CUIABÁ

Ônibus só poderá trasportar profissionais da saúde pública e privada de Cuiabá

Publicados

em

 

A Prefeitura Municipal de Cuiabá, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana, informa sobre a operação especial no transporte coletivo para atender a decisão judicial expedida na data de 22 de março, que retifica artigo do Decreto 7.849/2020.

Os ônibus começarão a rodar a partir das 4h30 do dia 23/03 até a data de 05/4:

Irão circular 120 ônibus somente para o transporte dos profissionais da saúde pública e privada de Cuiabá, conforme decisão judicial

Todas as linhas e itinerários serão mantidas, porém com frota reduzida e consequentemente com intervalos maiores

Os horários de entrada e saída dos profissionais, assim como de troca de turnos nas unidades de saúde, serão priorizados

A entrada no ônibus somente permitida aos profissionais da área de saúde, sendo exigida Identificação (crachá ou holerite)

Será obrigatório o o uso do cartão de transporte;

As estações (Bispo, Alencastro e Ipiranga) irão permanecer fechadas para evitar aglomerações evitando a propagação do Coronavírus;

Os coletivos irão rodar, seguindo a determinação judicial, com 50 por cento de sua capacidade total. Na prática,35 pessoas em cada viagem.

Leia Também:  Depois de 21 dias de UTI, paciente de 59 anos com coronavírus deixa hospital

A Prefeitura de Cuiabá reitera que nesse momento é preciso fazer um apelo à consciência de cada um. A decisão atende aos profissionais da saúde. Respeite. Faça a sua parte. Estamos numa cruzada contra o novo Coronavirus e esse esforço depende da união de todos em defesa da vida.

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CUIABÁ

Shoppings assinam Termo de Compromisso e retomam o funcionamento nesta quarta-feira

Publicados

em

 

Shoppings assinam Termo de Compromisso e retomam o funcionamento nesta quarta-feira (3)

O documento institui obrigações que os estabelecimentos comerciais devem cumprir para inibir a propagação da Covid-19

BRUNO VICENTE

Assessoria

Clique para ampliar imagem

Conforme determinado no art. 13 do decreto nº 7.929, a Prefeitura de Cuiabá formalizou um Termo de Compromisso com os representantes dos shoppings centers e do Shopping Popular de Cuiabá. O documento foi assinado nesta terça-feira (2) e institui obrigações que os estabelecimentos comerciais devem cumprir para minimizar os efeitos da propagação do novo coronavírus (Covid-19).

Nesta quarta-feira (3), as atividades varejistas do setor voltam ao funcionamento com dias e horários alternativos. Conforme o plano estratégico, os shoppings centers retornam com horário de atendimento de segunda-feira a sábado, das 14h às 22h, e o sistema delivery operando de segunda-feira a domingo, das 10h às 22h. Para o Shopping Popular, o horário estabelecido é de segunda a sábado, das 09h às 17h.

“Temos que conviver com vírus, redobrar a atenção e seguir, de forma rigorosa, todas as medidas de biossegurança. Esse é o segredo e é esse compromisso que cada estabelecimento está assumindo. Nossa equipe de fiscalização irá averiguar o cumprimento das medidas, mas, acima de tudo, contamos com o apoio e colaboração de cada empresário”, comentou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Leia Também:  Corpo do professor Adriano Silva foi confirmado pra chegar às 15:00hrs em Cáceres

Para ambas atividades, o decreto nº 7.929 determina que, até o dia 30 de junho, a lotação máxima permitida é de 30% da capacidade total dos espaços. Após essa data será permitido o funcionamento com 50% da capacidade. Caso o limite seja ultrapassado, as portarias, bem como os acessos ao estacionamento devem ser fechados, até que a saída de pessoas justifique as novas entradas.

Além disso, no Shopping Popular de Cuiabá, o funcionamento ocorrerá mediante a limitação de abertura de 50% do boxs, com alternância de datas, a fim de possibilitar que todos os empreendimentos funcionem em dado período de tempo. Da mesma forma, as praças de alimentação dos shoppings centers, que retornam somente no dia 9 de junho, também deverão reduzir em 50% o número de mesas ofertadas.

Participaram do ato de formalização do Termo de Compromisso, os diretores dos shoppings centers e do Shopping Popular, além do presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, vereador Misael Galvão, e os vereadores Adevair Cabral, e Ricardo Saad.

Leia Também:  Aeronave com mais de 490 quilos de cocaína é interceptada ao entrar em MT

OUTRAS MEDIDAS 

– Controle do fluxo de entrada e saída de pessoas, respeitado o distanciamento mínimo de 1,5m , bem como aferição de temperatura corporal dos clientes na entrada do estabelecimento;

– Demarcação (sinalização) no piso, com fita de auto adesão ou produto similar, nos locais em que exigem a formação de filas;

– Uso obrigatório de máscara de proteção, pelos funcionários, colaboradores, prestadores de serviço e clientes;

– Oferta permanente de álcool em gel 70%, espalhados pelas dependências do empreendimento;

– Realização de desinfecção das áreas comuns via sistema de borrifamento a cada 48 horas;

– Suspensão do serviço de disponibilização de cadeiras de rodas e carrinhos de bebê aos clientes;

– Diminuição de número de banheiros ofertados ao público, garantida a permanência de um funcionário fixo no local, bem como a desativação de pias e mictórios com distância inferior a 1,5m.

________________________________

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA