Estadual

Deputado Claudinei visita Associação dos Pacientes Oncológicos de Rondonópolis

Publicados

em

 

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) esteve na sede da Associação dos Pacientes Oncológicos de Rondonópolis (APOR), nesta sexta-feira (7), para conhecer os trabalhos e projetos desenvolvidos pela instituição que atende a população das regiões sul e sudeste de Mato Grosso. O vice-presidente Adevaldo Narciso da Costa e a gestora Silvana Faustino Santana da entidade receberam e deram as informações necessárias ao parlamentar.

“Conhecemos os trabalhos preventivos que são feitos, exames como o ultrassom para prevenção ao câncer de mama, sendo que todos os encaminhamentos vão para a Santa Casa de Rondonópolis. Conhecemos toda a estrutura física, como a Casa de Apoio que tem poucos lugares para receber pacientes e familiares e os Centros de Imagens e Prevenção que garantem um atendimento humanizado ao público”, detalha Claudinei.

Casa de Apoio

De acordo com Adevaldo, a entidade é sem fins lucrativos, de caráter beneficente e assistencial, que depende do apoio voluntário e de parcerias para conseguir obter recursos para a manutenção do atendimento ao público. “Hoje, precisamos de uma Casa de Apoio com 60 lugares para abrigar os pacientes e familiares e contamos com o apoio do deputado Claudinei”, comenta o vice-presidente.

A atual Casa de Apoio da instituição existe desde 2010, com capacidade para abrigar 23 pessoas. Segundo Silvana, a APOR tem um projeto que foi orçado em R$ 1,6 milhões para a construção de um novo espaço, em terreno de cerca de 1 mil m², para ampliar a quantidade de lugares aos pacientes e familiares que não residem em Rondonópolis. “O espaço atual está sendo revitalizado e reformado com o apoio da Lions Clube de Rondonópolis. Só que o espaço é muito pequeno. Terminamos de pintar e colocamos móveis”, explica.

Leia Também:  Indicação de João Batista é atendida e MT-402 deve receber pavimentação asfáltica

“Vou continuar na luta para ter um espaço para atender este público que não mora em Rondonópolis e precisa ter assistência necessário para o tratamento oncológico. Com o Centro de Radioterapia da Santa Casa, o propósito é atender os municípios das regiões sul e sudeste, como, também, do Vale do Araguaia, que resultará em 25 cidades. Vamos buscar os recursos necessários, seja por meio da Assembleia Legislativa, emendas parlamentares e pelo Consórcio Regional de Saúde Sul de Mato Grosso (Coress)”, diz o parlamentar.

Estrutura

Silvana também apresentou o Centro de Imagens que é um espaço para a realização de mamografias, em que os pacientes recebem almoço e café da manhã, fazem consultas, biopsias e, conforme aqueles que realizam quimioterapia, a Associação providencia os cateteres.

Ela explica que, no ano de 2012, foi firmada a parceria com a Santa Casa de Rondonópolis, onde foi construído no segundo andar da unidade hospitalar 18 apartamentos, centros cirúrgicos, instalação de 42 leitos, aquisição de móveis e equipamentos que foram investidos pela Associação. “Agora, este andar atende casos de pacientes com Covid-19 e tudo foi restruturado para o terceiro andar. A parceria continua. O Centro de Prevenção, com fisioterapia, nutricionistas e psicólogo, agora é na APOR por causa da Covid-19. Antes era na Santa Casa”, esclarece a gestora.

Leia Também:  Deputado quer instalar ciclovia no Parque Mãe Bonifácia

Entidade – A APOR foi fundada em 2009 e é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip). Outros projetos que visam o acolhimento e atendimento humanizado pela instituição envolvem os trabalhos de voluntários como o projeto “Doutores da Alegria”, distribuição de cestas básicas, doação de cabelos para a produção perucas, prótese de silicone que são inseridos em sutiãs, lenços para a cabeça, entre outras iniciativas que visam contribuir com a auto-estima das mulheres. Neste ano, a unidade teve 20 novos casos de pacientes com câncer e 29 estão sendo acompanhados e foram diagnosticados no ano passado.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:

Estadual

Deputado Nininho apresenta indicações nas áreas de infraestrutura e telefonia para Rodovia do Peixe, em Rondonópolis

Publicados

em

Por

 

De acordo com o deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, as demandas acerca de Infraestrutura e telefonia móvel foram entregues pelo presidente da Associação dos Pequenos produtores Rurais da Gleba Selva de Pedra e Gleba São José da Boa Esperança, Alcimar Borges, que recentemente esteve no gabinete do parlamentar na Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso (ALMT), com apontamentos importantes para a população que reside às margens da MT-471, denominada Rodovia do Peixe. A reunião também foi acompanhada por Silvana Maria, membro da Associação.

Conforme a indicação nº 2893/2021, o deputado solicitou à Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (SINFRA), estudos com a finalidade de viabilizar a implantação de uma ciclovia ao longo da Rodovia do Peixe. “Temos pontos relevantes para a implantação da ciclovia, primeiro porque vai atender a população local  com o trânsito de bicicletas na via com segurança, e segundo, porque vai promover o turismo e o laser  com os passeios”, justificou o deputado.

Já a indicação nº 2895/2021, também à SINFRA, diz respeito à duplicação do início da pavimentação asfáltica da Rodovia do Peixe. Para Nininho, a solicitação é um anseio de toda a população. “Nós precisamos melhorar o fluxo de trânsito e, promover a segurança aos condutores e pedestres, a duplicação vai evitar acidentes, especialmente no início da Rodovia até o final da Avenida Daniel Clemente, no perímetro urbano de Rondonpópolis”, explicou o parlamentar.

Leia Também:  Carros de aplicativo passam a ter isenção para do IPVA 2021

Sobre a telefonia móvel e internet ao longo da MT-471, Alcimar Borges, destacou a necessidade de instalação de uma torre de expansão. Sob a indicação nº 2894/2021, ao Governo do Estado e Diretores Regionais de telefonia móvel Vivo, Oi, Claro e Tim. “Nós temos na região as comunidades PA Rio Vermelho, PA Pau D’Alho (Gleba São João), que precisam do acesso com frequência, e ainda temos o comércio local e demais comunidades rurais. Nós temos nesta região aproximadamente 900 pessoas permanentes e, este número se multiplica nos finais de semana”, observou Nininho.

O representante da região pontuou que as demandas têm a finalidade de dar qualidade de vida para todos que moram na região, bem como, receber os visitantes com mais conforto. “A Rodovia do Peixe é um lugar admirado por todos que passam por ali, mas é como falamos com o deputado, é preciso pensar nas melhorias para que possamos atender a população e, atrair mais turistas. Acreditamos na gestão do deputado pelas demandas e, desde já agradecemos toda sua atenção conosco”, ratificou Alcimar Borges.

Leia Também:  Projeto de Lei pode garantir distribuição de medicamentos para tratamento inicial da Covid-19
Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA