Estratégia

Governo inicia planejamento de ações para prevenção e combate a incêndios florestais em MT

Publicados

em

O objetivo é construir e aperfeiçoar o plano estratégico das forças que atuam no controle e combate aos desastres ambientais ocasionados pelo fogo

Por Carlos Celestino

Com informações Secom|MT

O workshop acontece no auditório da Federação da Agricultura e Pecuária (Famato), em Cuiabá
Foto : Michel Alvim – SECOM/MT

Militares do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso (CBM-MT), representantes da Polícia Militar Ambiental, com apoio da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e demais forças que atuam nas ações ambientais iniciaram, na manhã desta quarta-feira (10.02), workshop de avaliação da temporada de incêndios florestais de 2020.

No encontro, realizado no auditório da Federação da Agricultura e Pecuária (Famato), debate sobre as ações e conduções para construção do plano estratégico das medidas preventivas e de combate aos desastres ambientais, ocasionados pelos incêndios florestais no Pantanal mato-grossense e demais regiões que venham a ser afetadas como o fogo.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Alessandro Borges, explicou que essa reunião ocorre anualmente para aperfeiçoar as ações e atuação dos militares do CBM-MT durante ações de resposta aos incêndios no período de estiagem.

Leia Também:  Inscrições abertas para curso on-line e gratuito para mulheres sobre gestão empreendedora

“Vamos fazer uma análise minuciosa, um balanço de 2020 dos procedimentos que adotamos, os fatores externos que irão influenciar neste ano e, com isso, formatar e aperfeiçoar um planejamento para 2021.  Um trabalho bem sistematizado para que tenhamos melhores resultados e que melhore também a nossa atuação nessa missão de combate aos incêndios”, explicou o comandante.

Ele destacou ainda que o CBM-MT já está se preparando para combater aos incêndios, prova disso é a inauguração 1° Pelotão Independente do Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), instalado na cidade de Poconé, município a 104 km de Cuiabá. Unidade de ação estratégica criada para atuar no monitoramento e prevenção aos incêndios florestais na região.

O presidente da Famato, Normando Corral, instituição parceira na ação, destacou que “cursos de prevenção e combate ao incêndio para produtores rurais são ofertados para o homem do campo. Um mecanismo para contribuir nesta ação e evitar a devastação do fogo na vegetação”.

O presidente da Famato concluiu dizendo que “a parceria com o Corpo de Bombeiros tem sido muito boa, com muita eficiência, pois são eles os responsáveis por ofertar o ensinamento para os nossos instrutores do Senar, esse trabalho de prevenção e combate ao incêndio para ser repassados para pessoas que moram no campo”, explicou.

Leia Também:  REM MT participa de oficina de implantação do projeto FIP Paisagens Rurais

Embora os incêndios florestais só ocorram no segundo semestre do ano, período da seca, ações planejadas já estão em construção com objetivo de resultar em queda no número de focos de incêndio em Mato Grosso.

Para o encerramento do workshop, nesta quinta-feira (11.02), será produzido o Relatório de avaliação que servirá de embasamento para a implementação de pontos de melhoria para aplicação na Temporada de Incêndios Florestais 2021.

 

 

COMENTE ABAIXO:

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA