Cidades

Secretario de governo de Cuiabá Lincoln Sardinha comenta sobre remoção dos feirantes da Feira do Porto e prazo de entrega

Publicados

em

 

 

Secretário de Governo Lincoln Sardinha afirmou que a obra da Feira do Porto será entregue até julho de 2020.

JB News

O secretário de governo da prefeitura de Cuiabá Lincoln Sardinha recebeu a equipe do JB News em seu gabinete para uma entrevista sobre o aproveitamento do tempo e recurso na construção da nova Feira do Porto na capital.

A Feira do Porto que sempre foi objeto de discurso político nas administrações, começa agora a ganhar novo formato, e uma nova roupagem com as reformas estruturantes.

Veja aqui a entrevista completa:

Segundo o secretário, as obras já começaram e tem tempo determinado de oito meses para ser entregue aos feirantes e a população.

“Essa obra de reforma da Feira do Porto tem o prazo de oito meses para ser entregue, podendo ser atrasada poucos dias por conta da emendas parlamentares que podem demorar”.

Mas segundo o secretario, o deputado federal Emanuel Pinheiro (PTB) já está controlando os repasses das emendas na capital federal.

“Os feirantes serão transferidos já nesta semana para o Campo do Bode, local que fica ao lado da feira, para abrigar os feirantes até que encerre as obras da reforma e desta forma possam continuar trabalhando e atendendo a população que circulam e consomem na feira.”

Leia Também:  Sorteados devem comparecer a Secretaria de Habitação para procedimentos administrativos nas liberação das casas

Com relação os bares e restaurantes, já foram provisoriamente transferidos para a entrada da feira para que possa nesses meses de reforma atender todos os consumidores, e para que os proprietários dos estabelecimentos não venham sofrer prejuízos com as vendas neste final de ano.

 

 

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Vistoria Obrigatória nos veículos em Várzea Grande estão suspensas

Publicados

em

SERVIÇOS PÚBLICOS
VISTORIA VEICULAR FOI SUSPENSA
POR TEMPO INDETERMINADO

VISTORIA VEÍCULAR TINHA PRAZO PARA SER REALIZADA, MAS FOI SUSPENSA.VÁRZEA GRANDE DEVE RETOMAR SERVIÇOS ANTES DAS AULAS PREVISTAS PARA SEREM RETOMADAS EM MAIO.

Em função do período de isolamento social, como medida de prevenção ao coronavírus – COVID-19, a Prefeitura Municipal de Várzea Grande, por meio da Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, suspendeu a ‘Vistoria Obrigatória’ nos veículos que operam com o transporte de pessoas (taxis e vans escolares). O prazo para término da vistoria estava previsto para essa terça-feira (31).
Como explica o secretário da pasta, Breno Gomes, neste momento as atenções estão voltadas a saúde pública, e as medidas que estão sendo adotadas pelo poder público municipal, para a proteção e segurança da população, por isso resolvemos, suspender essa atividade por tempo indeterminado.
Breno Gomes lembra que as escolas também estão com as suas atividades paralisadas, por isso as vans escolares também não estão operando com esse serviço no município. Com relação aos transportes de passageiros – taxis – os proprietários de veículos devem adotar todas as medidas de segurança e higienização, dentre elas a distância de 1,5 metros entre passageiros que devem se sentar no banco traseiro e a limpeza de bancos, maçanetas, vidros e ar condicionado, com a utilização de álcool 70, sendo repetidas após cada corrida.
Para o secretário este é um momento de se evitar a aglomeração de pessoas e para que isso aconteça é melhor que quem puder fique em casa, mas havendo a necessidade de se locomover é melhor que faça levando em consideração todas as medidas adotadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), Ministério da Saúde, Secretaria Municipal de Saúde e do Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus, mantendo distanciamento e praticas de higienização.
Breno Gomes lembrou ainda a inspeção veicular é uma medida obrigatória prevista no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), especificamente nos artigos 135º e 136º, que prevê a realização de inspeção veicular como requisito para exercer o transporte individual ou coletivo de passageiros em linhas regulares ou empregados em qualquer serviço remunerado.
“Os trabalhos estão apenas suspensos e assim que essa fase crítica passar estaremos retomando as atividades e a normalidade, e iremos então anunciar uma nova data para a realização dos procedimentos. O selo de vistoria é uma condição para a renovação do Alvará para que os motoristas explorem o serviço de transporte neste ano de 2020”, pontuou o secretario.
O titular da pasta de Serviços Públicos lembrou que a determinação da prefeita Lucimar Sacre de Campos é pela segurança, pela saúde das pessoas então para os que não necessitam o distanciamento social é a mais importante ação no combate ao Coronavírus para se evitar a propagação não apenas desta, mas de outras doenças respiratórias como a Gripe Influenza entre outras.

Leia Também:  Salesianos se reúnem em Cuiabá para Festa Inspetorial 2019

VISTORIA VEICULAR SUSPENSA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA