COVID-19

Mato Grosso entra em estado de alerta vermelho com 80% das UTIs ocupadas

24 Mortes em 24 Horas

Publicados

em

 

JB NEWS

O secretário de Estado de Saúde de Mato Grosso  Gilberto Figueiredo começou sua live nesta sexta-feira 18,lamentando a falta de responsabilidade da população pelo aumento de infectados e mortos pelo Coronavírus (COVID-19).

Mato Grosso registrou até o final desta quinta-feira 17,msis de 8. 176 casos de infectados com 367 pessoas hospitalizadas, e 295, óbitos causados pelo Coronavírus,somente nesta quinta-feira 17, 24 pessoas morreram.

Segundo o secretário irá notificar  oficialmente na data de hoje além do governo do Estado, as prefeituras que 80% das Unidades de Tratamento Intensivo ( UTI) no Estado já estão comprometidos, e que a partir das últimas informações que  foram obtidas ontem esta em estado de alerta vermelho para uma possibilidade de um colapso na saúde,e que  infelizmente o comportamento da população e as medidas utilizadas pelas autoridades não estão sendo suficientes para reduzir a curva de crescimento da Covid-19.

Disse também governo do Estado publicou no último decreto (522-2020),sugerindo medidas mais rígidas para alguns municípios com alto índice de infecção, e relatou uma crise a nível de Brasil para obter remédios e equipamentos hospitalares, e que isso vai dificultar ainda mais o combate ao coronavírus.

Leia Também:  Levantamento em Tapurah revela que 84% dos focos de mosquito da dengue são encontrados em residências

As cidades com maior indice de infectados que já chegaram na classificação como alto risco de contaminação conforme  a Secretaria de Saúde  Estadual é Cuiabá , Varzea Grande, Rondonópolis, Sinop, Sorriso, Tangará da Serra, Alta Floresta, Pontes e Lacerda, Nova Mutum ,Primavera, Nossa Senhora do Livramento e Porto Esperidião. Para o secretário estes municípios precisam urgentemente adotar medidas mais duras para conter a proliferação do Coronavírus.

Veja aqui a Live completa:👇

Posted by Governo de Mato Grosso on Friday, June 19, 2020

 

 

 

COMENTE ABAIXO:

COVID-19

TJ-MT decide cobrar o uso de máscaras faciais de magistrados e visitantes

Publicados

em

Por

JB News

Por Alisson Gonçalves

O Tribunal de Justiça de MT (TJ-MT), decidiu nesta terça-feira 07.05, adotar medidas protetivas para pá prevenção da Covid-19.

A medida se dá pir conta da constante divulgação, nos veículos de
comunicação tanto nacionais como locais, a respeito da elevação dos casos de
Covid-19, situação comprovada por meio das notificações recebidas via alertacovid
(e-mail e celular),

A decisão sm MT foi  da  presidente do TJ, a desembargadora Maria Helena, onde pede que os colaboradores do órgão, usem as máscaras faciais.

Outra medida apontada é que se caso os colaboradores apresentem sintomas da Covid-19, devem ficar em casa atuando em teletrabalho, isso serve tanto para o colaborador do órgão como para os magistradoS.

Caso após o exame o resultado seja negativo, a função volta ser desenvolvida presencialmente.

A decisão serve para todos que for adentrar ao órgão.

Veja a Portaria :👇

Portaria TJ-MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Levantamento em Tapurah revela que 84% dos focos de mosquito da dengue são encontrados em residências
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA