Destaque

Secretária: Governo de MT já entregou 46 mil cestas básicas em Cuiabá, mas Prefeitura está inerte

Publicados

em

Titular da Secretaria de Assistência Social explicou que Estado está fazendo repasses em dia ao município, mas resultados não aparecem

JB News

Da Redação

A secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Rosamaria Carvalho, questionou a inércia da Prefeitura de Cuiabá em relação à atuação na área social, em especial no combate à fome dos mais vulneráveis.
A omissão foi evidenciada pelas reportagens na mídia local e nacional, que saíram nos últimos dias, quando foi mostrada a fila de pessoas para receber doação de “ossinhos” de uma empresa.
De acordo com a secretária, o município tem recebido os repasses em dia do Governo do Estado a título de cofinanciamento para aplicar na área social, valores suficientes para aquisição de milhares de cestas básicas. Além disso, conforme Rosamaria, também é dever da Prefeitura fazer investimentos próprios para auxiliar a segurança alimentar das famílias.
“A Assistência Social é uma responsabilidade objetiva das prefeituras, e cabe ao Estado fazer os devidos repasses de cofinanciamento, o que ocorre rigorosamente em dia. Por isso me espanta ver cenas como a fila para receber ossinhos. Essas pessoas deveriam estar sendo assistidas, pois o Estado faz repasses e a Prefeitura deveria fazer os devidos investimentos”, questionou.
Rosamaria registrou que a Setasc já recebeu, somente neste ano, mais de 3 mil ofícios de diversas entidades assistenciais de Cuiabá, pedindo milhares de cestas básicas.
Ela destacou que essa quantidade de pedidos chama a atenção, pois somente o Governo do Estado já entregou mais de 46 mil cestas básicas neste ano em Cuiabá, por meio do programa Vem Ser Mais Solidário, liderado pela primeira-dama Virginia Mendes.
“Queremos saber quantas e quais entidades a Prefeitura beneficiou com cestas básicas, até mesmo para que a distribuição pelo Estado possa atender também outras instituições, para não haver duplicidade. Mas infelizmente não há transparência”, pontuou.
A secretária ainda lamentou que a Prefeitura tenha fechado o Prato Popular municipal, no início da pandemia, e não tenha retomado até hoje o serviço de alimentação aos mais carentes.
“Nós tivemos que parar com o atendimento presencial no Prato Popular por conta da pandemia, mas nos reinventamos e no mesmo local fazemos a entrega das refeições e marmitas aos moradores de rua e pessoas carentes. São 200 refeições no almoço e 200 marmitas no jantar, todos os dias. Já entregamos mais de 34 mil refeições no almoço e 35 mil marmitas no jantar este ano. É preciso fazer muito mais, porém não temos respaldo do município”, lamentou.

Leia Também:  Medeiros destaca atuação de ministra na defesa da criança e do adolescente

Rosamaria também destacou a criação do programa SER Família Emergencial, que tem auxiliado cerca de 100 mil famílias em todo o estado, sendo mais de 12 mil somente em Cuiabá, com auxílio de R$ 150 por mês. A ajuda será estendida até o final de 2022, e o Estado ainda ofertará cursos de qualificação para um membro de cada família, de forma a ajudar os cidadãos a encontrarem oportunidades de uma vida melhor.
“Foram mais de 1 mil vagas nos postos do Sine em Cuiabá. A partir de setembro, vamos colocar gradativamente à disposição mais de 1 mil vagas de qualificação profissional. Nosso objetivo não é fazer somente assistencialismo, mas também ajudar essas pessoas a encontrarem uma colocação no mercado de trabalho”, finalizou.

COMENTE ABAIXO:

Destaque

Conexão TCE será lançado no próximo dia 23 em Primavera do Leste

Publicados

em

Por

JB News

O Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) lança, às 19h da próxima quinta-feira (23), o projeto Conexão TCE, que tem por objetivo aproximar ainda mais o órgão de controle externo dos municípios e aprimorar os resultados entregues à população. A primeira edição será realizada em Primavera do Leste, no auditório do Hotel Transamérica.

Na oportunidade, o presidente do TCE-MT, conselheiro Guilherme Antonio Maluf, irá ministrar palestra com o tema “O Tribunal nos municípios e mais próximo aos cidadãos”. Já o conselheiro Antonio Joaquim abordará “A interação com o cidadão ampliando a transparência das ações” e o procurador-geral da Contas, Alisson Carvalho de Alencar, falará sobre “O Ministério Público de Contas e a importância dos órgãos de controle interno dos municípios”.

“O Tribunal de Contas está trabalhando fortemente nessa aproximação com os municípios. Nesta primeira edição do Conexão TCE, estaremos com representantes de Primavera do Leste e mais 13 municípios do entorno para debatermos a importância do controle externo”, declarou o presidente do TCE-MT.

Iniciativa da Assessoria Parlamentar (Aspar) do TCE-MT, o evento também será transmitido no canal da Prefeitura de Primavera do Leste no YouTube e contará com a participação de prefeitos, secretários municipais, controladores internos, procuradores municipais, vereadores e representantes de associações e da sociedade civil organizada.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Instituições se unem para fortalecer reinserção social de reeducandos
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA