Abastecimento

Governador Mauro Mendes entrega 42 tratores para pequenos agricultores de Mato Grosso

“Vai ajudar Centenas de Famílias em MT”.

Publicados

em

Aquisição de patrulhas mecanizadas vai colaborar para o desenvolvimento da Agricultura Familiar

Lucas Rodrigues

Com informações Secom-MT

Governador entrega 42 tratores agrícolas da SEAF ¿ – Foto por: Michel Alvim – SECOM/MT
A | A

O governador Mauro Mendes afirmou que as 42 patrulhas mecanizadas que estão sendo entregues à Agricultura Familiar vão ajudar “centenas de famílias de pequenos agricultores em Mato Grosso”.

Os equipamentos foram adquiridos com recursos do Governo do Estado e  também do Ministério da Agricultura, cuja articulação foi feita pela bancada federal, com apoio da Assembleia Legislativa. A Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf) irá proceder com a destinação das patrulhas a partir desta sexta-feira (14.08).

Mendes lembrou que é oriundo da Agricultura Familiar e sabe a importância desse apoio para as famílias de pequenos produtores.

“Eu nasci na Agricultura Familiar, nasci na roça no interior de Goiás, e sempre sonhei em ter um trator desse. A gente tinha um trator pequenininho que trabalhava em horta. Quando recebemos a emenda federal, era destinada a comprar tratores pequeno, de 75 cv. O Governo do Estado dobrou o recurso e agora estamos entregando um trator de grande porte, de 110 cv, que vai durar muito mais, vai durar cinco, 10 anos, com segurança, se bem cuidado, e vai ajudar centenas de famílias em vários municípios do estado de Mato Grosso”, relatou.

Leia Também:  Instituições se mobilizam pelo Fim da Violência contra as Mulheres

A entrega dos tratores faz parte do programa “MT Produtivo – Patrulhas Agrícolas”. Cada patrulha é composta por um trator agrícola 4×4 de 110 CV, uma carreta basculante com capacidade para 6 toneladas e uma grade aradora com 18 discos de 28 polegadas.

Foram investidos R$ 4,8 milhões de recursos federais e R$ 2,7 milhões de valores do estado. Na compra, foi obtida uma economia de R$ 614 mil, o que possibilitará ao Estado a aquisição de mais três patrulhas.

“Fico muito feliz por podermos ajudar centenas de famílias de todo o Mato Grosso na agricultura familiar, assim como em várias outras áreas, por estarmos nesse um ano e meio trabalhando com muita seriedade. Temos mais de 100 mil famílias que vivem da agricultura familiar e é dever do Estado cuidar de todos. A agricultura familiar vai continuar a ter, nos próximos dois anos e meio, o maior apoio já recebido na história de Mato Grosso”, completou o governador.

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abastecimento

Mato Grosso disponibiliza R$ 160 milhões para recuperação da pecuária do Pantanal

FCO Rural

Publicados

em

 

Recursos serão disponibilizados para produtores rurais atingidos pelos incêndios florestais

Thielli Bairros

Com informações Sedec-MT

-Foto Secom MT

O Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Codem) aprovou nesta terça-feira (17.11) o remanejamento de R$ 160 milhões do FCO Empresarial para o FCO Rural e atendimento prioritário a financiamento de projetos que visem a recuperação da capacidade produtiva da pecuária pantaneira definida no Plano Emergencial de Recuperação da Pecuária Pantaneira Pós Incêndios 2020.

“Conseguimos disponibilizar estes recursos ainda neste ano para auxiliar os produtores rurais da região que foram fortemente atingidos pelos incêndios ocorridos no Pantanal. É uma ação emergencial em um momento em que muitos tiveram danos graves em suas propriedades. Agora, pedimos aos pecuaristas que preparem o mais rápido possível a sua carta consulta para que entrem no trâmite de análise e liberação do recurso”, explica César Miranda, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico e presidente do Codem.

Considera-se propriedades rurais localizadas no Bioma Pantanal as dos municípios de Barão de Melgaço, Cáceres, Poconé, Curvelândia, Santo Antônio de Leverger, Porto Espiridião, Nossa Senhora do Livramento, Itiquira, Mirassol D’Oeste, Cuiabá, Figueirópolis D’Oeste, Várzea Grande, Juscimeira e Lambari D’Oeste.

Leia Também:  Novo Plano Diretor apresenta diretrizes para o crescimento do município para os próximos 10 anos

O planejamento é disponibilizar até R$ 440 milhões até 31 de dezembro de 2021 em diversos pontos elencados pelo Plano Emergencial. A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) pleiteia junto ao Conselho Deliberativo da Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) a criação de linhas de crédito específicas para o Pantanal.

Leia Também:  O Sagrado Feminino é tema de grupo com mais de 150 mulheres

Cartas Consulta

O Codem também aprovou 11 cartas consultas de FCO Empresarial, no montante de R$ 82,8 milhões de financiamento e com geração de 1879 empregos diretos e 1379 empregos indiretos. Para FCO Rural, foram aprovadas 46 cartas consultas com valor a ser financiado de cerca de R$ 122,9 milhões, gerando 305 empregos diretos e 500 empregos indiretos.

COMENTE ABAIXO:
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA