Tecnologia

Rússia criou ‘fazenda de trolls’ para criticar Ucrânia na internet

Publicados

em

Meta divulga relatório sobre ação russa
Unsplash/Dima Solomin

Meta divulga relatório sobre ação russa

A Rússia criou uma campanha massiva de desinformação para tentar forjar uma percepção de apoio online à invasão da Ucrânia, de acordo com o Relatório de Ameaças Adversas da Meta, divulgado nesta quinta-feira (4).

A empresa, controladora do Facebook, Instagram e WhatsApp, afirma que descobriu uma “fazenda de trolls” em São Petersburgo. Nela, contas falsas tinham o objetivo de postar comentários pró-Rússia em conteúdo postado por influenciadores em diversas redes sociais.

De acordo com as análises da Meta, o movimento não conseguiu gerar um engajamento “autêntico substancial”, ou seja, pessoas reais não aderiram à campanha pró-Rússia.

A empresa estadunidense afirma que a campanha foi relacionada à Agência de Pesquisa de Internet da Rússia, mesmo órgão ligado à interferência eleitoral nos Estados Unidos e outros países desde 2016, através de campanhas online.

Leia Também:  Musk pede para batalha judicial contra o Twitter ser adiada para 2023

A Meta suspendeu 1.037 contas no Instagram e 45 no Facebook que estavam envolvidas com a campanha de desinformação. Além das plataformas da empresa, os comentários também aconteciam no TikTok, Twitter, YouTube e LinkedIn, além das redes sociais russas VKontakte e Odnoklassniki.


Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:

Tecnologia

WhatsApp vai permitir recuperação de mensagem apagada

Publicados

em

Por

WhatsApp terá novo recurso
Unsplash/Mourizal Zativa

WhatsApp terá novo recurso

O WhatsApp está desenvolvendo um recurso que permite que usuários revertam a exclusão de mensagens. A descoberta foi feita pelo WABetaInfo, que encontrou a novidade na versão beta (de testes) do mensageiro.

O recurso funciona de forma similar à opção de desfazer o envio de um email no Gmail. Assim que uma mensagem é excluída (seja para você ou para todos), aparece um aviso flutuante na parte inferior da tela escrito “mensagem deletada” e um botão de “desfazer”.

É possível desfazer a ação apenas por alguns segundos, já que o aviso flutuante some da tela rapidamente. A novidade pode ser bastante útil, por exemplo, para quando um usuário exclui uma mensagem apenas para si por engano, quando ela deveria ser excluída para todos na conversa.

Por enquanto, o WhatsApp não confirmou oficialmente a criação do recurso. Por isso, não é possível saber se a novidade será liberada para todos os usuários e nem quando isso poderia acontecer.


Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA