topo.jpg
Terça-feira - 23 de Janeiro de 2018
CIÊNCIA E SAÚDE - 29/08/2016 - 04:23
 
Vida sem Cigarro
 
   
   
 
Grupos terapêuticos realizarão ações no Dia Nacional de Combate ao Fumo A Coordenação de Programas Especiais junto com a Equipe Técnica do Programa Nacional de Controle do Tabagismo, da Secretaria de Saúde de Cuiabá, realizará na próxima segunda – feira (29), pela manhã, nas unidades de saúde ações em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Fumo. Será também será inaugurado o Grupo Terapêutico de Controle ao Tabaco, na unidade do Programa Saúde da Família (PSF) do bairro Praieiro, com o objetivo de ampliar o conhecimento da população sobre o tratamento disponível e esclarecer dúvidas sobre a dependência e malefícios que o cigarro pode trazer para saúde. A programação contará com atividades educativas como seminários de educação continuada com a equipe multidisciplinar das unidades de saúde e distribuição de materiais educativos. As equipes ainda estarão prestando orientações parar quem deseja parar de fumar, como também informações sobre as conseqüências do fumo passivo na família, no ambiente de trabalho e em outros locais. Os malefícios do narguilé será um dos tema de debate nos grupos, pois vem ganhando cada dia mais popularidade entre os mais jovens. Em Cuiabá, algumas unidades já desenvolvem o trabalho com Grupos Terapêuticos de Abordagem Intensiva ao Fumante, a unidade PSF Despraiado I (com grupo de 60 pacientes), PSF Despraiado II (com grupo de 40 pacientes), PSF Santa Isabel II (estão trabalhando com dois grupos um no período matutino com 34 pacientes e no período vespertino com 35 pacientes), PSF Pedra 90 III ( grupo com 20 pessoas), PSF Pedra 90 IV( grupo com 20 pessoas) PSF Nova Esperança I (grupo com 05 pessoas), PSF Lixeira/Baú (grupo de 13 pacientes), Centro de Saúde (CS) Campo Velho (grupo com 45 pessoas), PSF Jardim Fortaleza (grupo de 15 pacientes), PSF Jardim Araçá (grupo de 15 pacientes), PSF Santa Amália (grupo de 15 pacientes), PSF Praeiro (grupo de 15 pacientes) e o PSF Pico do Amor (grupo de 15 pacientes). “Buscamos com o Programa Nacional do Controle do Tabagismo atingir o maior número de tabagistas, para que ao aderirem ao programa possam encontrar apoio psicoterapêutico para deixarem o tabaco, evitando assim agravos a si mesmo e a seus familiares por passividade”, explicou a responsável técnica do Programa, Brenna Bianka de Souza. O tratamento em grupo terapêutico funciona por meio de reuniões estruturadas, cada uma com um tema e roteiro específicos, estabelecido pela equipe da unidade de saúde. As reuniões são realizadas geralmente uma vez por semana com duração de 1h30mim e, é supervisionada por profissionais de saúde de nível superior, capacitados no Programa Municipal do Controle do Tabagismo. Com a intervenção do programa o adepto poderá ter maior qualidade de vida evitando agravos futuros pelo uso do cigarro. A atenção primária trabalha com a prevenção de doenças e promoção da saúde e para tanto o Programa antitabagismo a orientação e suporte de profissionais e de tratamento medicamentoso para que o tabagista possa abandonar o vício o quanto antes, evitando desta forma complicações sério à sua saúde. O tabagismo é reconhecido como uma doença epidêmica que causa dependência física, psicológica e comportamental semelhante ao que ocorre com o uso de drogas como álcool, cocaína heroína. No Brasil, são estimadas cerca de 200 mil mortes/ano em conseqüência do tabagismo. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: 3617-7364, da Diretoria de Atenção Básica/Programa de Controle do Tabagismo.
   
COMENTAR NOTÍCIA
VER COMENTÁRIOS
 
 
 
01/09/2017  - Você tem o direito de errar
28/08/2017  - MPE notifica prefeito e vereadores para que não reduzam limite para aplicação de agrotóxicos
23/08/2017  - Niuan Ribeiro, homenageia maçons por contribuição social
23/08/2017  - MPE notifica Estado para que suspenda qualquer ato de gestão em nome do IPAS
23/08/2017  - Secretaria de Educação e Bibliotecas Comunitárias comemoram Folclore nas ruas de Cuiabá
 
Untitled Document
 
ECONOMIA
Alimentação e Bebidas
23/01/2018
Prévia da inflação oficial registra 0,39% em janeiro, diz IBGE
 
 
DESTAQUES
Resultado Satisfatório
22/01/2018
Prefeitura faz balanço do processo seletivo simplificado de contratação da Educação
 
 
SAÚDE
Período de Férias
19/01/2018
Com estoque baixo, Hemocentro precisa de doadores de sangue
 
 
DESTAQUES
Sem Folia
18/01/2018
Mato Grosso fica sem dinheiro para realizar Carnaval 2018
 
 
POLÍTICA
Processos Diciplinares
17/01/2018
Estado investiga conduta de mais de 800 servidores, que podem ser até demitidos
 
 
DESTAQUES
Crise
16/01/2018
Taques diz não ser "Superhomem" e cita que 12 Estados atrasam salários no país
 
 
DESTAQUES
Segundo novo Estudo
15/01/2018
Custo das energias renováveis pode ficar abaixo dos combustíveis fósseis até 2020
 
 
DESTAQUES
Em Cuiabá
12/01/2018
Seduc registra mais de 7 mil solicitações de matrículas de novos alunos
 
 
CIDADES
Procedimento Administrativo
11/01/2018
Cuiabá investiga 11 médicos e enfermeiros por abandono de cargos
 
 
POLÍTICA
Peixoto de Azevedo
10/01/2018
MPE requer condenação de servidores públicos por improbidade administrativa
 
 
POLÍTICA
Investigação em Risco
09/01/2018
Advogado aponta erro de juiz e STF para pedir anulação de 15 fases da Ararath em MT
 
 
DESTAQUES
Nomeados sem Concurso
08/01/2018
Demitidos pela Justiça, servidores da AL tentam recurso para manter cargos e salários em MT
 
rodape.jpg
Resultado  
Você tem o direito de errar
 
Primavera do Leste  
MPE notifica prefeito e vereadores para que não reduzam limite para aplicação de agrotóxicos
 
Semana Nacional  
Secretaria de Educação e Bibliotecas Comunitárias comemoram Folclore nas ruas de Cuiabá
 
Iprobidade  
MPE notifica Estado para que suspenda qualquer ato de gestão em nome do IPAS
 
Cuiabá  
Niuan Ribeiro, homenageia maçons por contribuição social
 
Casa Própria  
Governo entrega casas a 100 famílias em Jangada
 
Artigo  
Modelo Ideal?*
 
Legalize Já!  
Ministro do STF diz que Brasil deve 'legalizar a maconha e ver como isso funciona na vida real'
 
Cultivo Protegido  
Futuros Produtores visitam em Campinas a Divisão de Hortaliças da Monsanto
 
Anvisa Avisa  
Droga da USP não tem ação comprovada contra câncer