Polícia Federal

Operação da PF desarticula quadrilha na prefeitura de Jangada na manhã desta quinta-feira

Publicados

em

JB NEws

Por Jota de Sá

 

A polícia federal (PF) desencadeou na manhã desta quinta-feira (26.08), em parceria com Controladoria Geral da União (CGU), a operação Escorpiones, para desarticular um esquema de corrupção entre a prefeitura e empreiteiras.

O esquema se dava pela pratica de fraudes em processos licitatórios realizado pelo prefeitura de jangada.

A ordem de busca e apreensão foi dada pelo juiz da 5ª Vara Federal da Sessão jurídica de Cuiabá-MT, além de Jangada ordem também foi cumprida em Cuiabá.

A justiça também determinou o bloqueio de valores nas contas dos investigados, além de sequestros de bens, bloqueio de previdência privada, e o afastamento de um servidor público da suas funções.

Após uma notícia-crime recebida pela PF acerca da existência de um esquema de fraudes nas licitações de obras públicas realizadas entre os anos de 2018 e 2020, as fraudes aconteciam com a permissão e ajuda de agentes públicos e empresários.

Foram identificados irregularidades com o objetivo de favorecer indevidamente algumas empresas que segundo as investigações jamais haviam realizadas qualquer obra pública.

Leia Também:  Prefeito de Chapada Osmar Froner se manifesta favorável a realização de festas de Réveillon

Segundo a PF os direcionamentos de licitações eram feitos para pessoas sem capacidade técnica e operacional, que eram vinculadas a agentes públicos municipal, além das execuções de obras de infraestrutura básicas em loteamentos de caráter privado. As obras culminaram na valoração de 359 lotes pertencentes a ex-secretária municipal.

Pelas investigações da CGU o prejuízo aos cofres públicos chegou na casa de R$ 1.776.998,81, também foram constatado que no ano de 2017 a 2020 foram efetuados saques de R$ 2.160.430,00 em espécie pela quadrilha, diretamente das contas da prefeitura de Jangada.

As investigações  serão continuadas para saber se existe a possibilidade de outros atores da politica municipal  estão envolvidos no esquema de corrupção.

 

COMENTE ABAIXO:

Nacional

PF deflagra opreação para combater abuso sexual infantil, e descobre laboratórios de filmes pornográficos

Publicados

em

Por

JB News

Da Redação

Foto: Creative

A Polícia Federal, deflagrou nesta manhã de sexta-feira 3/12, a Operação Lobos 2,que visa combater abuso sexual. l infantil no Brasil.

Ao todo estão sendo cumpridos 104 mandados de busca e apreensão e 8 mandados de prisão preventiva, distribuídos em 20 estados e no Distrito Federal.

De acordo com as informações, os criminosos utilizavam site pornográficos que eram utilizados por mais de 1.800.000 (um milhão e oitocentos mil) usuários, em todo o mundo, para postar, adquirir e retransmitir materiais relacionados à violência sexual contra crianças e adolescentes.

Será realizada um coletiva de imprensa e os estados alvos da Operação são Mato Grosso, Alagoas, Amazonas, Ceará, Espírito Santos, Goiás, maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Tocantins e o Distrito Federal.

Na cidade de Cuiabá teve um mandato de busca e apreensão, e apenas um suspeito de 20 anos  foi preso em flagrante, em posse e  armazenamento de conteúdos infantis.

Leia Também:  Reunião da CPI dos Medicamentos que estava prevista para acontecer nesta sexta-feira foi adiada

A Policia federal cumprem um outro mandato no município de Colniza.

Segundo os Agentes Federais em duas residências foram encontradas objetos e roupas que eram utilizados em gravações de pornografia infantil e abuso infantil.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA