Política Estadual

Thiago Silva reitera pedido para novo hospital regional e campus da Unemat em Rondonópolis

Publicados

em


Reunião na Uramb com a presença do Governador

Foto: HENRIQUE PIMENTA / ASSESSORIA DE GABINETE

O deputado estadual Thiago Silva (MDB) e uma comitiva com lideranças políticas e comunitárias de Rondonópolis receberam nesta quinta-feira (23), o governador Mauro Mendes (DEM) no município para realizar reuniões e ouvir as solicitações dos munícipes. A população apresentou as principais reivindicações para o governador e sua equipe na área da saúde, social e educação.

O deputado representou a Assembleia Legislativa no evento e relembrou sua trajetória como líder comunitário e as conquistas que este governo já realizou no município.

“Para mim é motivo de honra participar dessa reunião junto do governador e sua equipe, pois comecei minha vida pública aqui no movimento comunitário como presidente de bairro e muito devo a essas pessoas que sempre confiaram em no trabalho. Parabenizo o governador por investir maciçamente na educação em Rondonópolis com a reforma geral das escolas Marechal Dutra, Emanuel Pinheiro, Escola Militar no Maria Tereza e futuramente a escola no [bairro] Mathias Neves que deverá ser licitada este ano. Destaco também a regularização de repasses no hospital regional e a construção da Avenida W11, que vai ser mais uma rota para a cidade. Hoje a principal demanda do município é a consolidação da Unemat, com a chegada de mais cursos e estamos destinando emenda para o fortalecimento da instituição. Também recebemos o pedido de lideranças comunitárias para a construção de um Novo Hospital Regional, pois hoje atendemos mais de 20 cidades da região e o atual hospital não consegue atender toda a demanda regional”, frisa o deputado Thiago Silva.

Leia Também:  Emenda garante Raio-X digital para Pronto Atendimento de Paranatinga

O deputado federal Carlos Bezerra (MDB) destacou em sua fala a importância do movimento comunitário para o crescimento de Rondonópolis. “Quando fui prefeito e governador, fiz grandes mutirões para a construção de escolas, casas e saneamento em Rondonópolis e muito se deve ao apoio do movimento comunitário”, lembra o deputado.

O governador  apresentou à população o trabalho realizado pelo Estado no município e fez compromissos. “Quero falar da alegria de estar junto do movimento comunitário de Rondonópolis. Infelizmente, não conseguimos estar sempre nos municípios, mas estamos realizando diversas ações junto à Assembleia e à primeira-dama Virgínia Mendes na área social, educação e infraestrutura. Cerca de seis mil famílias de Rondonópolis hoje recebem recursos do governo e AL pelo cartão SER FAMÍLIA ,que tem ajudado famílias carentes na pandemia. Também foram entregues cestas básicas e cobertores. Estamos fazendo a avenida que interligará à ponte da W11, sendo uma obra de grande impacto na logística da cidade. O anel viário foi outro compromisso nosso que já entregamos e está em melhor condição do que em anos passados. O hospital regional foi entregue em 2019 com dívidas atrasadas e conseguimos fazer o pagamento e também ampliar as UTI’S para o combate à covid-19.”, lembra o governador.

Leia Também:  Lúdio Cabral requer explicações do governador sobre dinheiro público gasto em festa no Salto das Nuvens, em Tangará da Serra

Por fim, Mauro Mendes informou que irá investir mais de R$ 40 milhões para revitalizar o distrito industrial com a parceria do senador Carlos Fávaro (PSD), demanda apresentada pelo deputado Thiago Silva e demais líderes comunitários. Também participaram do evento a presidente da Uramb, Nilza Maria, membros da prefeitura, câmara municipal, presidentes de bairros, líderes comunitários e deputados.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:

Política Estadual

Lúdio Cabral requer explicações do governador sobre dinheiro público gasto em festa no Salto das Nuvens, em Tangará da Serra

Publicados

em

Por


Foto: Marcos Lopes

O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) requereu ao governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), e ao secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, informações e documentos sobre o apoio do governo estadual e o dinheiro público gasto na festa realizada na cachoeira Salto das Nuvens, em Tangará da Serra, na sexta-feira passada (15), no chamado “1º Encontro de Líderes e Empreendedores do Brasil”.

“Não haveria problema em realizar um seminário ou mesa-redonda para apresentar e debater o potencial de Mato Grosso para desenvolvimento econômico. Mas a informação que temos, de pessoas que estiveram no evento, é que o palestrante falou apenas 20 minutos, e o restante do tempo foi apenas festa. Uma festa milionária, um banquete regado a uísque, com show de cantores nacionais. A festa tem a marca do governo de Mato Grosso entre os apoiadores. O governo colocou dinheiro público nesse evento? Quanto de dinheiro público foi gasto com essa festa? São perguntas que fizemos no requerimento”, disse Lúdio.

Leia Também:  Lúdio Cabral requer explicações do governador sobre dinheiro público gasto em festa no Salto das Nuvens, em Tangará da Serra

No requerimento aprovado na sessão de quarta-feira (20), Lúdio Cabral busca ter acesso às planilhas detalhadas dos gastos feitos pelo governo estadual, além das cópias dos processos de contratos, convênios, ou termos assinados pelo governo, e detalhamento das ações do governo e do dinheiro público gasto para realizar o evento na cachoeira Salto das Nuvens.

“Mato Grosso tem 3,5 milhões de habitantes, dos quais 2 milhões estão inscritos no Cadastro Único da Assistência Social, em situação de insegurança alimentar, e 500 mil pessoas abaixo da linha de pobreza, passando fome. Não tem lógica o governo estadual gastar dinheiro com uma festa como essa. É um desrespeito com a população de Mato Grosso, que ainda sofre com a pandemia de covid-19. O estado com a pior gestão do país na pandemia, a maior taxa de mortalidade, quase 14 mil famílias em luto por conta da covid-19, e o governador fazendo uma festa milionária como essa?”, destacou Lúdio.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA