Economia

Governo retoma obras da ZPE de Cáceres ainda em fevereiro

Publicados

em

Governador Mauro Mendes anunciou retomada após reunião desta quinta-feira (13)

Lucas Rodrigues | Secom-MT

Obras da ZPE de Cáceres serão retomadas – Foto por: Rafaella Zanol
A | A

O Governo do Estado vai dar ordem de serviço para a retomada das obras da Zona de Processamento de Exportações (ZPE) de Cáceres (217 km de Cuiabá), no dia 20 de fevereiro deste ano.

Veja o vídeo aqui;👇

Meus amigos, uma excelente notícia para a região sudoeste: vamos reiniciar as obras da Zona de Processamento de…

Posted by Mauro Mendes on Thursday, February 13, 2020

O anúncio foi feito pelo governador Mauro Mendes na tarde desta quinta-feira (13.02), após reunião que tratou do Plano de Trabalho para a região.

Participaram da reunião a secretária-executiva e o coordenador do Conselho Nacional das ZPEs, Thaise Dutra e Leonardo Rabelo de Santana, respectivamente; os secretários Mauro Carvalho (Casa Civil), César Miranda (Desenvolvimento Econômico) e Celso Banazeski (adjunto de Indústria, Comércio, Minas e Energia); e os deputados estaduais Valmir Moretto e Dr. Gimenez.

“No dia 20 de fevereiro o Governo estará dando ordem de serviço para reiniciar a obra e vamos tomar uma série de providências que está sendo deixada como lição de casa pelo Ministério da Economia. Isso tudo para tornar esse sonho uma realidade pelos próximos meses, para o bem de Mato Grosso”, afirmou o governador.

Leia Também:  Kalil entrega 15 milhões em obras e anuncia construção de novo pronto socorro para Várzea Grande

Mauro Mendes relatou que a ZPE de Cáceres foi criada há mais de 30 anos e, até o momento, “muito pouco ou quase nada foi feito”.

“A ZPE é Em Cáceres, mas ela é de Mato Grosso, e será importante para que possamos ter mais competitividade nas exportações do nosso Estado”, assegurou.

Para o secretário César Miranda, a obra trará um salto para o desenvolvimento não só da região Oeste, mas de todo o Estado.

“O Governo de Mato Grosso irá focar no desenvolvimento regional. Acredito que a ZPE localizada em Cáceres tem um potencial enorme para atrair investimentos voltados para a exportação”, declarou.

Conforme o secretário adjunto Celso Banazeski, a medida anunciada pelo governador mostra que a gestão tem dado “enorme importância” e priorizado a continuidade das obras.

O deputado Valmir Moretto também mencionou que a ZPE de Cáceres é um anseio muito forte da população local, uma vez que o projeto foi desenvolvido em 1990.

“Essa ZPE é esperada há muitos e muitos anos. Esperamos e contamos com a eficiência e competência desta gestão. Quero parabenizar o governador por ter enxergado essa importante pauta. Muitos já nem acreditavam que isso seria possível, mas nós confiamos na eficiência desse governo para isso”, afirmou.

Leia Também:  200 vagas de emprego em Cuiabá e Várzea Grande estão abertas para seleção

O relato foi reforçado pelo deputado Dr. Gimenez. Ele acredita que a ZPE irá atrair investidores e, consequentemente, mais prosperidade para a região.

“Com essa novidade, vamos colocar o Estado em competitividade com os demais estados, barateando custos e tendo toda a América do Sul como clientela. Trará mais recursos e mais renda para a população do sudoeste do Estado”, garantiu.

O que são as ZPEs 

As Zonas de Processamento de Exportação caracterizam-se como áreas de livre comércio com o exterior, destinadas à instalação de empresas voltadas para a produção de bens a serem comercializados no exterior. Elas são consideradas zonas primárias para efeito de controle aduaneiro. As empresas que se instalam em ZPE têm acesso a tratamentos tributário, cambiais e administrativos específicos.

Em Mato Grosso, a ZPE dará a possibilidade de abertura para o mercado internacional. De acordo com a legislação vigente, 80% do que as indústrias produzirem no local poderá ser exportado e 20% deverá ficar no mercado interno.

COMENTE ABAIXO:

Economia

200 vagas de emprego em Cuiabá e Várzea Grande estão abertas para seleção

Publicados

em

Por

Fort Atacadista abre mais de 200 vagas em Cuiabá e Várzea Grande; seleção começa nesta terça (11)

Rede vai selecionar profissionais para a nova loja na saída para Chapada

Em ritmo de expansão em Mato Grosso, a rede Fort Atacadista, bandeira de atacarejo do Grupo Pereira, está recrutando profissionais para a nova unidade de Cuiabá que será inaugurada nos próximos meses. Ao todo, são mais de 200 vagas disponíveis para diferentes cargos. A quarta loja da rede no Estado está em fase de obras e fica na saída para Chapada dos Guimarães.

As seletivas acontecem em Cuiabá, das 8h às 12h e das 13h30 às 18h, com entrega de senhas, nos seguintes dias:
– 11, 12 e 13 de maio: Paróquia Divino Espírito Santo (Rua Jornalista Amaro de Figueiredo Falcão, 622, bairro CPA I);

– 19 e 20 de maio: Creche Rosa Mutran Maluf (Rua 22 de Novembro, bairro Jardim União) para abranger as comunidades em torno da obra.
Serão atendidas 150 pessoas por período.

Todas as vagas têm como requisito obrigatório o Ensino Médio completo com comprovação. Os interessados devem comparecer presencialmente com currículo impresso, documento com foto e utilizando máscara facial de proteção. As oportunidades se estendem para Pessoas com Deficiência (PCD).

Leia Também:  Fórum Agro entrega documento sobre Zoneamento ao governador

Vagas disponíveis:
– Conferente;
– Técnico de carnes;
– Repositor;
– Cartazista;
– Cozinheira;
– Auxiliar de cozinha;
– Auxiliar de perecíveis (açougue, congelados e hortifruti);
– Auxiliar de manutenção;
– Auxiliar de estacionamento;
– Auxiliar de prevenção;
– Operador de caixa;
– Operador de empilhadeira.

OUTRAS VAGAS

O Fort Atacadista também está com vagas de emprego abertas para cargos nas lojas já existentes em Cuiabá e Várzea Grande. As oportunidades são para as funções de operador de caixa, repositor de loja, repositor noturno, auxiliar de prevenção, promotor de cartão Vuon Card, técnico em manutenção e operador de empilhadeira noturno. As lojas também oferecem vagas para pessoas com deficiência (PCD).

Os requisitos exigidos são possuir RG/CPF, Carteira de Trabalho Digital e Ensino Médio Completo. Para a função de operador de empilhadeira noturno é preciso possuir CNH, curso de operador de empilhadeira, Trabalho em Altura (NR-35), experiência na área e disponibilidade para trabalhar no período noturno.

Pretendentes ao cargo de promotor de cartões, além do Ensino Médio completo, precisam ter disponibilidade de horário e conhecimento básico em informática. Experiência em vendas para essa função conta como diferencial.

Leia Também:  Fórum Agro pede a AL novo estudo do Zoneamento Socioeconômico e Ecológico

O processo seletivo aos interessados ocorrem todas as segundas-feiras, às 14h, nas lojas do Fort Atacadista em Cuiabá, nas Avenidas Miguel Sutil e Fernando Corrêa da Costa e, em Várzea Grande, na avenida da FEB. O candidato pode procurar a unidade mais próxima da sua residência.

Interessados nas vagas de operador de empilhadeira noturno e repositor noturno devem comparecer na loja Fort Atacadista da Miguel Sutil. Já os concorrentes à vaga de promotor de cartões devem comparecer ao Comper da Prainha, ao lado do Ginásio São Gonçalo.

O Grupo Pereira atua no varejo e atacado com as bandeiras Comper, Fort Atacadista e Bate Forte. São mais de 15 mil funcionários nos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, São Paulo e no Distrito Federal.

Luciane Mildenberger
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA