Policial

Rotam prende policiais militares que planejavam roubo em comitê de candidato a vereador por Cuiabá

Publicados

em

 E & Notícias

JB News

O Batalhão de Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam) prendeu na madrugada desta quinta-feira (12) três policiais militares e outros dois homens suspeitos de organizarem um roubo a um comitê de candidato a vereador, em Cuiabá. No local foram encontrados equipamentos de proteção, além de roupas da Polícia Civil e um arsenal de armamentos.

De acordo com informações da Polícia Militar, por volta de 1h30 de hoje (12) uma equipe da Rotam foi abordada por uma pessoa que informou sobre uma reunião de uma quadrilha em uma residência no Bairro Jardim Vitória.

O bando seria especializado em roubos a residência e estaria planejando um roubo a um comitê de vereador na manhã desta quinta-feira (12). Foi então solicitado o apoio de mais duas equipes da Rotam para realizar a abordagem.

Ao chegar ao local os policiais encontraram um dos suspeitos, de 41 anos, e com ele foi encontrado um revólver calibre 38, carregado com seis munições intactas. Durante a abordagem deste suspeito os policiais perceberam uma movimentação dentro da casa, de outros suspeitos tentando fugir.

Leia Também:  Governador: “Ajudar o reeducando a ter oportunidade é estratégia para diminuir a violência”

A PM então entrou na residência e abordou os demais suspeitos. Com eles foram encontradas várias armas, sendo um revólver calibre 38, uma pistola Tauros 640 calibre .40 e uma pistola Taurus PT 59 calibre 380.

Sobre uma mesa foi encontrada uma algema, seis camisetas da Polícia Civil, R$ 300, duas balaclavas, seis pares de placas balísticas, quatros capas de coletes da Polícia Militar, dois bornais de perna, um coldre de revólver velado, cinco capas de coletes, três cintos de guarnição, um coldre Maynards de polímero, duas mochilas e uma espingarda de pressão calibre 5.5.

Além do suspeito de 41 anos também foram presos um de 38 anos, um de 35 anos, um de 30 anos e um de 27 anos. De acordo com apurações o bando também seria especialista em assaltos a fazendas, para roubo de defensivos agrícolas. Eles foram todos encaminhados à Central de Flagrantes.

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fraude em Licitação

Gaeco realiza operação “Afeto” em Primavera do Leste3

Publicados

em

JB News

A Unidade Regional do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) de Rondonópolis deflagrou nesta segunda-feira (23), em Primavera do Leste, a operação “Afeto”. O trabalho conta com o apoio do Gaeco de Cuiabá e busca auxiliar investigação realizada pela 1ª Promotoria de Justiça Cível de Primavera do Leste. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na residência e no gabinete de um vereador do município, nas empresas Nova Service e Top Service, além da estação e almoxarifado onde são guardados os veículos e maquinários das empresas investigadas.

 

De acordo com o Gaeco, a investigação apura fraudes em licitação envolvendo empresas registradas em nome da esposa e do enteado do parlamentar investigado. Há indícios de que o vereador atue junto ao município promovendo o direcionamento de licitações, visando o favorecimento de familiares que supostamente operam como “laranjas”.

 

Entre os anos de 2016 a 2020, as duas empresas alvos da operação movimentaram mais de R$ 4 milhões de verbas públicas por meio de contratos celebrados com o município. Entre os serviços contratados, estão transportes escolares, locações de máquinas e caminhões, varrição, recolhimento de resíduos, obras de engenharia, calçamentos, entre outros.

 

Leia Também:  Nova onda do boi gordo atropela margens dos frigoríficos

Segundo o Gaeco, o nome dado à operação realizada nesta segunda-feira é uma alusão aos laços de parentesco e amizade do vereador com as empresas supostamente favorecidas pela prefeitura.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA