Agricultura familiar

Várzea Grande recebe projeto piloto de qualificação de pequenos produtores de suínos

Publicados

em

 

O prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, aponta como de fundamental importância o apoio ao pequeno produtor rural, com ferramentas que impactam em menor custo de produção e aumento da produtividade. Em reunião no Paço Municipal, o prefeito recebeu o vice-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, o deputado estadual Dilmar Dal Bosco, o diretor executivo da Associação dos Criadores de Suínos de Mato Grosso – Acrismat – Custódio Rodrigues de Castro Júnior, vereadora Rosy Prado, especialistas e técnicos do setor da suinocultura do Estado para tratar sobre o “Projeto de Qualificação de Pequenos Produtores de Suínos de Mato Grosso”.

Várzea Grande foi o município escolhido para ser o piloto da iniciativa, que consiste em promover qualificação e treinamento aos pequenos produtores, quanto ao melhor manejo da suinocultura de criatórios, relativo ao processo de produção, comercialização e de distribuição, com foco na inclusão produtiva e geração de renda. “Tenho um compromisso com a agricultura familiar, de destinar um percentual do orçamento municipal para fomentar políticas públicas destinadas aos pequenos produtores rurais, além de fortalecer as parcerias com as entidades que atuam no setor, buscando alternativas para contribuir com o seu desenvolvimento”, pontuou o prefeito.

Leia Também:  Mato Grosso registra 84 mortes e 3.388  casos de Coronavírus ronavírus

Para o deputado estadual Dilmar Dal Bosco, o projeto tem a intenção de trabalhar com os pequenos produtores, associações e cooperativas, envolvendo entidades do setor. “Apresentamos o projeto para o prefeito Kalil por reconhecer Várzea Grande como referência no Estado. Queremos contribuir para o levantamento, quantificação e qualificação dos pequenos produtores de suínos do município e avançar, juntos, nos programas voltados para a agricultura familiar”, afirmou ele.

Segundo a economista e consultora da Acrismat, Alda Tereza Castro, é preciso mapear os criatórios de suínos, levando informações acerca da legislação, e acompanhar a atividade sob o aspecto econômico, social, de sanidade animal e de vigilância sanitária. “Com a melhoria na produção, o produtor de suíno de criatório obterá maior produtividade e ganho, gerando mais renda, promovendo a inclusão social das famílias que vivem dessa atividade, impactando em melhores condições de vida para todos os envolvidos direta e indiretamente”, destacou a economista, acrescentando que após a fase de diagnóstico, serão desenvolvidas as capacitações.

Com mercado interno em franco crescimento, a suinocultura é uma atividade consolidada no Brasil, com tecnologia para abarcar as áreas de produção, que passam pela genética, nutrição, sanidade, manejo, instalações e equipamentos. “Considerando as exigências do mercado consumidor, como os cuidados com a segurança alimentar, os pequenos produtores precisam se adequar para acompanhar essa tecnologia produtiva e serem também competitivos”, acrescentou.

Leia Também:  Para Wellington Fagundes, o quadro mudou e Bolsonaro que deve convocar seu rival para um debate Nacional

O prefeito sinalizou positivamente para a iniciativa e sugeriu uma agenda de trabalho imediata para início da parceria, que tem previsão de um ano para se desenvolver. O projeto, cujos proponentes são a Acrismat e a Assembleia Legislativa de Mato Grosso, conta com apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Senar; EMBRAPA – Suínos e Aves; e o Fundo de Sanidade e Desenvolvimento da Suinocultura – FSDS.

COMENTE ABAIXO:

Agricultura familiar

Prefeitura entrega mudas, equipamentos e implementos aos agricultores familiares do assentamento “Sadia 3” nesta quinta-feira

Publicados

em

Por

Serão entregues, nesta quinta-feira (26), um trator agrícola “Massey Ferguson” de 110 cv, acompanhando de implementos como carreta e grade aradora, conjunto também chamado de “patrulha mecanizada”. Além disso, serão entregues 400 mudas de árvores nativas e frutíferas

A prefeitura de Várzea Grande, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural Sustentável, realiza nesta quinta-feira (26), a partir das 15h, no Assentamento Sadia 3, a entrega de um trator agrícola ‘Massey Ferguson’ de 110 cv, acompanhando de implementos como carreta e grade aradora, conjunto também chamado de ‘patrulha mecanizada’.

Além de equipamento para uso dos agricultores familiares da comunidade, serão entregues também 400 mudas de árvores nativas e frutíferas – especialmente de caju e goiaba – com o objetivo de fomentar a produção dos assentados.

O titular da Pasta, Célio Santos, explica que o maquinário irá beneficiar diretamente a produção familiar de cerca de 400 pequenas propriedades que integram o Sadia 3. “Esses equipamentos chegam para facilitar e promover agilidade às atividades da região, fomentando a produção do assentamento”.

Leia Também:  Agricultura familiar e microempresas terão certificação de qualidade nos produtos do MT

O trator é fruto de Termo de Cessão entre a Secretaria de Estado Agricultura Familiar (Seaf/MT) e a prefeitura de Várzea Grande. Ainda segundo Célio Santos, até o final deste mês, por meio de outro Termo de Cessão, serão entregues dois microtratores – também acompanhados de implementos – para atendimento das demandas do Sadia 3 e da agricultura familiar do Distrito de Limpo Grande.

“Essa patrulha se encaixa às demandas de produção da olericultura e por isso atende ao perfil dessas duas comunidades”. A olericultura é responsável pela produção e oferta de hortaliças, folhas, raízes e tubérculos, por exemplo. Outra vocação do Limpo Grande é a produção de ‘caixarias’ – quiabo, maxixe e berinjela – e os microtratores também atendem a essa necessidade pontual da comunidade.

Estarão presentes à entrega a secretária de Estado de Agricultura Familiar, Teté Bezerra, o prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, e lideranças de comunidades rurais da região como da Sadia 1, da Vista Alegre e da Dorcelina Folador.

SERVIÇO:

O QUE: Entrega de Maquinário, Patrulha Mecanizada e mudas de árvores nativas e frutíferas.

Leia Também:  Governo de MT já investiu R$ 168 milhões para fomentar cadeias produtivas da agricultura familiar

QUANDO: dia 26 de Maio (Quinta-feira)

HORÁRIO:  a partir das 15h

LOCAL: Assentamento Sadia 3 em Várzea Grande

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA