Policial

Prefeito de Rondolândia é preso por suposto crime de corrupção

Publicados

em

Prefeito é preso por suposto crime de corrupção


O Grupo Operacional do Núcleo de Ações de Competência Originária (Naco – Criminal), com auxílio do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), prendeu na manhã desta quarta-feira (30), o prefeito do município de Rondolândia, Agnaldo Rodrigues de Carvalho.

A ordem de prisão preventiva foi do desembargador Marcos Machado, atendendo ao pedido formulado pelo coordenador do Naco, procurador de Justiça Domingos Sávio de Barros Arruda, com base nas provas colhidas em inquérito policial que apura suposto crime de corrupção cometido pelo prefeito e, também, pela ex-secretária de Saúde do município, Katia Monteiro.

Segundo apurado, ambos receberam propina do empresário Nélio de Matos Júnior em contrato celebrado entre a empresa F.M. da S. Santos com a prefeitura de Rondolândia, visando o fornecimento de serviços de plantão médico. O empresário estaria pagando aos médicos vinculados à empresa um valor menor do previsto no contrato e a diferença ele repassava ao prefeito e à ex-secretária de Saúde.

Leia Também:  Prefeito Kalil Baracat acompanha instalação de novas bombas de captação de água e da nova adutora que abastecerá a ETA Grande Cristo Rei

No mês de agosto, durante cumprimento de mandados de busca e apreensão policiais do Naco e do Gaeco conseguiram apreender com Nélio de Matos Júnior, uma agenda e anotações constando a “contabilidade” da propina que era paga, bem como comprovantes de depósitos feitos em contas correntes de terceiros indicados pelo prefeito e pela ex-secretária.

Segundo o delegado Rodrigo Azem, que comanda o Grupo Operacional do Naco, depois de ser apreendido todo esse material o empresário resolveu confessar o esquema criminoso. “Ele não teve como negar que pagava a propina desde o início do contrato que foi firmado entre a empresa dele e a prefeitura, embora, muita coisa ele deixou de revelar, porém estamos apurando tudo”, afirmou.

Na ocasião em que os mandados de busca e apreensão foram cumpridos, segundo ele, o prefeito Agnaldo Rodrigues de Carvalho fugiu da cidade ao perceber a movimentação dos policiais em Rondolândia. Na sua casa foram apreendidos não apenas documentos, mas, também armas e munições irregulares.

MOTIVOS DA PRISÃO: De acordo com a ordem judicial, a prisão preventiva ocorrida nesta quarta feira busca garantir a ordem pública, evitar a reiteração criminosa, assegurar a aplicação da lei penal e, também, por conveniência da instrução criminal.

Leia Também:  Governador Mauro Mendes assina nesta segunda, 20, contrato para construção da 1ª Ferrovia Estadual de MT

Segundo o coordenador do Naco, procurador de Justiça Domingos Sávio de Barros Arruda, o inquérito policial deverá ser encerrado com a prisão e o interrogatório do prefeito e de outras pessoas envolvidas no esquema. Depois disso, no prazo máximo de quinze dias, será apresentada a denúncia criminal contra os envolvidos perante o Tribunal de Justiça.

COMENTE ABAIXO:

Policial

Vereadores denunciam e polícia realiza flagrante de uso de maquinários públicos da prefeitura em área privada do secretário de infraestrutura e obras de Santo Afonso na cidade vizinha

Publicados

em

Por

JB NEws

Da Redação

 

Trata-se de um flagrante dos vereadores Roniery Cruz Monteiro do MDB, e Walmir Rezende de Brito (SD), juntamente com a polícia militar da cidade de Santo Afonso, os maquinários do município estavam sendo usado em outro município próximo, Nortelândia, 250 KM da capital no sitio do Secretário municipal de Infraestrutura Admilton Santos Barbosa.

Segundo consta no boletim de ocorrência, os vereadores Roniery e Walmir procurou o tenente Zanetti, e relataram o que estava acontecendo com relação aos maquinários de uso público, onde foram feitos o flagrante da utilização em área privada de propriedade do secretário municipal de Santo Afonso. As máquinas que eram para serem usadas na recuperação das estradas vicinais do município, para dar mais comodidade aos munícipes, e também melhorando a infraestrutura dos bairros da cidade, não estavam acontecendo, por conta de que os maquinários estavam sendo usados para cuidar das pastagens e das terras do secretário municipal de obras e infraestrutura da cidade em outro município, próximo a cidade de Santo Afonso.

Leia Também:  Neri Geller emplaca emenda que aumenta participação das cooperativas no FCO e FNO

Imediatamente, o tenente Zanetti, juntamente com os vereadores se deslocaram até Nortelândia para averiguar a denúncia dos vereadores.

Ao chegar no local indicado pelos vereadores, no assentamento particular São Francisco onde o secretario tem um sítio.

A polícia afirmou que ao chegar no local foi confirmado a denúncia, onde encontraram os maquinários, uma Retroescavadeira fazendo a limpeza do sitio, e o caminhão da prefeitura na sede da mesma área particular do secretário.

O motorista da Retroescavadeira saiu em fuga ao avistar a chegada da polícia militar, abandonando o maquinário da prefeitura no meio da mata. Segundo a polícia o motorista tomou um rumo ignorado.

Diante dos fatos sendo flagrante o delito, a prática de improbidade administrativa confirmado pela polícia militar, os vereadores irão se reunir ainda esta semana para ver quais outros procedimentos serão tomados tanto pela justiça, tanto quanto pelos vereadores nas próximas sessões.

Veja o B.O

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA