MEIO AMBIENTE

Projeto viabiliza o plantio de mais 200 mudas em Lambari D´Oeste

Amigos da Natureza

Publicados

em

O projeto “Amigos da Natureza” realizou nesta sexta-feira (29), em Lambari D´Oeste, o plantio de mais 200 mudas para recuperação de nascentes. A ação envolveu aproximadamente 100 estudantes da rede pública de ensino. Desde que começou a ser executado, em abril de 2018, o projeto já viabilizou o plantio de mais de 3.500 mudas de espécies nativas na região. Além do município de Lambari D´Oeste, a iniciativa também contempla os municípios de Rio Branco e Salto do Céu.

Os amigos da natureza, conforme o coordenador do projeto, promotor de Justiça Emanuel Filartiga, estão espalhados nos quatro cantos dos três municípios. É possível encontrá-los em diferentes lugares: nas escolas, prefeituras, secretarias municipais, Polícia Militar e também nas propriedades rurais. “O projeto só existe porque muita gente está envolvida. Parceiros especiais como o professor Josil Dorriguette, o biólogo José Aparecido, a senhora Izabel Rigoni e os servidores da Promotoria de Justiça de Rio Branco deixaram o projeto ainda mais admirável”, destacou o promotor.

O senhor Manoel Jorge e sua família também têm um carinho especial pelo projeto. Em sua propriedade há um viveiro com mais de 20 mil mudas, todas destinadas ao projeto. Neste mês, segundo Filartiga, o representante do sindicato rural esteve na Promotoria de Justiça com uma lista de proprietários rurais que querem plantar mudas.

Leia Também:  Botelho contrata empresa de consultoria para fazer estudo de impacto e Cota Zero não será votado em 2019

Existem ainda as mudas doadas nas escolas da comarca que resultaram em novos projetos e ações, a exemplo do projeto “Um pé de que”, desenvolvido pela Escola Municipal Manoel Tavares de Menezes, em Rio Branco. A sensibilização da comunidade também resultou em doações de serviços e bens ao projeto. A lista inclui drones, perfuradores, estacas, fios de cerca, adubos, entre outros itens.

CENÁRIO: Apesar de integrarem a “Rota das Águas” em Mato Grosso, alguns rios, córregos e nascentes da comarca de Rio Branco, município distante 336 Km de Cuiabá, sofrem com as consequências do avanço das pastagens. O projeto “Amigos da Natureza – Recuperação das matas ciliares” surgiu com o desafio de mudar esse cenário.

A proposta é promover a revegetação das áreas degradadas com o envolvimento de toda a sociedade. Antes da recomposição, no entanto, é feita a avaliação da área degradada; levantamento da vegetação regional e suas espécies características; seleção do sistema de vegetação; plantio, manutenção, avaliação e distribuição das espécies no campo. O cronograma de ações inclui preparo de mudas, reunião com os parceiros, isolamento da área, abertura e adubação de covas e plantio de mudas.

Leia Também:  Nesta terça-feira no Tema Livre tem entrevista com o presidente do legislativo de VG Fabinho e o prefeito Souza de Livramento

O projeto contempla ainda a realização de palestras nas escolas sobre o tema. “É mais um projeto de conscientização ambiental e de cidadania que busca trazer a criança, o jovem e os munícipes a entenderem a importância das plantas, da água, da terra, do sol e do ar, enfim, da vida”, ressaltou o promotor de Justiça.

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MEIO AMBIENTE

Plantio de árvore comemora edição de 18 anos da BPW Cuiabá

Publicados

em

Árvore é Vida, edição 18 anos da BPW Cuiabá

O Projeto Árvore é Vida, criado pelo Comitê do Meio Ambiente da Federação das Associações de Mulheres de Negócios e Profissionais- BPW Brasil, através da coordenadora Yara Blochtein, e que já ocorreu em diversas oportunidades em nível local, sendo a BPW Cuiabá a primeira a realizá-lo em 2006, sediou mais uma etapa importante nos 18 anos da organização. Neste sábado, 7 de dezembro, no Parque da Família,ocorreu uma ação de plantio no Bosque com mudas de Ipês Amarelos.

A iniciativa foi da Comissão do Meio Ambiente da BPW Cuiabá, coordenado por Vanderleia Favoretto Trintade, e foi inserida na programação oficial dos 18 anos da ONG Feminina. A presidente da BPW Cuiabá, Zilda Zompero reconhece que é preciso cuidar do meio ambiente, e que o projeto contribui para as próximas gerações.

Vanderleia disse que a edição de aniversário do importante projeto, conta com a parceria do Tribunal de Justiça de Mato Grosso Verde Novo, e do Juvam Cuiabá, e Instituto Verde Novo e que serão distribuídas para a comunidade, 300 mudas de ipês amarelos.

Leia Também:  Energisa investirá 12 milhões em programa de eficiência energética em Mato Grosso

O Parque da Família fica nos fundos do Shopping Pantanal.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA