CUIABÁ

Secretaria Municipal da Mulher participa do lançamento da campanha Agosto Lilás

Publicados

em

A Secretaria Municipal da Mulher, participou na manhã de quarta-feira (3), no auditório da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), do lançamento da campanha Agosto Lilás, em alusão ao mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulheres.

De acordo com a secretaria-adjunta da pasta da Mulher, Elis Regina Prates, a Lei Maria da Penha nasceu do clamor de uma mulher, que ficou paraplégica em consequência das agressões do marido e se tornou símbolo da luta contra a violência doméstica. Ela ainda destaca que o trabalho deve ser em conjunto com toda a rede de proteção e intensificada diariamente.

“Infelizmente nossa luta não é apenas no mês de agosto, são todos os dias, em que recebemos mulheres machucadas fisicamente e psicologicamente. Tirando os casos em que essas mulheres não tem nem a oportunidade de pedirem ajuda e são mortas. Por isso a importância de nos unirmos e trabalharmos por todas que precisam sair deste ciclo de violência”, afirma.

Leia Também:  Secretário apresenta ao Conselho Municipal do Turismo a programação de projetos a serem executados em 2023

A coordenadora geral da AMM, Juliana Ferrari, que na ocasião representou o presidente da instituição, Neurilan Fraga, destacou a importância da parceria da instituição com essa iniciativa, por se tratar de uma questão desafiadora e de conscientização. “Mato Grosso está à frente dos outros estados nessa questão. Há muitos desafios e a AMM é parceira para organizar de forma estruturada iniciativas que contribuam para o combate à violência. Gratidão pela parceria da Secretaria Municipal da Mulher”, destacou.

Para a secretária municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, Hellen Ferreira, essas ações buscam sensibilizar e conscientizar a sociedade, divulgando os serviços especializados da rede de enfretamento que já existe no município e os mecanismos de denúncia.

“Este evento é uma marca de que temos que estar juntos para solidificar, cada vez mais, as políticas públicas que estamos desenvolvendo para as mulheres, ainda mais no combate à violência contra a mulher”, finaliza.

Participaram do seminário a Associação para Desenvolvimento Social dos Municípios-APDM, Conselho Estadual dos Direitos da Mulher-CEDM-MT, Plantão de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher e Crimes Sexuais-PVDM, Polícia Judiciaria Civil-PVDM e a Secretaria Municipal da Mulher de Cuiabá. Além da presença de representantes de diferentes instituições e parceria como o Tribunal de Justiça, Secretaria do Trabalho e Assistência Social-Setas e a Associação Mato-grossense dos Municípios.

Leia Também:  Cuiabá confirma responsabilidade fiscal e recebe nota positiva na Capacidade de Pagamento

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

COMENTE ABAIXO:

CUIABÁ

Cuiabá já alcançou 67% de arrecadação referente às receitas tributárias próprias

Publicados

em

Por

Levantamento feito pela Secretaria Municipal de Fazenda, entre os meses de janeiro e julho de 2022, aponta que a Prefeitura de Cuiabá arrecadou, até este momento, R$ 630.835.801 de um total de R$ 940.631.516 planejado para este ano. O valor representa 67% da meta atingida referente às receitas tributárias do próprio Município. 

Na quinta-feira (11), o secretário municipal de Fazenda, Antônio Roberto Possas de Carvalho, se reuniu com os técnicos da área de Planejamento Estratégico Fazendário para apresentar os resultados alcançados no primeiro semestre. O encontro também serviu para debater as estratégias que serão aplicadas para chegar à meta prevista. 

O trabalho desenvolvido pela Secretaria está vinculado ao Plano de Desenvolvimento Integrado (PDI) e à Agenda 2030, da Organização das Nações Unidas (ONU). O Planejamento Estratégico Fazendário está estruturado sob a metodologia Balanced Scorecard (BSC), que tem como fundamento a medição e gestão de desempenho.

“Gostaria de parabenizar todos os envolvidos que contribuíram durante a produção e efetivação do planejamento estratégico anual. É importante ressaltar que cada área foi primordial para que as metas fossem consolidadas e alinhadas ao planejamento estratégico”, disse Antônio Roberto Possas de Carvalho. 

Leia Também:  Deputados aprovam suplementação de 30% no orçamento de 2022

Os tributos municipais são o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (IRRF), Taxas e Dívida Ativa. Entre todos esses, o ISSQN tem sido a principal fonte de arrecadação própria. 

Ainda segundo o relatório da Fazenda, em 2021, o ISSQN somou uma arrecadação total de R$ 405 milhões, o que representa um crescimento de 23%, se comparado ao ano de 2020, em que se alcançou R$ 337 milhões. O número coloca Cuiabá como a capital do Centro-Oeste com melhor arrecadação per capita desse tipo de imposto. 

“A consolidação do planejamento integra as diretrizes da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro, que tem como foco a humanização no atendimento aos contribuintes, a modernização administrativa, a celeridade nos processos e o desenvolvimento econômico. Nesse contexto, a Prefeitura trabalha para atender as necessidades da população de forma eficiente”, completou. 

O assessor técnico Júlio Carlos da Silva falou sobre a importância das equipes se comprometerem no monitoramento do planejamento. “É um trabalho de toda a nossa secretaria. O plano foi construído por meio de reuniões com representantes de cada setor, de modo que fizeram livremente suas pontuações e se comprometeram a priorizar as metas estabelecidas”, explicou.

Leia Também:  Secretaria de Obras conclui retorno da Av. Historiador Rubens de Mendonça e tráfego é liberado

“Essa marca favorável e positiva é sem dúvidas resultados de todos os esforços da gestão Emanuel Pinheiro no que se refere ao equilíbrio fiscal. É um esforço de todos os envolvidos, desde a estratégia até a execução dos planos de ação. Estamos trabalhando para manter essa evolução para melhor servir à sociedade cuiabana”, finalizou Possas.

Estiveram na reunião o secretário adjunto da Receita Carmindo Germano de Neto e o secretário adjunto de Tesouro Cézar Fabiano Martins de Campos, bem como os diretores, coordenadores, gerentes e assessores das áreas.

PDO/AGENDA 2030

O PDI é a ferramenta de gestão estratégica que tem como objetivo garantir de forma humanizada a qualidade e celeridade dos serviços prestados ao cidadão, além de assegurar a excelência do desempenho profissional e a valorização do servidor.

O plano está alinhado com a Agenda Cuiabá 2030, um compromisso assumido pela Prefeitura de Cuiabá atendendo aos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), 169 metas e os 10 princípios do Pacto Global da ONU, que estabelece estratégias de planejamento nas áreas de Direitos Humanos, Trabalho, Meio Ambiente e Anticorrupção.

 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA