EDUCAÇÃO

Secretário Alan Porto e diretores de escolas debatem planejamento para o retorno às aulas

Publicados

em

Secretário conversa com diretores de escolas sobre planejamento do retorno às aula.

 

Em videoconferência, Alan Porto orientou 680 dirigentes da rede pública a respeito da aquisição de materiais e protocolos de biossegurança

Adilson Rosa e Jonas da Silva

Seduc-MT

Gestor realizou bate-papo online para tirar dúvidas sobre a retomada do ano letivo contínuo 2020/2021 a partir do dia 1º de fevereiro, com ensino híbrido
Foto Seduc-MT

O secretário de Estado de Educação, Alan Porto, orientou diretores das escolas sobre o planejamento e preparação para o retorno às aulas em 2021, nas unidades da rede pública de ensino. Ele realizou reunião virtual com cerca de 680 participantes na quarta-feira (16.12).

“Vamos trabalhar com laboratório de aprendizagem em todas as escolas para os anos iniciais e finais do Ensino Fundamental, e também do Ensino Médio. Teremos aulas de reforço no contraturno. Vamos ter investimentos na ordem de R$ 936 milhões, sendo R$ 420 milhões aplicados na estrutura física e tecnológica”, descreveu o secretário.

Ele enumerou uma série de ações para melhorar os atuais índices educacionais. O gestor fez um bate-papo online para tirar dúvidas sobre a retomada do ano letivo contínuo 2020/2021 a partir do dia 1º de fevereiro, com ensino híbrido (presencial e virtual).

Leia Também:  Pesquisa da Unemat mostra sistema inteligente que promete identificar deficiência de potássio em plantações de soja

Entre os investimentos está a aquisição de chromebooks (computadores portáteis voltados para a educação) para alunos e professores.

Além dos equipamentos tecnológicos, a Seduc pretende investir em cursos de formação voltada para a tecnologia com o programa Profissão 4.0. Nele, alunos terão acesso a conhecimentos teóricos em cursos rápidos e equipamentos para colocar em prática o que foi aprendido, com aplicações de designer em computador e impressão de protótipos, robótica, aulas de inglês e informática.

O método pedagógico Profissão 4.0 deverá ser instalado aos poucos em parte da rede pública estadual de ensino como conhecimento e preparação dos jovens para o mercado de trabalho atual. Em Mato Grosso há 759 escolas que atendem cerca de 380 mil alunos.

 

COMENTE ABAIXO:

EDUCAÇÃO

Unemat abre vestibular com 1.000 vagas para Educação a Distância

Publicados

em

por Danielle Tavares

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) lança edital para o seletivo simplificado com oferta de 1.000 vagas para cursos na modalidade Educação a Distância, para matrícula no período letivo de 2021/1. São oferecidos sete cursos, para 34 turmas em 25 municípios do estado, onde há polos de apoio presencial UAB/Unemat.

São eles: Administração Pública (nos polos de Alto Araguaia, Arenápolis, Cáceres, Ribeirão Cascalheira e São Félix do Araguaia), Artes Visuais (nos polos de Água Boa, Cuiabá, Primavera do Leste, Sapezal e Sorriso), Geografia (Aripuanã, Barra do Bugres, Campo Verde, Pontes e Lacerda e São Félix do Araguaia), História (Alto Araguaia, Colíder, Jauru, Juína e Lucas do Rio Verde), Letras (Canarana, Cuiabá, Nova Xavantina, Porto Esperidião e Vila Rica), Matemática (Canarana, Comodoro, Jauru, Porto Esperidião e Vila Rica) e Pedagogia (Água Boa, Barra do Bugres, Diamantino, Guarantã do Norte e Sapezal).

 

SISTEMA DE INGRESSO

A Unemat reserva 60% das vagas de todos os cursos aos estudantes que cumpriram integralmente o ensino médio em escola pública. Essas vagas são destinadas a candidatos negros, indígenas, portadores de deficiência e demais estudantes de escola pública, conforme quantidade prevista no edital.

Leia Também:  AMM busca apoio para estruturar escolas municipais no retorno às aulas

Nos cursos de licenciaturas, há também reserva de vagas para professores da rede pública de ensino, em exercício, sem formação inicial em nível superior ou que não possuam formação na área em que atuam. Confira documentação necessária no item 4 do Edital.

INSCRIÇÕES

As inscrições são realizadas somente pela internet no endereço eletrônico www.unemat.br/vestibular.

Antes de efetivar a inscrição, o candidato deverá escrever a Carta de Intenção. No ato da inscrição deverá marcar: opção do curso e polo ao qual pretende concorrer, anexar fotografia atual e carta de intenção.

ISENÇÃO DE TAXA

O prazo de inscrição com isenção de taxa é de 25 a 28 de janeiro.

A Unemat aceita inscrições gratuitas para candidatos nas seguintes condições: com renda familiar inferior a dois salários mínimos, doador regular de sangue ou Profissional Técnico da Educação Superior. Para cada caso, há documentos de comprovação específicos para serem anexados no ato da inscrição. Confira documentação necessária no item 8 do Edital.

INSCRIÇÃO COM PAGAMENTO DE TAXA

Leia Também:  Diretoria Executiva e Conselho Fiscal toma posse na AMM

A inscrição com pagamento da taxa no valor de R$ 60 deve ser feita via internet, no endereço eletrônico www.unemat.br/vestibular, de 18 de janeiro a 14 de fevereiro.

PROCESSO SELETIVO

A seleção será constituída da avaliação da Carta de Intenção. Ela deverá ser escrita de forma objetiva, clara e concisa, conforme modelo e orientações disponibilizadas no anexo do edital. O documento deverá ser anexado no ato de inscrição.

O período letivo dos cursos na modalidade Educação a Distância terá início no dia 03 de maio. Todas as publicações referentes ao processo seletivo simplificado serão divulgadas no endereço eletrônico www.unemat.br/vestibular.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA