CUIABÁ

Por falta de pagamento, médicos não querem cobrir plantão em Cuiabá

Publicados

em

JB News

Uma situação que se agravou na saúde de Cuiabá após várias intervenções e operações da polícia, são as questões dos plantonistas que vem à tona com as diversas e sucessivas falta de pagamentos, e a consequentes interrupções de serviços por conta do não preenchimento das vagas para assumir os plantões.

Nesta quinta-feira uma interrupção por falta de médicos na ala de pediatria, os serviços públicos foram reduzidos por falta de profissional.

Em um comunicado interno em um grupo de médicos nesta quarta-feira 04.10, em que o JB News teve acesso, os profissionais fizeram uma observação que: “A pediatria do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), não teria o atendimento na ala de pediatria por falta de pagamento médico. A responsável pelo plantão não compareceu ao seu posto, alegando não ter recebido os seus plantões.

O JB News entrou em contato com o responsável pela escala, onde foi comunicado a veracidade do comunicado, mas informou também que a Hipermed, empresa responsável pelas contratações já estava ciente do ocorrido e que buscava um outro plantonista para fazer os atendimentos neta noite no HMC.

Leia Também:  CRO-MT questiona processo seletivo da SES-MT

Em nota a Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP), que administra o Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), informa que na tarde desta quinta-feira (4) ficou temporariamente sem plantonista no pronto atendimento pediátrico, o que logo foi resolvido pela administração, que acionou um médico substituto, retomando os atendimentos. Importante salientar que nenhum paciente deixou de ser atendido, já que havia apenas dois pacientes, sendo que um estava aguardando avaliação de otorrinolaringologista e outro aguardando laudo de tomografia, estando o diretor clínico da unidade de prontidão para qualquer necessidade. O atendimento já foi normalizado.

COMENTE ABAIXO:

COVID-19

Emanuel Pinheiro anuncia data de vacinação para crianças de 5 a 11 anos em Cuiabá

Publicados

em

Por

JB News

Por Alisson Gonçalves

 

Em live nesta segunda-feira o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro anuncia data de vacinação para crianças de 5 a 11 anos.

A live será realizada às 19 horas pelo Facebook(emanuelponheiromt).

Além do anúncio das datas de vacinação para o público infantil, durante a live Emanuel também vai ouvir demandas de bairros.

Para quem deseja vacinar seu filho, deverá realizar o pré-cadastro no site “Vacina Cuiabá”,em estudo realizado a estimativa é que cerca de 66 mil crianças sejam imunizadas nesta primeira etapa.

Além disso é necessário que os pais ou responsáveis, acompanhem a dose para que não tenha erro.

Ainda na tarde de ontem VG anúnciou também cadastro para vacinação de crianças de 5 a 11 anos.

Os locais de vacinação escolhidos são:
• Clínicas Médicas do Centro Universitário Várzea Grande – UNIVAG no Grande Cristo Rei;
• Escola Estadual Adalgisa de Barros no Centro da Cidade;
• Escola Estadual Jayme Veríssimo de Campos Jr (Grande Mapim/Imperial).

Leia Também:  Sergio Moro é hostilizado em sua rede social

Para realizar o cadastro em VG será necessário acessar o site da Prefeitura de Várzea Grande, pelo endereço www.varzeagrande.mt.gov.br na aba Imunização Várzea Grande, apresentar documentos pessoais como Certidão de Nascimento, CPF e RG se tiver ou dos pais, mas principalmente o Cartão do SUS e comprovante de endereço.
Para receber a dose, a criança deve estar acompanhada dos pais ou responsável, que precisa apresentar documento pessoal ou enviar autorização assinada.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA