COVID-19

Polos de vacinação em Cuiabá voltam a funcionar normalmente neste sábado

Publicados

em

Polos de vacinação voltam a funcionar normalmente neste sábado (26)

Cadastrados devem ficar atentos ao site Vacina Cuiabá para verificar o agendamento

Por ROBERTA PENHA

Foto: Davi Valle

 

Com a nova remessa de vacinas que foi entregue à Cuiabá nesta sexta-feira (25), a campanha de imunização contra o coronavírus na capital voltará a funcionar normalmente neste sábado (26), com a abertura dos cinco polos de vacinação: Senai Porto, Assembleia Legislativa, Sesc Balneário e os dois drive thru, UFMT e Sesi Papa.

“Recebemos 19.500 doses, e com elas poderemos voltar a campanha com força total. Amanhã voltaremos a vacinar os grupos prioritários anteriores, além de grávidas e puérperas e pessoas sem comorbidades a partir dos 50 anos. Pedimos que as pessoas cadastradas fiquem atentas ao site da Vacina Cuiabá, para que não percam o agendamento. Agendamos 4500 pessoas para serem vacinadas no sábado”, revelou Valéria de Oliveira, coordenadora da campanha de vacinação.

Para se cadastrar, é necessário entrar no site vacina.cuiaba.mt.gov.br e preencher todos os campos obrigatórios. Deste modo, a pessoa entrará em uma fila de espera virtual.  Quando ela for agendada, o sistema do site enviará uma mensagem de WhatsApp automática e/ou um e-mail para a pessoa informando que ela já está confirmada para ir tomar sua vacina. No dia da vacinação, a pessoa deve levar o QR Code do agendamento impresso, um documento com foto e o comprovante de endereço de Cuiabá. Trabalhadores da Saúde, da Educação e jornalistas devem levar a documentação específica para os grupos. A pessoa também deve estar com o cartão do SUS atualizado. Grávidas e puérperas sem comorbidades precisam de um laudo ou encaminhamento médico autorizando-as a tomarem a vacina.

Leia Também:  Stopa assina termo de transmissão temporária das funções de prefeito
COMENTE ABAIXO:

COVID-19

Vacinação da ALMT já imunizou mais de 200 mil pessoas: “Atuação do Parlamento faz a diferença”, diz Russi

Publicados

em

Por

JB News

Legislativo abriu 5 polos de vacina, sendo 3 na baixada cuiabana, 1 em Rondonópolis e 1 em Tangará da Serra.

Mato Grosso já vacinou mais de 40% de sua população, contra a Covid-19, conforme os últimos dados do consórcio de veículos de imprensa. No total já foram aplicadas 3.823.526 doses de vacinas, de acordo com levantamento da Secretaria de Estado de Saúde. Dessas, 239.756 pessoas foram imunizadas nos cinco postos de vacinação, instalados pela Assembleia Legislativa em Cuiabá, Várzea Grande, Tangará da Serra e Rondonópolis. “Esses pontos de vacinação estão sendo essenciais para acelerarmos esses processo de imunização e diminuir o número de óbitos em nosso Estado. Uma ação, que teve a participação de todos os deputados”, avalia o presidente do Legislativo, deputado Max Russi (PSB).

O parlamentar foi um dos entusiastas e um dos principais articuladores para a implantação e ampliação de novos postos de vacinação em MT, na parceria entre Assembleia, prefeituras e parceiros.

“São recursos da Assembleia, que contribui com estrutura, servidores e servidores, dando condições de trabalhar e prestar esse serviço para a população”, complementou.

Leia Também:  “Cuiabá não pode parar e não vai parar”, assegura José Roberto Stopa

No caso do polo de vacinação da Assembleia Legislativa, segundo o quantitativo da Supervisão de Saúde e Qualidade de Vida (SGP), já foram aplicadas 91.921 doses de imunizantes, até o dia 13 deste mês. No de Rondonópolis foram 71.646, Tangará da Serra 40.000 e Várzea Grande 36.189, somados os dois polos da baixada.

De acordo com a gerente de Saúde e Assistência do Legislativo, Ivana Mara Mattos, a vacinação segue normalmente, atendendo a todos os protocolos preconizados pelas autoridades de Saúde e conforme a chegada de mais vacinas.

“Já estamos vacinando, aqui na Assembleia, adolescentes de 12 a 17 anos. Além disso, a terceira dose já está disponível par a faixa etária de 70 anos e profissionais da Saúde. Isso tudo de acordo com a chegada de vacinas”, esclareceu.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA