Política Estadual

Thiago Silva cobra manutenção de escada magirus para contenção de incêndios

Publicados

em


Thiago na plenária da AL

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

O deputado estadual Thiago Silva (MDB) cobrou nesta segunda (24) o Comando do Corpo de Bombeiros sobre a manutenção e devolução por parte do governo do estado da escada magirus para o 3º Batalhão do Corpo de Bombeiros realizar o combate à grandes incêndios, fogo em grandes alturas e até no resgate de pessoas.

De acordo com relatos de comerciantes, a falta da escada é um grande problema e coloca em risco a vida de inúmeras pessoas, as quais podem ser vítimas de incêndios em edifícios.

A escada do Corpo de Bombeiros de Rondonópolis foi danificada há cerca de dois anos e por conta da pandemia o Estado teve dificuldades de viabilizar a compra de equipamentos e peças e também a vinda de um técnico da Alemanha para realizar o procedimento de manutenção, informação esta dada pelo Corpo de Bombeiros.

O deputado Thiago cobrou celeridade, pois tem crescido o número de prédios em Rondonópolis e outras cidades da região, logo é preciso que os bombeiros estejam totalmente estruturados para garantir o salvamento de vidas.

Leia Também:  Governo de MT investe mais de R$ 11 milhões em programas e serviços de saúde

Thiago relatou ao Comando do Corpo de Bombeiros que na última sexta-feira (21) houve um princípio de incêndio em um apartamento de um prédio localizado na Vila Aurora, porém o fogo, que começou na fiação elétrica de um ar-condicionado, acabou não se alastrando e sendo debelado pelos Bombeiros sem maiores dificuldades. Mas a situação poderia ter sido diferente caso o fogo tivesse se alastrado e, aí, a escada magirus poderia ser o diferencial para se evitar um desastre maior.

O comandante Alexandre Borges, do Corpo de Bombeiros, informou ao deputado que o antigo contrato para a empresa prestar manutenção na escada estava com os preços defasados por conta da pandemia e, dessa forma, o governo de Mato Grosso realizou um novo contrato no valor de R$ 1,7 milhão para fazer a manutenção da Magirus até o final de março de 2022.

Thiago Silva também fará indicação na Assembleia Legislativa para que o Corpo de Bombeiros possa adquirir novas escadas Magirus para ficarem como reserva e também atender as cidades polos onde tem aumentado a construção de prédios. “Além do governo entregar novas escadas nas cidades-polo, precisamos substituir as que estão quebradas”, sugere o parlamentar.

Leia Também:  Comissão de Segurança cobra nomeação de aprovados em concurso e discute ações e demandas do setor

Magirus – A Auto Escada Mecânica Magirus é equipada com uma escada de 60 metros de altura e possui diversos equipamentos complementares que a colocam como uma das escadas mecânicas mais modernas do mundo. Ela possui um elevador de resgate com cesto e maca de resgate que comporta até três pessoas, além de sistemas de iluminação, ventilação por pressão positiva e sistema de proteção respiratória individual para até três bombeiros militares. Possui também um canhão monitor, que possibilita o combate a incêndio remotamente, sem necessitar a presença de um bombeiro militar no topo da escada.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:

Política Estadual

Condenados por maus-tratos contra animais podem ser proibidos de novas adoções

Publicados

em

Por

Foto: PEDRO LUIS VELASCO DE BARROS

A prática de maus-tratos a animais domésticos, silvestres, nativos ou exóticos no Brasil é crime previsto na Lei 9.605/98, com pena de 2 a 5 anos de prisão, além do pagamento de multa e inclusão do nome no registro de antecedente criminal, para quem for condenado.

Além do dispositivo legal, tramita na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), o projeto de lei nº 500/2022, desenvolvido pelo deputado estadual Valdir Barranco (PT), que garante que pessoas condenadas pelo crime de maus-tratos aos animais no estado não poderão adotar outros animais.

“Esse projeto é uma grande vitória de todos nós, protetores e ativistas. Ela é clara ao vedar aqueles que tenham sido condenados, com sentença transitado em julgado, pelo crime de maus-tratos, de adotar animais”, disse o parlamentar.

A proposta tem como objetivo principal fortalecer a defesa dos direitos dos animais e sua efetiva proteção contra toda e qualquer forma de maus-tratos. Conforme o texto, o Poder Executivo poderá regulamentar a lei para garantir a execução do texto.

Leia Também:  PEC quer que ALMT passe a conceder autorização para concessão de rodovias em MT

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA