Política Estadual

Governo já emitiu mais de 140 Carteiras de Identificação do Autista em Mato Grosso

Ser Inclusivo

Publicados

em

A ação é uma das bandeiras da primeira-dama, Virginia Mendes, na defesa dos direitos da pessoa com deficiência em Mato Grosso

Quéren-Hapuque

Com informações Setasc/MT

 Foto por: Jana Pessoa

A emissão da Carteira de Identificação do Autista (CIA) destinada para pessoas diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista (TEA), em Mato Grosso, começou a ser emitida no mês de dezembro de 2020. A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), pasta responsável pela expedição do documento no Estado, já emitiu 141 carteirinhas do autista.

A iniciativa é uma das bandeiras da primeira-dama, Virginia Mendes, na defesa dos direitos da pessoa com deficiência. A primeira-dama é madrinha da causa e a implantação do documento era uma reivindicação antiga de pais e associações que atendem pessoas com autismo em Mato Grosso.

image.png
“Sabemos das dificuldades que as pessoas com autismo ainda enfrentam para serem reconhecidas e respeitadas. O objetivo é ajudar nesta luta e implementar ações que visam garantir o acesso a direitos básicos e essenciais para este público”, pontua Virginia Mendes.

Leia Também:  Para Mauro e Virgínia Mendes inclusão é uma das prioridades do governo

A medida, que prevê a emissão e distribuição da carteira, é assegurada pela lei de nº 10.997, de autoria do deputado estadual Sebastião Rezende, e faz parte do ‘SER Inclusivo, programa social, coordenado pela primeira-dama Virginia Mendes.

image.png
A emissão da carteirinha é realizada de forma gratuita nos municípios e tem validade de cinco anos. A ação conta com o suporte dos Centros de Referência de Assistência Social dos Municípios (CRAS), que auxiliam os interessados no interior de Mato Grosso com informações, como, por exemplo, sobre preencher os formulários, receber os documentos e realizar o cadastro.

A secretária da Setasc, Rosamaria Carvalho, enfatiza a importância do trabalho desenvolvido. “A intenção é de incluir o autista na sociedade facilitando a identificação, evitando assim, o preconceito ou interpretações equivocadas, além do acesso a lugares públicos e privados de forma prioritária”, explica.

 

image.png

Para quem é de Cuiabá e Várzea Grande, o cadastro deve ser realizado diretamente na sede da Setasc, localizada no Centro Político e Administrativo da Capital, ou enviar toda a documentação pelo e-mail carteiradoautista@setasc.mt.gov.br

Leia Também:  Unemat abre vestibular com 1.000 vagas para Educação a Distância

O requerimento para a inscrição está disponível no site da Setasc, no endereço eletrônico www.setasc.mt.gov.br

Além disso, é preciso anexar os seguintes documentos: cópia da certidão de nascimento ou documento de identidade do solicitante; cópia do CPF do solicitante; cópia do comprovante de endereço; 01 foto 3×4; e laudo médico atestando a TEA.

SER Inclusivo

Além da implantação da Carteira de Identificação do Autista, o SER Inclusivo também vai garantir o pagamento mensal de até R$ 120 reais às pessoas com deficiência. Os recursos fazem parte do programa SER Família, maior programa de transferência de renda e de melhoria da qualidade de vida das famílias em situação de vulnerabilidade social.

COMENTE ABAIXO:

Política Estadual

Governador autoriza compra de mais 400 máquinas para a Agricultura Familiar

Publicados

em

Maquinários vão auxiliar os pequenos produtores de todo o Mato Grosso

Por Lucas Rodrigues

Com informações Secom-MT

Foto: Michel Alvim –

O governador Mauro Mendes autorizou a aquisição de mais 400 equipamentos para auxiliar a Agricultura Familiar de Mato Grosso.

A assinatura do convênio ocorreu na manhã desta quarta-feira (30.12), junto do deputado federal Neri Geller e dos secretários Mauro Carvalho (Casa Civil) e Silvano Amaral (Agricultura Familiar).

Dos 400 maquinários, 280 serão adquiridos com recursos do Governo de Mato Grosso e os outros 120 por meio de emendas dos deputados federais Neri Geller, Carlos Bezerra, Rosa Neide e Juarez Costa. Serão investidos mais de R$ 36 milhões nas aquisições.

De acordo com o governador Mauro Mendes, as máquinas agrícolas vão beneficiar agricultores de todos os 141 municípios.

“É o maior programa da história de Mato Grosso para compra de máquinas. Os equipamentos vão chegar logo logo para ajudar a fortalecer a Agricultura Familiar do nosso estado”, afirmou.

O secretário Silvano Amaral destacou que essa ação vai ajudar os pequenos agricultores a desenvolver mais “quantidade e qualidade” na produção, gerando emprego e renda.

Leia Também:  Policia Militar começa a implantar patrulhamento agrícola em Mato Grosso

“Esses investimentos estão focados em mecanização e tecnologia, que visam ajudar o pequeno produtor a ter mais produção em quantidade e qualidade. Assim ele tem condições de continuar na roça, gerar mais renda e emprego. Consequentemente vai ter mais qualidade de vida e dignidade para sua família”, pontuou.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA