Arquivos JB News 10 Anos

Sindimed denuncia a falta de médicos e insumos em UTI do PS de Cuiabá

Publicados

em

 

JBNEws

Da Redação.

 

Mais uma denuncia relacionada a falta de médicos e insumos dos mais básicos são é recebida pelo sindicato dos médicos de Cuiabá, segundo o Sindimed a situação já vem acontecendo periodicamente por mais de três meses.

Disse também que a administração pública municipal sabe do ocorrido mas essa rotina já virou pratica comum no PS, várias denuncias são vem sendo realizadas, e nenhum posicionamento oficial esta sendo realizado , tanto para sanar os problemas quanto para responder aos questionamentos relacionados a falta de médicos plantonistas.

 

Veja a nota:

O Sindicato dos Médicos de Mato Grosso recebeu uma denuncia de que no Pronto-socorro de Cuiabá a UTI 3 está vivendo o caos com plantonistas cobrindo ‘furos’ por falta de médicos no setor e que faltam insumos.

Segundo a denuncia,  a situação vem se estendendo por 03 meses e que a Gestão está ciente disso e ao invés de solucionar o problema age de maneira autoritária fazendo com que os pacientes fiquem em risco já que obrigam os médicos plantonistas que estão na ativa  a ficar responsável por 19 leitos com pacientes gravíssimos.

Leia Também:  Reforma da Praça Alencastro avança para fase de acabamento

A falta de médicos plantonistas nas UTIs do Pronto-socorro parece que virou prática comum. Uma das denuncias aponta que na UTI 1 que ficou meses sem médicos plantonistas nos dias de sábado a noite durantes os meses de junho, julho, agosto e setembro de 2019 e que em caso de intercorrências, colegas de outros setores tinham que se deslocar até lá e atender. Pacientes em estado grave ficavam sem nenhuma assistência supervisionada.

“Essa denuncia mostra o descumprimento da Resolução do Ministério da Saúde, a RDC Número 07 que determina que toda unidade de terapia intensiva tem que ter um médico para casa 10 leitos de pacientes internados, um visitador para cada 10 leitos  e um responsável técnico titulado em terapia intensiva. Só que conforme vimos na denuncia desse colega médico, a gestão atual não atende as normas federais, normais do CFM e do direito trabalhista”, completa o diretor de Comunicação do Sindimed Adeildo Lucena.

Ainda chegou ao Sindimed que médicos que questionam a gestão sobre os remanejamentos para os plantões sofrem represarias e são transferidos de setor e unidade e ainda sofrem perseguição pela atual gestão.

Leia Também:  Ministério da Agricultura faz mutirão de fim de semana para regularizar pesca industrial da tainha

“Alguns colegas estão tendo esgotamento de tanto trabalhar e uns estão com acompanhamento psiquiátrico por conta da perseguição e da situação que a atual gestão os impõe. Temos denuncia de colegas que estão com mais de uma férias vencida e não podem gozá-las”, completa Adeildo.

A denuncia também foi encaminhada para o Conselho Regional de Medicina(CRM), Ministério Publico Estadual(MPE), Câmara Municipal e Polícia Judiciária Civil. “O Sindimed já acionou a assessoria jurídica e vai tomar providências em prol dos direitos da categoria e também da população que merece respeito e atendimento de qualidade. Não podemos arriscar vidas por causa da imprudência da gestão”, afirma o Sindimed.

 

COMENTE ABAIXO:

Arquivos JB News 10 Anos

Kalil Baracat cobra melhorias na pavimentação de bairros

Publicados

em

Por

 

O vereador por Várzea Grande, Kalil Sarat Baracat de Arruda apresentou duas indicações que visam melhorias na pavimentação asfáltica de dois bairros da cidade.

Sua primeira indicação solicita do Poder Executivo Municipal junto à Secretaria de Infraestrutura a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica nas ruas do bairro Jardim Novo Horizonte, em sua totalidade.

Segundo Kalil a proposta é urgente e visa à realização de “tapa buracos” e reparos na pavimentação asfáltica.

“As ruas do bairro em questão encontram-se totalmente esburacadas, quase sem condições de tráfego, provocando pequenas colisões e avarias nos veículos dos que por ali transitam. É tamanha a calamidade em que se encontram as vias que não é possível especificar onde e quão grandes são os buracos. Atender à solicitação daquela comunidade é cumprir com o dever social e zelar pelo bem público e pelos munícipes”, explica o vereador.

Os moradores do bairro Jardim Potiguar também vem passando pelo mesmo problema e dessa forma, Kalil também indicou a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica em todas as ruas do bairro.

Leia Também:  Pedro Taques garante primeiras obras do Parque Tecnológico começarão a serem implantadas este ano

“ As ruas Jardim Potiguar estão cheias de buracos com o aumento do fluxo de veículos pela região devido aos desvios das obras da Copa, quase que sem condições de tráfego. Além da falta de conforto e segurança, os buracos deixam o bairro com aspecto feio e mal cuidado desvalorizando os imóveis construídos ali. Dezenas de colisões com prejuízos financeiros e lesões físicas são registradas todos os dias naquele local”, disse Kalil Baracat.

 

Michelle Carla Costa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA