topo.jpg
Segunda-feira - 27 de Maio de 2019
 
ECONOMIA - 08/04/2019 - 10:12
 
Atuação do MPMT garante limitação da margem de lucro em 20% na revenda do álcool
 
   
   
 

 



A limitação da margem de lucro em 20% na revenda do álcool nos postos de combustíveis de Cuiabá é resultado da atuação do Ministério Público do Estado de Mato Grosso. A Capital Mato-grossense, segundo o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo (Sindipetróleo), chega aos 300 anos com 180 postos de combustíveis distribuídos em vários pontos da cidade.


O promotor de Justiça Ezequiel Borges explica que antes das ações judiciais haviam postos em Cuiabá com lucro de 70% sobre o valor de aquisição. "A distorção que se constatou no mercado local causava prejuízos significativos aos consumidores pois, na prática,o comportamento adotado pelos postos anulava a concorrência da forma mais danosa possível ao associar lucros elevados com preços praticamente idênticos nas bombas. Isso fazia com que o usuário, além de não obter acesso a preços menores, necessariamente acabava pagando valor excesso no litro do combustível", destacou.


Segundo ele, nem todos os postos de combustíveis localizados em Cuiabá foram acionados, mas somente aqueles que apresentaram preços significativamente excessivos em vista dos valores de aquisição do produto etanol junto às distribuidoras. As ações foram propostas entre 2006 e 2007, mas a maioria das sentenças transitou em julgado a partir de 2017. Ainda há processos pendentes de julgamento.


O objetivo das ações foi proteger os consumidores contra a abusividade de preço na revenda de etanol, o que só seria possível mediante a definição de um teto máximo de lucratividade dos agentes econômicos, teto esse que representava a margem média histórica do segmento.


“O lucro excessivo na venda de combustíveis configura infração à ordem econômica. As atividades empresariais não encontram, nos princípios da livre iniciativa e da livre concorrência, o escudo protetor para se exonerarem do dever de atuar de acordo com a supremacia do interesse social e do bem comum”, destacou o promotor de Justiça.


Em um dos acórdãos proferidos pelo Tribunal de Justiça, a desembargadora Maria Aparecida Ribeiro ressaltou que , “embora a finalidade da atividade empresarial seja a obtenção de lucro, pois mediante este é que a empresa se desenvolve e garante empregos, seus ganhos devem ser adequados à realidade do mercado e não desproporcionais e em prejuízo da coletividade”.


Acrescentou ainda que o princípio da livre iniciativa não pode ser invocado para afastar regras de regulamentação do mercado e de defesa do consumidor.

   
COMENTAR NOTÍCIA
VER COMENTÁRIOS
 
 
 
22/05/2019  - Resultados de pesquisas com uso de biológicos para controle de pragas e doenças na agricultura
20/05/2019  - Gestão participativa é aprovada durante reunião promovida em Juína
09/05/2019  - Controle químico não deve ser única tática adotada para o combate ao bicudo-do-algodoeiro
07/05/2019  - Código de Terras de Mato Grosso sofre primeira mudança
07/05/2019  - Culinária regional é uma das atrações de turistas que visitam Mato Grosso
 
Untitled Document
 
DESTAQUES
Itiquira
24/05/2019
MP manda Câmara Municipal implementar ponto eletrônico em 60 dias
 
 
POLÍTICA
Explicações ao Parlamento
23/05/2019
AL convoca chefe do MPE para explicar proibição de reajuste aos servidores de MT
 
 
ESPORTES
Amistoso
23/05/2019
Arena Pantanal receberá Desafio Centro-Norte de futebol americano
 
 
POLICIA
Tribunal do Júri
22/05/2019
Réu confesso por matar ex-namorada será julgadodia 23 em Cuiabá
 
 
DESTAQUES
Método ABA
22/05/2019
TAC prevê capacitação para atendimento a crianças e adolescentes com Transtorno do Espectro Autista
 
 
DESTAQUES
Em Cuiabá
21/05/2019
Advogado civilista e auxiliar jurídico estão entre vagas do Sine desta semana; confira
 
 
DESTAQUES
Apoio Institucional
20/05/2019
Gestão participativa é aprovada durante reunião promovida em Juína
 
 
ECONOMIA
Mercado Agriculoa
17/05/2019
Feira agrícola que movimenta Oeste de Mato Grosso é aberta
 
 
DESTAQUES
Sem Alvará
14/05/2019
MPMT recomenda regularização de prédio da Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça
 
 
DESTAQUES
Em Cuiabá
12/05/2019
MPMT quer ampliar pena de 10 anos aplicada a réu por tentativa de homicídio
 
 
DESTAQUES
Funcionalismo Público
10/05/2019
Dep. João Batista convoca Audiência Pública na ALMT para debater o fechamento das Cadeias Públicas
 
 
DESTAQUES
Cuiabá
09/05/2019
Prefeito entrega 461 títulos definitivos e todo o bairro Praeirinho estará regularizado
 
rodape.jpg
Contra as Pragas  
Resultados de pesquisas com uso de biológicos para controle de pragas e doenças na agricultura
 
Apoio Institucional  
Gestão participativa é aprovada durante reunião promovida em Juína
 
Praga na Lavoura  
Controle químico não deve ser única tática adotada para o combate ao bicudo-do-algodoeiro
 
Cuiabá  
Sine oferece mais de 150 vagas para esta semana
 
Turismo Gastronômico  
Culinária regional é uma das atrações de turistas que visitam Mato Grosso
 
Em 40 Anos  
Código de Terras de Mato Grosso sofre primeira mudança
 
Mercado  
Centro-Oeste apresenta aumento nas vendas em abril
 
Cine Teatro Cuiabá  
Programação de maio conta com shows de música, de humor e infantil
 
Benefícios à Saúde  
Os benefícios de comprar frutas, verduras e legumes da estação
 
Reunião  
MPMT reivindica do Estado construção de Centros Socioeducativos