Abastecimento

Seciteci abre 270 vagas para o curso gratuito de Técnico em Agropecuária

Publicados

em

Promovido em parceria com o Governo Federal, por meio do programa Novos Caminhos, o curso será na modalidade Mediotec

Camila Paulino | Seciteci

– Foto por: Seduc MT

A partir desta quinta-feira (20.05), a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci) abre as inscrições para o curso gratuito de Técnico em Agropecuária, promovido em parceria com o Governo Federal, por meio do programa Novos Caminhos. Ao todo, serão ofertadas 270 vagas. As inscrições seguem até o dia 03 de junho e podem ser feitas AQUI.

Segundo o secretário da Seciteci, Nilton Borgato, a ideia é capacitar o maior número de profissionais para o mercado de trabalho, diminuindo as desigualdades sociais e ampliando a geração de emprego e renda no Estado. Este curso, será ofertado na modalidade Mediotec, para alunos de pelo menos 15 anos que cursam o Ensino Médio.

“O Mediotec é um programa que oportuniza aos alunos da rede pública cursar ao mesmo tempo, um curso técnico. Esta ação é focada em oportunizar a estes jovens o ingresso ao mercado, logo após a conclusão dos estudos”, informou o gestor.

Leia Também:  Mato Grosso disponibiliza R$ 160 milhões para recuperação da pecuária do Pantanal

As turmas serão coordenadas por cinco Escolas Técnicas do Estado (ETE’s): Barra do Garças, Sinop, Alta Floresta, Lucas do Rio Verde e Tangará da Serra.

A coordenadora de Educação Profissional e tecnológica da Seciteci, Ana Flavia Derze Soares, explica que as aulas serão presenciais, com previsão de início do segundo semestre deste ano.

“As nossas unidades estão se preparando para dar início ao ensino presencial principalmente em cursos que não tem condições de colocar na modalidade de ensino a distância (EAD), e precisa de aulas em campo, atividades laboratoriais, etc. Para isso, adotaremos todos os devidos cuidados, para evitar possíveis contaminações em sala”, disse ela.

A Seciteci realizará o processo seletivo, conforme critérios definidos em edital e divulgará a lista com as matrículas deferidas no dia 17 de junho. A previsão para o início das aulas é dia 05 de julho. Os alunos receberão certificados após a conclusão do curso. O edital pode ser acessado AQUI.

 

 

COMENTE ABAIXO:

Abastecimento

Deputado discute energia e leva torre de telefonia a Agrovila das Palmeiras

Publicados

em

Por

JB News

 

Expansão do fornecimento da eletricidade foi discutido em audiência pública; moradores contarão com sinal de telefonia celular

O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) liderou na quinta-feira (25) uma audiência pública na comunidade Agrovila das Palmeiras, localizada no município de Santo Antônio de Leverger, para discutir a expansão do fornecimento de energia elétrica na região e ainda temas vinculados à agricultura familiar.

Com a participação de populares no Centro Comunitário José Piccini na Paróquia Nossa Senhora Aparecida, a audiência pública seguiu os protocolos da OMS (Organização Mundial de Saúde) com a obrigatoriedade de utilização de máscaras faciais e constante uso de álcool em gel nas mãos para prevenção ao coronavírus (Covid-19).

O presidente da concessionária Energisa, Riberto José Barbanera, recebeu a demanda de moradores e destacou que o fornecimento de energia elétrica depende de critérios técnicos que serão criteriosamente avaliados para atender a população.

“Nós estamos dispostos a atender a população. Mas isto depende de uma análise técnica feita pelos engenheiros que serão analisadas”, disse.

Leia Também:  7ª Dinetec começa hoje em Canarana

O presidente da Associação de Santo Antônio do Taquaral, Gesubet Rodrigues Ferreira, revelou que o fornecimento de energia elétrica precisa ser expandido para garantir qualidade de vida aos moradores.

“Nós temos uma área para formar um núcleo urbano. São 30 moradores já com mercadinho, Igreja fábrica de pré-moldado e precisamos de energia elétrica. A gente quer atuar na legalidade e não ficar com ligações ilegais”, disse.

Já a presidente da Associação Rural “Seis Marias”, Miguelina Marques da Silva,  declarou que a necessidade de energia elétrica é constante na região, ainda mais porque a economia é movida pelos pequenos agricultores.

“Nós produzimos queijo e leite e a falta de energia constante tem levado à perda de equipamentos. Espero que a nossa necessidade seja atendida. São muitas famílias que precisam. É uma questão de sobrevivência. Não podemos ter uma rede precária de abastecimento”, destacou.

Sinal de telefonia e escritório da Empaer

Na audiência pública, o chefe de gabinete da Metamat (Companhia Mato Grossense de Mineração), confirmou que será atendida uma reivindicação do deputado Wilson Santos (PSDB) para instalar uma torre de telefonia na comunidade Agrovila das Palmeiras.

Leia Também:  Mais de 20 milhões serão investidos na aquisição de produtos da agricultura familiar em MT

“Até 60 dias a torre de telefonia já estará instalada e fornecerá sinal aos aparelhos dos moradores. Nossa equipe técnica passou os últimos dias avaliando qual seria o melhor ponto de localização para já concluir este projeto”.

A Metamat, também já deu início, com dinheiro de emenda parlamentar do deputado Wilson Santos liberado pelo governo do Estado, a perfuração de três poços artesianos para ampliar o abastecimento de água.

O presidente da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), Renaldo Loffi, o “Alemão”, comunicou ainda que a autarquia vai disponibilizar um escritório na comunidade Agrovila das Palmeiras para atender a demanda de pequenos produtores.

“A agricultura familiar encontra no deputado Wilson Santos um parceiro de longa data. E é com muito orgulho que iremos abrir este escritório para ajudar no desenvolvimento da comunidade”, destacou.

Por RAFAEL COSTA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA