Cidades

Presidente da Fecomércio-MT quer consolidar o sistema Renalegis na Câmara de Cuiabá

Publicados

em

Em visita à Câmara Municipal de Cuiabá, o presidente do Sistema Fecomércio-MT, José Wenceslau de Souza Júnior, acompanhado da assessora legislativa da entidade, Fabíola Correa, se reuniu, nesta segunda-feira (15), com o presidente da casa, Juca do Guaraná Filho, para dialogar sobre possível implantação e consolidação do sistema Renalegis (Rede Nacional de Assessorias Legislativas) no legislativo municipal.

José Wenceslau explicou que a ferramenta desenvolvida pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) monitora a tramitação de projetos de interesse das categorias do setor nas casas legislativas.

A proposta atende, ainda, o princípio da publicidade (Lei nº 8.666/93) e, de acordo com o presidente da Câmara, a implantação desse sistema irá garantir à população cuiabana o acesso às ações dos parlamentares no município. “Isso será muito importante na questão da transparência e a Fecomércio-MT, por meio desse sistema, vem para somar conosco”.

Com a demonstração de interesse no processo de implantação da Renalegis entre a Câmara de Cuiabá e a Fecomércio-MT, caberá às equipes de TI efetivar a integração de dados entre as entidades. O próximo passo é verificar quais os implementos necessários para sua efetivação.

Leia Também:  Governo apresenta plano de integração do transporte coletivo e BRT às prefeituras de Cuiabá e VG

Na oportunidade, o presidente da Fecomércio-MT apresentou, ainda, as ações realizadas pelo Sistema Comércio, por meio do Sesc e Senac, a exemplo do Mesa Brasil Sesc – rede nacional de bancos de alimentos que atua contra a fome e o desperdício – e do Restaurante do Comerciário, além dos cursos de especialização promovidos pelo Senac.

“O Sistema Comércio tem muito a oferecer para a Câmara de Cuiabá e, inclusive, para a população mato-grossense. Colocamos tanto a Fecomércio quanto o Sesc e o Senac à disposição desta casa e do presidente para eventuais parcerias”, disse José Wenceslau.

COMENTE ABAIXO:

Cidades

Medidas restritivas são ampliadas para combate à Covid-19 em Primavera do Leste

Publicados

em

Por

 


JB NEws

Para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura de Primavera do Leste decretou novas medidas restritivas nesta sexta-feira (26) que começam a vigorar a partir de segunda-feira (01). A definição das novas medidas partiu da Comissão de Combate a Covid-19 do município, da qual o Ministério Público do Estado de Mato Grosso faz parte.


Entre as novas regras, que valerão por pelo menos 15 dias, estão restrições de horários, redução de atividades comerciais, suspenção de eventos públicos ou privados (incluindo reuniões presenciais, em templos religiosos, corporativos ou sociais, com qualquer número de participantes), das aulas de cursos regulares e livres, e intensificação de ações para reduzir a circulação de pessoas.


Ainda pelo decreto nº 2.025, as lanchonetes, cafeterias, padarias, confeitarias, bares, restaurantes e pizzarias deverão encerrar o atendimento ao público até às 22h, com capacidade de atendimento limitado a 50% e respeitando as normas de biossegurança. Após esse horário poderão seguir na modalidade delivery quando o alvará de funcionamento assim permitir.


A fiscalização ficará por conta da Defesa Civil, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil e Prefeitura Municipal, pelos agentes de fiscalização da Coordenadoria Municipal de Trânsito e Transporte. Ficam ainda proibidas quaisquer atividades coletivas, bem como s ocorrência de aglomerações em espaços e vias públicas, praças, quadras esportivas, arenas, academias de musculação e congêneres. E das 23h às 05h fica instituído toque de recolher em todo o município.

A Comissão de Combate a Covid-19 do município é formada por lideranças de diferentes setores, como Vigilância Epidemiológica, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Associação Comercial e Empresarial de Primavera (ACIPLE), Câmara Municipal, Ministério Público do Estado, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Prefeitura Municipal entre outras.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Justiça suspende decisão que resultou em despejo de famílias em Jaciara
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA