topo.jpg
Terça-feira - 20 de Agosto de 2019
 
DESTAQUES - 07/08/2019 - 12:22
 
Ex-servidora é condenada por improbidade administrativa após falsificar atestados médicos
 
   
   
 

 


A Justiça julgou procedente ação civil pública proposta pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso e condenou a ex-servidora Keyla Pereira Mendes, do município de Sapezal, pela prática de improbidade administrativa, por ter falsificado atestado médico para manter-se afastada das funções. Além do ressarcimento ao erário, referente aos valores recebidos indevidamente, a ex-servidora foi condenada ao pagamento de multa civil duas vezes o valor recebido, o equivalente a aproximadamente R$ 60 mil.


Consta na ação, que a fraude foi descoberta pelo Setor de Recursos Humanos da Prefeitura devido a alguns erros técnicos. Em um dos atestados, ao se referir à suposta causa da morte dos bebês gêmeos durante o parto, o documento trouxe a palavra eclipse, quando o correto seria eclâmpsia.


Segundo o MPMT, logo após a contratação da ex-servidora, ocorrida mediante processo seletivo, o município recebeu atestado médico relatando que a ex-servidora estava gestante e que deveria ser afastada de suas atividades funcionais, pois a gravidez era de risco. O primeiro atestado foi apresentado em outubro de 2013. Após cinco meses, o município recebeu um novo atestado informando a morte das crianças (gêmeos), durante o parto.


Após a suspeita, a Assessoria Jurídica do município encaminhou ofício ao Ministério Público requerendo a adoção das providências cabíveis. Após a instauração de inquérito civil, a Promotoria de Justiça expediu carta precatória para que fossem ouvidos os dois médicos citados e ambos declararam que jamais emitiram os atestados.


O MPMT também tentou contato com a ex-servidora, que informou estar em tratamento médico na cidade de São Paulo e que havia se mudado para a zona rural de Sinop, sem possibilidades de contato por meio de correspondências. Durante a investigação, foi comprovado que ela recebeu os proventos indevidamente entre os meses de outubro de 2013 a abril de 2014.

   
COMENTAR NOTÍCIA
VER COMENTÁRIOS
 
 
 
09/08/2019  - A escala para o bem como propósito individual e de marca
08/08/2019  - Associação de Rondonópolis solicita abrigo para vítimas de violência doméstica contra a mulher
06/08/2019  - A inveja mata até o invejoso
26/07/2019  - Procuradoria do Município e Judiciário alinham ações para Mutirão Fiscal 2019
25/07/2019  - Prorrogado prazo para inscrições do Prêmio Nacional CFO de Saúde Bucal
 
Untitled Document
 
DESTAQUES
Em Nota
20/08/2019
Defensor público-geral diz que nunca fez ataques aos advogados ou à advocacia
 
 
POLICIA
Em Sorriso
17/08/2019
Réu é condenado a 22 anos e seis meses de prisão por matar ex-mulher com 27 facadas
 
 
DESTAQUES
Abuso de Autoridade
16/08/2019
CNPG manifesta sua preocupação com o avanço do Projeto de Lei sobre o Abuso de Autoridade
 
 
EDUCAÇÃO
Cuiabá
16/08/2019
Prefeito visita EMEB Santa Cecília para acompanhar o Projeto Garatuja
 
 
MUNDO JURÍDICO
Baixaria na Corte
15/08/2019
OAB-MT diz não aceita que o defensor meça a advocacia com a régua da Defensoria
 
 
POLICIA
Alto Paraguai
14/08/2019
Sargento da PM é denunciado por deixar vítima cega de um olho
 
 
MUNDO JURÍDICO
Estruturação
14/08/2019
MPE cobra melhorias para Politec em Alta Floresta
 
 
CIDADES
Em Cuiabá
13/08/2019
Sine oferece 86 vagas para esta semana
 
 
ESPORTES
Série B 2019
10/08/2019
Cuiabá recebe o São Bento na Arena Panatanl neste sábado
 
 
POLICIA
Em Cuiabá
09/08/2019
Militares são denunciados por comercializar materiais de uso obrigatório para alunos em curso de for
 
 
DESTAQUES
Improbidade
08/08/2019
Justiça determina indisponibilidade de bens de prefeito de Comodoro, secretárias e empresários
 
 
ESPORTES
Copa Verde 2019
07/08/2019
Mato-grossenses estreiam nesta quarta-feira fora de casa na 1ª fase
 
rodape.jpg
Negócios  
A escala para o bem como propósito individual e de marca
 
Proteção  
Associação de Rondonópolis solicita abrigo para vítimas de violência doméstica contra a mulher
 
Cobiça  
A inveja mata até o invejoso
 
Cuiabá  
Procuradoria do Município e Judiciário alinham ações para Mutirão Fiscal 2019
 
Até 22 de Agosto  
Prorrogado prazo para inscrições do Prêmio Nacional CFO de Saúde Bucal
 
Falêcia  
Dos crimes falimentares
 
Já Tramita na Câmara Federal em Brasilia  
Projeto que exige intérprete de Libras em locais de grande fluxo de pessoas
 
Perdas na Produção  
Vermes de solo acende o sinal de alerta em MT
 
Porto Esperidião  
Promotoria de Justiça notifica concessionária de água
 
Vaga para PcD  
Conselho Regional de Psicologia é alvo de denúncia no MPF