está em estágio bastante avançado, com o lançamento de vigas da ponte no lado do município de Cocalinho. Ao todo, serão investidos R$ 51,1 milhões nessa obra, que será concluída em abril do próximo ano.

Essa ponte vai garantir maior fluidez na chamada “Rodovia do Calcário”, que interliga vários municípios do Araguaia, e sua construção tem sido bastante celebrada pelos moradores da região, que terão a interligação direta das cidades por asfalto, já que também está em andamento a pavimentação da MT-326.

Leia Também:  Municípios de MT podem perder R$ 270 milhões com projeto que prevê valor fixo do ICMS sobre combustíveis

Já na região Norte, o Governo constrói a ponte sobre o Rio Teles Pires, na MT-325, em Alta Floresta. A ponte terá uma extensão de 546 metros e são investidos R$ 22 milhões nessa obra. Atualmente são executados os serviços preliminares e a previsão é de conclusão em 2024.

Na mesma região, a maior ponte a ser construída está localizada na MT-419, sobre o Rio Teles Pires, na divisa entre Carlinda e Novo Mundo, na região Norte do Estado. A ordem de início das obras será emitida ainda neste mês e a construção da ponte prevê uma extensão de 693 metros. O investimento estimado somente para essa obra é de R$ 67 milhões.

De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, a construção dessas pontes para substituir as balsas vai transformar a realidade de Mato Grosso.

São obras que vão garantir trafegabilidade e segurança, além de diminuir os obstáculos ao desenvolvimento do Estado, já que interferem diretamente no direito de ir e vir do cidadão, bem como no transporte e escoamento da produção do agronegócio. Ao todo ainda existem 21 balsas em operação nas rodovias estaduais em várias regiões de Mato Grosso.

Leia Também:  Prefeitura realiza novo processo licitatório para garantir pavimentação do bairro Jardim Industriário II

“Sem as pontes, a espera para fazer uma simples travessia demora dias e a fila de veículos aguardando chega a quilômetros de extensão. Essa situação irá mudar com a construção das pontes, que são importantíssimas para garantir o fluxo contínuo de veículos, sem nenhuma parada. Este é um governo diferenciado, que está olhando para as necessidades de infraestrutura e logística em todas as regiões e está atendendo as promessas e pedidos antigos em relação a essas obras”, disse.

Obra retomada

Além das pontes que vão substituir as balsas no interior do estado, o governo investe em obras para melhorar a infraestrutura dentro da região metropolitana de Cuiabá. Um exemplo é a ponte de concreto em balanço sucessivo sobre Rio Cuiabá, entre os municípios de Cuiabá e Várzea Grande.

A ponte vai ligar os bairros Parque Atalaia, em Cuiabá, e Parque do Lago, em Várzea Grande, e terá uma extensão de 392 metros. A obra foi retomada pela atual gestão do governo após ficar paralisada por mais de quatro anos. Hoje, a obra, que terá um investimento de R$ 40 milhões, já está com 70% dos serviços executados. A previsão é de conclusão em março de 2022.

COMENTE ABAIXO:

Infraestrutura

Max Russi intensifica atuação de Assembleia e celebra entrega de máquinas e equipamentos aos 141 municípios

Publicados

em

Por

 

Ação do Governo do Estado está investindo R$ 106 milhões na agricultura familiar e R$ 103 milhões na infraestrutra, por meio do Programa Mais MT.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Max Russi (PSB), assegurou que o Parlamento também foi fundamental para os encaminhamentos, que resultaram na entrega das máquinas e equipamentos, realizada pelo governador Mauro Mendes nesta sexta-feira (08) na Arena Pantanal.
No total estão sendo investidos R$ 106 milhões na agricultura familiar e R$ 103 milhões na infraestrutra dos 141 municípios.

“Os deputados estaduais atuaram, desde o início dessa gestão, por entender que o Governo do Estado precisava tomar medidas duras. O Parlamento precisou aprovar essas medidas, que hoje geram resultados como este, com a entrega desses equipamentos e fortalecendo os municípios em sua infraestrutura e agricultura familiar”, complementou o parlamentar.

Cáceres foi um dos municípios contemplados, também a partir da articulação de Max Russi. Para a prefeita Eliene Liberato (PSB), uma ação fundamental para os trabalhos desenvolvidos na zona rural do município.

Leia Também:  Prefeitura realiza novo processo licitatório para garantir pavimentação do bairro Jardim Industriário II

“Muito feliz, recebendo do nossos governador Mauro Mendes, através da indicação do nosso deputado, presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi, uma escavadora para atender Cáceres e todos os assentamentos. Isso é se preocupar com gente, se preocupar com pessoas”, avalia.

De acordo com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf), serão investidos até junho de 2022, R$ 106 milhões em duas etapas. Nesta primeira etapa, serão entregues 54 veículos Fiat strada, 20 pick-up Hilux, 29 motoniveladoras, 22 distribuidores de calcário, 08 escavadeiras hidráulicas, 300 resfriadores de leite, 17 ensiladeiras, 04 caminhões de leite, 20 motocultivadores, 02 caminhões baú de carga seca, 1 caminhão refrigerado, 02 plantadeiras e adubadeira de mandioca, um perfurador de solo e 08 pás carregadeiras. No evento serão assinados ainda convênios para o repasse de 20 mil doses de sêmen bovino, 1,5 mil prenhezes de embrião bovino e 30 mil toneladas de calcário aos municípios.

Ainda segundo o Executivo, pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), o investimento total é de R$ 103 milhões em 85 equipamentos: 14 escavadeiras, 14 pás carregadeiras e 57 motoniveladora. Nesta primeira etapa, a Sinfra destinará 42 motoniveladoras e 8 escavadeiras hidráulicas a municípios e consórcios regionais.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA