Arquivos JB News 10 Anos

Gefron inaugura nova base operacional em Cáceres

Publicados

em

 

Gefron inaugura nova base operacional em Cáceres na quarta-feira (18)

Com uma área total de 355,95 m², a obra custou R$ 820 mil. Mato Grosso possui 983 quilômetros de fronteira com a Bolívia e a nova sede está localizada em ponto estratégico entre os dois países
Hérica Teixeira
 

A Secretaria de Estado de Segurança Pública inaugura na próxima quarta-feira (18.09) a nova base operacional do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), no município de Cáceres (250 km a Oeste de Cuiabá). O prédio do “Posto do Limão” está localizado na BR-070, uma das principais vias de acesso ao país vizinho, a Bolívia.

Com uma área total de 355,95 m², a obra custou cerca de R$ 820 mil e é resultado da parceria do Governo de Mato Grosso, Prefeitura de Cáceres, Poder Judiciário e demais membros da sociedade civil organizada.

Com espaço para atendimento ao público, alojamentos masculino e feminino, sala de exame, cozinha, banheiros, dentre outros cômodos, a nova sede contará também com posto de fiscalização com atendimento 24 horas.

Leia Também:  Nilson Leitão protocola pedido de suspensão de pedágio na BR-163.

A solenidade de entrega do novo espaço será realizada às 9 horas, com a presença de autoridades e profissionais da segurança pública. No mesmo dia serão entregues também 45 fuzis importados (Sig Sauer) para a tropa. A aquisição é fruto da parceria do Ministério Público, que destinou R$ 450 mil, por meio de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).

“Estamos vivendo um momento importante do policiamento na fronteira. Vários investimentos estão sendo feitos para ampliar ainda mais a repressão à criminalidade. A nova sede do Gefron está localizada em uma região estratégica entre os dois países e isso é fundamental para o desempenho do nosso trabalho. Temos obtido importantes resultados, somando esforços junto a diversas instituições, como Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Exército Brasileiro, Força Aérea Brasileira, Indea e Receita Federal”, enfatizou o coordenador do Gefron, coronel PM José Nildo de Oliveira.

O Grupo de Fronteira passou a operar na repressão aos crimes transfronteiriços em 13 de março de 2002. Os 140 policiais realizam patrulhamentos pelas rodovias, estradas vicinais, operações, barreiras fixas e volantes na repressão ao tráfico de drogas, contrabando e descaminho de bens e valores, evasão de divisas e roubos de veículos.

Leia Também:  Denúncias de empresa sobre BRF em Mato Grosso são relegadas à "segunda classe"

A base operacional do Gefron fica no município de Porto Esperidião. Outros pontos de fiscalização estão distribuídos na região do Matão (Pontes e Lacerda), Vila Cardoso, Avião Caído (em Cáceres), Canil Integrado (Cáceres), além da sede administrativa na Sesp, em Cuiabá.

Repressão

Nos primeiros oito meses deste ano, o Gefron soma quatro toneladas de drogas apreendidas e 168 ocorrências registradas nos 983 quilômetros de fronteira entre o Brasil com a Bolívia. Ainda no período, foram apreendidas 15 armas de fogo e 916 munições. Ao todo, 159 veículos, fruto de roubo ou furto, foram recuperados na região.

O Gefron conta com o serviço de disque-denúncia, pelo número 0800.646.1402. As informações recebidas são checadas pela equipe e a identidade é mantida em sigilo.


COMENTE ABAIXO:

Arquivos JB News 10 Anos

Kalil Baracat cobra melhorias na pavimentação de bairros

Publicados

em

Por

 

O vereador por Várzea Grande, Kalil Sarat Baracat de Arruda apresentou duas indicações que visam melhorias na pavimentação asfáltica de dois bairros da cidade.

Sua primeira indicação solicita do Poder Executivo Municipal junto à Secretaria de Infraestrutura a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica nas ruas do bairro Jardim Novo Horizonte, em sua totalidade.

Segundo Kalil a proposta é urgente e visa à realização de “tapa buracos” e reparos na pavimentação asfáltica.

“As ruas do bairro em questão encontram-se totalmente esburacadas, quase sem condições de tráfego, provocando pequenas colisões e avarias nos veículos dos que por ali transitam. É tamanha a calamidade em que se encontram as vias que não é possível especificar onde e quão grandes são os buracos. Atender à solicitação daquela comunidade é cumprir com o dever social e zelar pelo bem público e pelos munícipes”, explica o vereador.

Os moradores do bairro Jardim Potiguar também vem passando pelo mesmo problema e dessa forma, Kalil também indicou a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica em todas as ruas do bairro.

Leia Também:  Denúncias de empresa sobre BRF em Mato Grosso são relegadas à "segunda classe"

“ As ruas Jardim Potiguar estão cheias de buracos com o aumento do fluxo de veículos pela região devido aos desvios das obras da Copa, quase que sem condições de tráfego. Além da falta de conforto e segurança, os buracos deixam o bairro com aspecto feio e mal cuidado desvalorizando os imóveis construídos ali. Dezenas de colisões com prejuízos financeiros e lesões físicas são registradas todos os dias naquele local”, disse Kalil Baracat.

 

Michelle Carla Costa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA