Cidades

Pichações do CV perdem espaço para sensibilização ambiental

Publicados

em

Em Itiquira, município distante 363 Km de Cuiabá, o Ministério Público solicitou à Prefeitura Municipal que pichações do Comando Vermelho fossem substituídas por mensagens de estímulo à proteção da natureza. A proposta visa combater as ações simbólicas do crime organizado e, ao mesmo tempo, promover a conscientização ambiental.

Citações de Manoel de Barros, Leonardo da Vinci, Rachel Carson, Mahatma Gandhi, Martinho Lutero, Maire Cure, Henry David Thoreau, entre outros, passaram a ocupar posições de destaques em muros da cidade.


“Um dos recursos de que se vale o crime organizado é o esforço de se promover, por meio da exibição de armas, veículos e, ainda, a pichação de locais públicos de grande visibilidade, visando afrontar o Estado e intimidar a população em geral. Assim, é de enorme importância que ações sejam empreendidas para frustrar esse esforço do crime organizado de se projetar na esfera simbólica”, ressaltou o promotor de Justiça Claudio Angelo Correa Gonzaga.


Os fundamentos da proposta, segundo ele, estão na Constituição: “A segurança pública, dever do Estado, direito e responsabilidade de todos, é exercida para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio” (artigo 144, caput). E também no artigo 225: “incumbe ao Poder Público: promover a educação ambiental em todos os níveis de ensino e a conscientização pública para a preservação do meio ambiente”.

Leia Também:  Rodovia asfaltada muda a realidade da população e isso é aplicar bem o dinheiro público", afirma governador em Tabaporã

Confira algumas das frases:

“Chegará o tempo em que o homem conhecerá o íntimo de um animal e nesse dia todo crime contra um animal será um crime contra a humanidade.”
Leonardo da Vinci


“A natureza é o único livro que oferece conteúdo valioso em todas as suas folhas.”
Goethe

“É triste pensar que a natureza fala e que o gênero humano não a ouve.“
Victor Hugo


“A natureza pode suprir todas as necessidades do homem, menos a sua ganância.”
Mahatma Gandhi


“Se eu soubesse que o mundo acabaria amanhã, hoje plantaria uma árvore.”
Martinho Lutero


“Eu fui aparelhado para gostar de passarinhos. Tenho

abundância de ser feliz por isso.”
Manoel de Barros


“Quando as aves falam com as pedras e as rãs com as águas – é de poesia que estão falando.”
Manoel de Barros


“Qual é a utilidade de uma casa se você não tem um planeta tolerável para colocá-la?”
Henry David Thoreau


“Mas o homem é uma parte da natureza, e sua guerra contra a natureza é inevitavelmente uma guerra contra si mesmo.”

Leia Também:  Sema e Bombeiros iniciam curso de formação de brigadistas em Barão de Melgaço

Rachel Carson


“Durante toda a minha vida, as novas visões da Natureza me fizeram alegrar como uma criança.”
Marie Curie

“Nossa tarefa deve ser nos libertar… ampliando nosso círculo de compaixão para abranger todas as criaturas vivas e toda a natureza e sua beleza.”
Albert Einstein


“Destruir uma floresta tropical para obter ganhos econômicos é como queimar uma pintura renascentista para preparar uma refeição.”


Edward O. Wilson

COMENTE ABAIXO:

Cidades

Dupla Nico e Lau leva projeto “Juventude Contra as Drogas” para escola do bairro Pedra 90

Publicados

em

Por

JB News

Por Ana Carla Costa

 

Com o objetivo de conscientizar os jovens sobre os danos causados pelo consumo de drogas lícitas e ilícitas, o Instituto Sociológico de Mato Grosso (Isma) e a dupla humorista Nico e Lau estão percorrendo escolas públicas de Mato Grosso com o projeto “Juventude Contra as Drogas”.

 

De forma lúdica, o projeto, que completou no mês de julho um ano, reúne atividades culturais, como teatro, dança, oficinas e palestras voltadas para o público jovem.

Em julho, o projeto desenvolveu várias atividades presenciais e virtuais, uma delas foi o Arraiá do Castro e Juventude Contra as Drogas realizado na Escola Estadual Dr. Mário de Castro que fica no bairro Pedra 90, em Cuiabá. Com muita música, quadrilha e apresentação de Cururu e Siriri, cerca de 500 jovens participaram das atividades do projeto e vão ser multiplicadores das informações, principalmente dos malefícios das drogas e o impacto negativo que elas causam no organismo e nas relações interpessoais.

 

“Foi um sucesso o nosso arraiá consciente na Escola Estadual Dr. Mário de Castro. Nossa intenção com o projeto é conscientizar os jovens com uma abordagem leve e que possa formar, de fato, lideranças escolares e comunitárias para serem multiplicadores de um conteúdo que é de utilidade pública. Os jovens que participam do nosso projeto serão protagonistas e multiplicadores da importância do pleno exercício da cidadania, em especial na prevenção do uso de drogas, sejam elas lícitas ou ilícitas”, destaca o coordenador do projeto, o sociólogo Hélio Silva.

Leia Também:  Em Juína quatro pessoas são acionadas pelo MPMT por descumprirem isolamento social  

 

O coordenador do projeto explica que o ambiente escolar é o campo de atuação onde se pode vencer a batalha contra as drogas e a degradação pessoal e social que ela causa na sociedade.

 

“Não se pode pensar na educação com uma visão simplista do ensinar a ler e escrever. É preciso formar cidadãos conscientes de seus direitos e deveres. Essa formação social e cidadã do aluno é transformadora e possui infinitas possibilidades, inclusive na consciência da necessidade de uma formação que previna o uso de drogas”, frisa Silva.

 

Para Nico, que é da dupla Nico Lau e parceiro do projeto, a conscientização sobre as drogas precisa ser constante, uma vez que o uso aumentou no Brasil durante a pandemia do coronavírus.

 

“Temos uma vasta experiência com campanhas educativas e percebemos que as atividades culturais, como o humor, são eficientes no processo de conscientização dos jovens”.

 

O humor também é utilizado pela dupla nos vídeos aulas do projeto. “Nos vídeos aulas que são apresentados de forma virtual ou presencial para os estudantes de escolas públicas e privadas de Mato Grosso vão ser abordados vários temas com especialistas das áreas, mas a abertura da aula sempre é feita pelos humoristas Nico e Lau. A popularidade e o talento da dupla é um grande atrativo para o jovem. O mais gratificante é ver que o projeto vem dando resultados satisfatórios”, comemora Hélio Silva.

Leia Também:  Seminário Novos Gestores destaca conquistas e desafios para os municípios

 

Os vídeos aulas do projeto possuem oito minutos de duração e poderão ser assistidos pelas plataformas das escolas ou pelo canal do YouTube do Projeto Juventude Contra as Drogas . Nos vídeos, os especialistas abordam temas variados. As escolas interessadas em participar do projeto poderão entrar em contato com o Isma através do email: institutosociologicomt@gmail.com. O arrariá educativo na escola estadual do Pedro 90 pode ser assistido pelo canal Youtube do Projeto Juventude Contra as Drogas.

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA