Destaque

Morre pai do secretário chefe da Casa Civil de Mato Grosso Mauro Carvalho aos 98 anos

Publicados

em

Foto arquivo pessoal.

JB News

Faleceu vítima de infarto na manhã desta quinta-feira, (09.07), o pai do secretário chefe da Casa Civil de Mato Grosso Mauro Carvalho Júnior, o empresário Mauro Carvalho, aos 97 anos de idade.
Natural de Bauru-SP. Mauro Carvalho deixa três filhos, sete netos e três bisnetos.
A deputada estadual, Janaina Riva (MDB), também lamentou a morte do pai do secretário Mauro Carvalho.

O site JBNews presta homenagem pela perda. Nossos sentimentos a família e amigos.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MP- MT debate “Fake News e qualidade da informação” nesta terça-feira
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COVID-19

Cacique Aritana Yawalapiti morre vítima de Coronavírus aos 71 anos

Publicados

em

MORREU O CACIQUE ARITANA. UM LIVRO CHEIO DE INFORMAÇÕES SE FECHOU PARA SEMPRE.

O Mundo civilizado chora a morte, aos 71 anos, do cacique Aritana Yawalapiti, a mais antiga liderança das nações indígenas do Alto Xingu, em Mato Grosso, do grupo indígena dos iaualapitis. Ele é mais uma vítima do coronavirus (COVID-19), que se soma entre os quase 100 mil mortos no Brasil.

Aritana era cacique desde os 19 anos de idade, conhecido e reconhecido em todo planeta por lutar pelos interesses de seus irmãos indígenas.

Sobre Aritana, escreveu Patxon Metuktire, que é neto do cacique Raoni Metuktire: “Quando morre um cacique, a comunidade perde um líder. Quando morre um mestre e um ancião, é um livro cheio de informações que se fecha para sempre” das nações indígenas do Alto Xingu, em Mato Grosso, do grupo indígena dos iaualapitis.

Ele é mais uma vítima do coronavirus que se soma entre os quase 100 mil mortos no Brasil. Aritana era cacique desde os 19 anos de idade, conhecido e reconhecido em todo planeta por lutar pelos interesses de seus irmãos indígenas. Sobre Aritana, escreveu Patxon Metuktire, que é neto do cacique Raoni Metuktire: “Quando morre um cacique, a comunidade perde um líder. Quando morre um mestre e um ancião, é um livro cheio de informações que se fecha para sempre”

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Comissão especial na ALMT debate dificuldades enfrentadas em aulas remotas
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA