Cidades

Luciara permanece na lista de municípios com risco alto de contaminação de Covid-19

Publicados

em

Os indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana e os resultados são divulgados nos Boletins informativos da SES-MT

Carlos Celestino

Com informações Secom-MT

Reunião no LACEN-MT Sobre o projeto ZIBRA – Foto por: Arquivo

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou nesta quinta-feira (10.09) o Boletim Informativo n° 186 com o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso. O documento mostra (a partir da página 9) que o município de Luciara permanece na classificação de risco “alto” de contaminação de Covid-19.

Ainda de acordo com informações contidas no boletim, 14 municípios estão na classificação de risco “moderado” para a disseminação do coronavírus. São eles: Cuiabá, Rondonópolis, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Cáceres, Várzea Grande, Primavera do Leste, Barra do Garças, Campo Novo do Parecis, Mirassol D’Oeste, Sinop, Tangará da Serra, Paranatinga e Sapezal.

Outros 129 municípios estão na classificação “baixo”, indicado pela cor verde e não apresentam grandes riscos de contaminação. Nenhuma cidade de Mato Grosso foi classificada com risco “muito alto”, indicado pela cor vermelha que indica alerta máximo de contaminação.

Leia Também:  Todos os 141 municípios de Mato Grosso permanecem com risco baixo de contaminação da Covid-19

O sistema de classificação que indica o nível de risco é definido por cores: muito alto (vermelho), alto (laranja), moderado (amarelo) e baixo (verde). De acordo com a definição dos riscos é necessária a adoção de medidas restritivas para o controle da propagação do coronavírus nas cidades. Os indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana e os resultados são divulgados nos Boletins informativos da SES-MT.

Veja a tabela de classificação de risco por município

 

 

 

 

 

Recomendações e cuidados

– Evitar contato próximo com pessoas que sofrem de infecções respiratórias agudas;

– Usar máscara quando sair de casa;

– Evitar aglomerações;

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;

Leia Também:  Governador inaugura 35 km de asfalto novo e vistoria trecho de concessão na região norte

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Rodovia asfaltada muda a realidade da população e isso é aplicar bem o dinheiro público”, afirma governador em Tabaporã

Publicados

em

 

Obra põe fim à espera de 30 anos dos moradores da Região do Vale do Arinos; Estado e associação investiram R$ 29,6 milhões na pavimentação de 35,4 km

Lucas Rodrigues e Karine Miranda

Com informações Secom-MT/Sinfra-MT

Governador Mauro Mendes inaugura pavimentação da MT-410 – Foto por: Mayke Toscano/Secom-MT

 

O governador Mauro Mendes inaugurou nesta sexta-feira (23.10) o asfaltamento de 35,4 quilômetros da MT-410 em Tabaporã (695 km de Cuiabá), na região do Vale do Arinos, em Mato Grosso. A obra põe fim à espera de 30 anos dos moradores da região, que aguardavam pelo fim da estrada de chão e a substituição do tão sonhado asfalto.

A pavimentação foi realizada no trecho que compreende a sede do município de Tabaporã até o entroncamento da MT-220 – e é resultado de um convênio firmado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), com a Associação dos Produtores da Rodovia MT-220.

“É uma alegria estarmos hoje comemorando a chegada em definitivo desse asfalto. É mais progresso, desenvolvimento, qualidade de vida. O progresso da cidade, que já estava andando bem sem infraestrutura, imagina agora com a chegada do asfalto, melhorando as condições, baixando o preço da logística. Mas, acima de tudo, melhorando a qualidade de vida das pessoas. Parabéns Tabaporã e a todos que trabalharam aqui conosco, pois isso é feito com dinheiro público de todos nós e o papel do governo é arrecadar e aplicar bem – o que nós estamos fazendo”, afirmou o governador.

Leia Também:  Operação da polícia civil de SP cumpre em MT mandados contra Golpistas que agiam pela OLX

Por meio do convênio, o Estado e associação uniram esforços e investimentos, na ordem de R$ 29,6 milhões, para a execução das obras. Foram R$ 26,6 milhões destinados pela Sinfra e R$ 2,9 milhões de contrapartida da associação, que tem a MT-410 como uma das principais rotas de escoamento da produção do agronegócio. Isso porque a rodovia permite a interligação com a MT-220 até chegar à BR-163, que hoje é considerada o mais importante corredor logístico de Mato Grosso.

De acordo com Mauro Mendes, a obra também é mais um incentivo para as atividades do agronegócio, não apenas da cidade de Tabaporã, mas também dos municípios de Porto dos Gaúchos, Juara e Novo Horizonte, que compõem a região.

“São 30, 40 anos de espera e graças a Deus conseguimos concretizar isso agora. Uma região que tem muito potencial, que vai crescer muito, gerar muito emprego, contribuir muito para o desenvolvimento daqui e de todo Mato Grosso. Todos nós ganhamos. Ganha a população, em especial que mora aqui, mas todo Mato Grosso. Vai produzir mais, gerar mais desenvolvimento, mais oportunidade”, destacou o governador.

“Agradecemos ao governador por estar vindo aqui inaugurar essa rodovia tão sonhada pela gente. O progresso de Tabaporã está acontecendo, e o asfalto vai incentivar ainda mais”, disse o presidente da Associação dos Produtores da Rodovia MT-220, Marildo Lauro.

Leia Também:  Pandemia da Covid-19 ainda não está vencida”, alerta secretário de Saúde

Para o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, a entrega de mais essa pavimentação é a demonstração do compromisso da atual gestão do Governo do Estado, de promover a valorização de uma região que ficou por muito tempo esquecida, além de interligar as áreas produtoras de Mato Grosso.

“É mais um resgate praticado pelo Governo Mauro Mendes, na nossa missão de consertar o Estado de Mato Grosso. Hoje estamos aqui resgatando essa ligação asfáltica, ligando Tabaporã até o entroncamento da MT-220 e a todo o Estado, que já tem rodovias asfaltadas. Demorava cinco horas e meia para sair de Tabaporã e chegar a Sinop. Hoje demora uma hora e quinze. No tempo em que chovia, ninguém conseguia transitar por essa estrada. Então estar aqui e junto com o governador Mauro Mendes nesta árdua missão de consertar Mato Grosso é uma satisfação muito grande”, disse.

O secretário lembrou ainda que os convênios e parcerias com associações, prefeituras e consórcios intermunicipais são soluções eficazes que o governo tem adotado para conseguir executar mais obras e melhorias de infraestrutura em várias regiões de Mato Grosso.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA