MEIO AMBIENTE

Empresa é multada por descartar entulho em área de preservação ambiental

Publicados

em

Caminhão de coleta de entulho estava fazendo descarte no bairro Santa Luzia, localizada na região do grande Parque do Lago

Uma área de preservação ambiental no bairro Santa Luzia – localizada na região do grande Parque do Lago – tem sofrido com a falta de conscientização de pessoas e empresas que insistem em fazer o descarte de resíduos sólidos no local, causando poluição e degradação, o que tem obrigado o poder público a realizar, regularmente, mutirões de limpeza para amenizar os problemas causados por essa ação.

Na tarde de ontem (11), fiscais da Secretaria de Meio Ambiente e agentes da Guarda Municipal foram informados da presença de um caminhão de coleta de entulho, fazendo o descarte irregular nas margens de um lago, eles foram até o local e constataram o fato. O motorista do veículo, ao perceber a chegada dos servidores da Prefeitura Municipal, fugiu do local abandonando o veículo.

“Fizemos a apreensão do caminhão e a remoção para o Sisc do Parque do Lago, onde foi registrado um Boletim de Ocorrência. O proprietário da empresa compareceu na delegacia para prestar os esclarecimentos. Fiscais do Meio Ambiente também fizeram a autuação da empresa, que terá que arcar com esse mal exemplo”, informou o subcomandante da Guarda Municipal, Alexander Gouveia Ortiz.

Leia Também:  Secretária Ana Cristina reúne presidentes de bairros e alinha estratégia para o desenvolvimento de projetos

Ele disse ainda que para a denúncia de descarte irregular de lixo, qualquer cidadão pode entrar em contato com a Guarda Municipal pelo número 153, ou na secretaria de Meio Ambiente de Várzea Grande pelo telefone (065) 3692-6828.

O secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural e Sustentável, Célio Santos, lembra que a Prefeitura Municipal de Várzea Grande vem atuando de forma intensa nesta e em várias outras localidades que são usadas como bolsões de lixo, e onde são descartadas além de lixos domésticos, material de construções, móveis dentre outros utensílios.  “No ano passado realizamos várias forças tarefas envolvendo as secretarias de Meio Ambiente, Serviços Públicos e Viação e Obras na ação de limpeza de lagoas e áreas de preservação, porém a falta de conscientização de pessoas e empresas acaba dificultando o nosso trabalho. Se não houver o comprometimento de todos, e a punição das pessoas que contribuem com esse ato criminoso, a questão não será solucionada”, lamentou.

O secretário de Meio Ambiente disse ainda que o prefeito Kalil Baracat e o vice-prefeito José Hazama se comprometeram em aumentar o número de fiscais para intensificar os trabalhos de fiscalização de áreas de preservação ambiental, como as que são usadas para descarte irregular de lixos. “A gestão já convocou aprovados no último concurso e com a inserção desses novos servidores, teremos a possibilidade de ampliar ainda mais o serviço de fiscalização”, informou.

Leia Também:  Homem entra no Pronto Socorro de Várzea Grande efetua tiros e sai normalmente

Célio Santos lembra ainda que a secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural e Sustentável já dispõem de tecnologia moderna e eficiente como drones, que também estão sendo usados no trabalho de fiscalização.

COMENTE ABAIXO:

MEIO AMBIENTE

Governo desmente notícia falsa de que Portão do Inferno está desmoronando

Publicados

em

Por

JB News

Por Nayara Cristina

Foto :Otmar de Oliveira

 

Após 10 mortes confirmadas em Capitólio Minas Gerais, onde uma rocha de pedra se desprendeu caindo sobre as lanchas com turistas intensificou ainda mais o cuidado.
Nesta semana alguns veículos de comunicação noticiou falsamente que o Portão do Infernolocalizado na estrada de Chapada dos Guimarães na MT 251 em MT, tanto quando os paredões estava se desprendendo e caindo.
Diante da notícia populares preocupados começaram a replicar a notícia no intuito de informar por quem ali passar, o que não foi preciso .
O governo já havia feito uma vistoria técnica para verificar o estado dos paredões na semana passada, onde informou as boas condições e tranquilidade para trafegar pela região.
E emitiu um laudo confirmando as vistoria.
Diante da euforia causada pela falsa notícia o governo emitiu uma nota desmentindo os veículos de comunicação.
Veja :👇
Na semana passada, equipes do governo vistoriaram a região e apontaram que a trafegabilidade da via permanece segura à população

Secom-MT

A | A

O Governo de Mato Grosso esclarece que não houve novo deslizamento de terras na MT-251, na região do Portão do Inferno, em Chapada dos Guimarães. Nesta segunda-feira (17.01), equipes da Secretaria Adjunta de Proteção e Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros Militar estiveram no local e não constataram novo deslizamento.

Leia Também:  Polícia descaracterizada mata um bandido fere e prede outro ao serem abordados em assalto

A Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra) monitora o local e também não verificou bloqueio de pista da rodovia. Na semana passada, equipes do governo vistoriaram a região e apontaram que a trafegabilidade da via permanece segura à população.

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA