Nacional

Dimensão do Braseiro o torna referência em festival de churrasco

Publicados

em

 

 

Em Rondonópolis, edição de 2019 atingiu 5,3 t de carne servidas e R$ 315 mil revertidos em doações

 

O Festival Braseiro é referência nacional do segmento devido à dimensão alcançada em três anos de realização do evento. Em Rondonópolis, no ano passado, 3,5 mil pessoas estiveram presentes no festival de churrasco e consumiram 5,3 toneladas de carne em 56 estações de alimentação.

Além da valorização da carne mato-grossense, um dos principais objetivos do evento é apoiar causas sociais. Toda a renda obtida é revertida para instituições filantrópicas beneficentes. O ano de 2019 fechou com uma arrecadação diferenciada, de aproximadamente R$ 563 mil totais. Só o evento de Rondonópolis arrecadou cerca de R$ 315 mil, doados para 13 instituições da cidade.

A Associação Rondonopolitana de Pessoas com Transtorno Autista (Arpta) é beneficiada pelo Braseiro há três anos. A associação, que tem caráter assistencial, beneficente e sem fins lucrativos, foi criada em 2011 a partir da união dos esforços de pais de crianças com transtorno autista.

Leia Também:  Medeiros pede que PGR investigue incitação de Lula à violência

Em 2017, A Arpta foi contemplada com a doação de R$ 11,7 mil, tudo revertido em mobília como mesas, armários, fichários, cadeiras de escritório, impressoras, computadores e cadeiras de plástico. Em 2018, a Arpta trabalhou no dia do festival e arrecadou pouco mais de R$ 3,1 mil com o “bar quente”. E em 2019, a doação do Braseiro foi de R$ 22,7 mil, revertidos na compra de equipamentos como aparelhos de ar-condicionado, geladeira, impressora, computador, dentre outros, para a nova sala de terapia ocupacional da organização.

“A sala de terapia ocupacional foi totalmente equipada para atendimento das pessoas com transtorno autista e demais utensílios para funcionamento da associação que, em janeiro, deve iniciar os atendimentos na sede. Agradecemos imensamente ao Festival Braseiro pela iniciativa e por proporcionar a tantas instituições filantrópicas a realização e manutenção dos nossos sonhos”, conta, emocionada, a presidente da Arpta, Rosemary de Aquino Pinto Piovesan.

Próximas edições – Os preparativos para o Festival Braseiro 2020 já começaram. Segundo a coordenadora de eventos da iniciativa, Aline Pellozo, as inscrições das instituições interessadas em receber doações devem começar em fevereiro. Para isso, precisam ficar atentas ao site do Braseiro.

Leia Também:  Ministério da Justiça divulga lista de criminosos mais procurados do país

“É importante frisar que a entidade precisa ser regularizada. Depois de preencher todos os dados e separar a documentação, é só enviar tudo por e-mail. As instituições selecionadas ainda passarão por uma análise da Comissão Julgadora, que realizará visitas in loco para conhecer a realidade de cada entidade. Depois da avaliação de uma série de critérios é que são selecionadas aquelas que serão beneficiadas diretamente pelo Festival”, explica a coordenadora do evento.

No Festival Braseiro, o público conta com um serviço ilimitado de alimentação e bebidas (cerveja, refrigerante e água) e, ainda, com mais de 50 estações com diferenciados cortes de carne. “E é sempre bom reforçar que a primeira chamada para o Festival Braseiro é realizada pelas nossas redes sociais. Então, fiquem atentos, porque o Braseiro 2020 promete!”, finaliza Aline Pellozo.

 

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nacional

Justiça proíbe caminhoneiros de bloquear Porto de Santos na segunda

Publicados

em

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Deputado Neri Geller quer tornar lei o uso de cães farejadores no combate a produtos proibidos
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA