Saúde

No Dia Mundial Saúde de Várzea Grande promove ações para conscientizar pacientes e colaboradores

Publicados

em

Pela gravidade da doença, o dia 13 de setembro foi escolhido como uma data de conscientização e educação sobre o tema

A secretaria Municipal de Saúde de Várzea Grande, promove nesta segunda-feira- 13 de setembro, várias ações de conscientização sobre o Dia Mundial de Combate à Sepse. Às 9 horas ocorre a abertura oficial da semana, no Centro de Especialidades Médicas. Durante a semana haverá palestras sobre o tema, para servidores públicos de unidades de saúde, além de apresentação de trabalhos desenvolvidos pelos servidores na prática do combate às infecções no ambiente de trabalho.

Entre os dias 14 a 17 de setembro haverá palestras on-line pelo canal do You Tube, onde as unidades convidadas estarão presentes e com a participação de infectologistas da Rede do Sistema Único de Saúde – SUS. As palestras vão ser ministradas pelo endereço eletrônico:  https://us05web.zoom.us/j/85337852993?pwd=Y2twb1BsenNRb0pPclNKNWswRFlzdz09, além de apresentações de trabalhos e premiações.

A Sepse é um conjunto de manifestações graves em todo o organismo produzidas por uma infecção. Antigamente era conhecida como septicemia ou infecção no sangue, hoje é mais conhecida como infecção generalizada. Na verdade, não é a infecção que está em todos os locais do organismo. Por vezes, a infecção pode estar localizada em apenas um órgão, como por exemplo, o pulmão, mas provoca em todo o organismo uma resposta com inflamação numa tentativa de combater o agente da infecção. Por isso nas unidades de atendimento é importante incentivar as equipes de combate as infecções hospitalares de desenvolverem cada dia mais ações que aprimorem o combate.

Leia Também:  Hospital e Pronto Soccoro de Várzea Grande é credenciado para fazer Residência Médica

De acordo com o superintendente de Atenção Secundária, Osvaldo Prado, o trabalho de combate é continuado, e cada unidade tem a Comissão de Infecção Hospitalar, que está atenta a todos os detalhes e normas a serem seguidas.

As equipes da Atenção Secundário, vão desenvolver entre os dias 13 a 17 deste mês, várias ações e intitularam a campanha Sepse e Segurança do Paciente como SECUNDÁRIA: LIGA DE SEGURANÇA DO PACIENTE CONTRA A SEPSE. O objetivo principal é o de apresentar esta campanha, promovendo a conscientização dos trabalhadores em saúde através de ações de educação continuada e educação em saúde para a população sob sua assistência, além de desenvolver ações enfatizando a importância do diagnóstico precoce, orientando paciente, acompanhantes e os colaboradores das unidades de saúde, para o tema.

“É uma das nossas grandes preocupações o enfrentamento às infecções, por isso, certamente é um trabalho que exige a colaboração de todos os profissionais de saúde, para que o resultado seja o melhor possível para o paciente. Essa data é uma oportunidade para aumentar a consciência pública”, disse o superintendente, Osvaldo Prado.

Leia Também:  Cuiabá enfrenta o Palmeiras nesta terça-feira na Arena Pantanal

Sobre a Doença: A sepse, conhecida como infecção generalizada, é um conjunto de sintomas que mostra um quadro de estado inflamatório em todo o organismo, que é causada por agentes infecciosos, vírus ou bactérias, no sangue. No Brasil, a sepse é responsável pela ocupação de 25% dos leitos das UTIs, segundo estudos realizados pela Organização Mundial de Saúde. Pela gravidade da doença, o dia 13 de setembro foi escolhido como uma data de conscientização e educação sobre o tema.

Neste mesmo período, a Organização Mundial de Saúde (OMS) instituiu o dia 17 de setembro como o Dia Mundial de Segurança do Paciente. Neste ano o Tema apresentado. “A segurança dos trabalhadores da saúde é a segurança do paciente”.

Além do tema proposto pela OMS, o intuito desta campanha é promover a educação em saúde sobre a Sepse e Segurança do Paciente, com objetivo educar e alertar os profissionais de saúde inseridos na rede de atenção secundária e a população em geral que buscam atendimento na Rede do Sistema único de Saúde.

COMENTE ABAIXO:

Saúde

Mais um casal de brasileiros são diagnosticados com a variante Ômicron

Publicados

em

Por

JB NEWS

Por Alisson Gonçalves

Foto: Exame

Mais um casal de brasileiros foram diagnosticados com a variante Ômicron do coronavírus , informou  a prefeitura de São Paulo  (SP), nesta quarta-feira, 01.12, o fato só foi divulgado hoje quinta-feira 02.12. As informações são de que os mesmos já haviam tomado as doses única da vacina da Janssen, quando ainda estavam na África do Sul, país onde residem.

O casal chegou ao Brasil a passeio em 23 de novembro. Dois dias depois, quando retornariam para a Cidade do Cabo, testaram positivo para covid-19.

A nova variante ,apresenta sintomas como cansaço, dores musculares, coceira na garganta, febre baixa e em poucos casos
tosse seca.

Os sintomas da Ômicron são mais parecidos com a variante Beta.

Até agora, os pacientes infectados pela Ômicron apresentaram apenas sintomas leves. No entanto, a nova variante preocupa a OMS e os países por causa das 50 mutações que a nova cepa apresenta, sendo 32 apenas na proteína S, principal alvo das vacinas desenvolvidas até o momento.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Novo decreto exige compravante de vacinação para permancer em hospital público ou privado de Cuiabá
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA