Arquivos JB News 10 Anos

Lucas do Rio Verde pode ganhar o título de Capital Nacional da Agroindústria

Publicados

em

 

 

 

O valor é referente entre 1º de janeiro a 13 de setembro deste ano

 

A Fecomércio-MT informa que o município de Lucas do Rio Verde (332 quilômetros de distância de Cuiabá) arrecadou em imposto no período de  01ª de janeiro até 13 de setembro deste ano, às 17h, cerca de R$ 58,274 mi. No mesmo período em 2018 a soma foi de R$ 52,493 mi, os dados são do Impostômetro da entidade. Nos 12 meses no ano passado, os munícipes contribuíram com R$ 76,842 mi aos cofres públicos.

 

Lucas do Rio Verde pode ganhar o título de Capital Nacional da Agroindústria, caso um projeto de lei que tramita na Câmara Federal seja aprovado. A cidade ocupa o 5º lugar no ranking estadual de produção soja, o que corresponde por 1% de toda a produção nacional de grãos.

 

Segundo os dados do IBGE de 2018, Lucas do Rio Verde é considerada a 8ª maior cidade de Mato Grosso com aproximadamente 65 mil habitantes, um aumento de 39,19%, em relação a 2010.

Leia Também:  Deputado João Batista e Gisela Simona assumem diretório estadual do PROS

De 1º de janeiro a 13 de setembro, o Impostômetro aponta que Cuiabá arrecadou aproximadamente R$  545,641 mi, em Mato Grosso a soma é de R$ 23,323 bi.

 

Toda sexta-feira, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio-MT) divulga o “Boletim Impostômetro” contendo o valor pago de tributos pelos cidadãos e demais informações sobre questão tributária estadual e nacional.

 

A população também pode acompanhar o imposto recolhido no estado e no país através do telão instalado em frente à sede da Fecomércio-MT, na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, no Centro Político Administrativo (CPA).

 

COMENTE ABAIXO:

Arquivos JB News 10 Anos

Kalil Baracat cobra melhorias na pavimentação de bairros

Publicados

em

Por

 

O vereador por Várzea Grande, Kalil Sarat Baracat de Arruda apresentou duas indicações que visam melhorias na pavimentação asfáltica de dois bairros da cidade.

Sua primeira indicação solicita do Poder Executivo Municipal junto à Secretaria de Infraestrutura a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica nas ruas do bairro Jardim Novo Horizonte, em sua totalidade.

Segundo Kalil a proposta é urgente e visa à realização de “tapa buracos” e reparos na pavimentação asfáltica.

“As ruas do bairro em questão encontram-se totalmente esburacadas, quase sem condições de tráfego, provocando pequenas colisões e avarias nos veículos dos que por ali transitam. É tamanha a calamidade em que se encontram as vias que não é possível especificar onde e quão grandes são os buracos. Atender à solicitação daquela comunidade é cumprir com o dever social e zelar pelo bem público e pelos munícipes”, explica o vereador.

Os moradores do bairro Jardim Potiguar também vem passando pelo mesmo problema e dessa forma, Kalil também indicou a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica em todas as ruas do bairro.

Leia Também:  O perigo eminente nas faixas de domínio

“ As ruas Jardim Potiguar estão cheias de buracos com o aumento do fluxo de veículos pela região devido aos desvios das obras da Copa, quase que sem condições de tráfego. Além da falta de conforto e segurança, os buracos deixam o bairro com aspecto feio e mal cuidado desvalorizando os imóveis construídos ali. Dezenas de colisões com prejuízos financeiros e lesões físicas são registradas todos os dias naquele local”, disse Kalil Baracat.

 

Michelle Carla Costa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA