topo.jpg
Segunda-feira - 21 de Janeiro de 2019
DESTAQUES - 14/10/2018 - 06:00
 
Remição de pena pela leitura deve ser normatizada em MT
 
   
   
 

 

Tramita na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei nº 222/2018 (http://www.al.mt.gov.br), que institui a remição de pena pela leitura, aos estabelecimentos carcerários das comarcas de Mato Grosso. A iniciativa é do deputado Sebastião Rezende (PSC) e encontra-se na Consultoria Técnico-Jurídica para análise e despacho. 

Conforme consta, o benefício visa proporcionar aos custodiados alfabetizados a possibilidade de dirimir parte do tempo de cárcere pela leitura mensal de uma obra literária clássica, científica, filosófica ou religiosa, dentre outras, de acordo com as obras disponíveis na unidade prisional. É importante frisar que o direito do condenado de abreviar o tempo imposto em sua sentença penal pode ocorrer mediante trabalho, estudo e, de forma mais recente, pela leitura, conforme disciplinado pela Recomendação nº 44/2013 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

A remição de pena, prevista na Lei nº 7.210/84, a Lei de Execução Penal (LEP), está relacionada ao direito assegurado na Constituição Federal de individualização da pena. Dessa forma, as penas devem ser justas e proporcionais, além de particularizadas, levando em conta a aptidão à ressocialização demonstrada pelo apenado por meio do estudo ou do trabalho. Ademais, as possibilidades de remição de pena foram ampliadas pela Lei nº. 12.433, de 2011, que alterou a redação dos artigos 126, 127 e 128 da Lei de Execução Penal e passou a permitir que, além do trabalho, o estudo contribua para a diminuição da pena.

O autor da matéria destacou que Mato Grosso já implantou o sistema em algumas unidades prisionais. A Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), por intermédio de sua assessoria de imprensa, informou que o Estado trabalha dessa forma há alguns anos. Entretanto, Mato Grosso ainda não regulamentou por lei estadual a atividade, uma vez que de mesmo escopo consta a legislação federal no que tange ao sistema penitenciário. As unidades que têm o projeto "Remição pela Leitura" regulamentaram a atividade via portaria interna, em consonância com o que estabelece a Lei de Execução Penal, e a recomendação do Conselho Nacional de Justiça. A Sejudh está elaborando uma portaria conjunta com a Secretaria de Estado de Educação para unificar as diretrizes da atividade.

Atualmente, 360 presos participam desse sistema, divididos em nove unidades com o projeto em execução, e uma em organização para aderir em atividade: Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto (Cuiabá), Cadeia de Aripuanã, Cadeia de Barra do Garças, Cadeia de Barra do Bugres, Cadeia Feminina de Colíder, Cadeia de São Félix do Araguaia, Centro de Detenção Provisória de Tangará da Serra, Cadeia Feminina de Cáceres e Cadeia Feminina de Rondonópolis (em instalação).

“Importante frisar que a ressocialização do preso é uma preocupação constante do CNJ, que incentiva iniciativas voltadas à redução da reincidência criminal”, explicou o deputado. De acordo com Rezende, o objetivo é estimular o conhecimento, a educação, a cultura e o desenvolvimento da capacidade crítica do reeducando. 

A seleção dos interessados em aderir ao projeto e a orientação das atividades literárias serão feitas por uma comissão, nomeada e presidida pelo diretor da unidade carcerária. O resultado da análise da comissão será enviado ao juiz de ofício, instruído com a resenha sobre a obra lida, a declaração de sua fidedignidade (ou de plágio), assinada por todos os membros da comissão, e os atestados da acusação oral e do tempo de leitura. Consta também que o governo do estado poderá firmar convênios, termos de cooperação, ajustes ou instrumentos congêneres com órgãos e entidades da administração pública direta e indireta para a execução dessas ações.


Secretaria de Comunicação Social

   
COMENTAR NOTÍCIA
VER COMENTÁRIOS
 
 
 
14/01/2019  - Chuvas são registradas na região norte da BR-163, entre Diamantino e Sinop
03/11/2018  - Preservação de patrimônio histórico abre Seminário Olhares Sobre a Cidade
11/10/2018  - Deputados podem votar auxilio às santas casas na próxima terça
25/04/2018  - Saiba como preparar delicias com limão-cravo o mais popular do país
19/04/2018  - STF torna Aécio Neves réu por corrupção
 
Untitled Document
 
DESTAQUES
Crise Financeira
21/01/2019
AL debate nesta segunda-feira reformas e novo Fethab em MT
 
 
MUNDO JURÍDICO
Nesta Segunda Feira
21/01/2019
Ato contra o fechamento da Justiça do Trabalho é realizado por advogados de Mato Grosso
 
 
POLÍTICA
Comodoro-MT
17/01/2019
Prefeito é condenado por ato de improbidade administrativa e tem direitos políticos suspensos
 
 
ALFINETADAS
Alfinetada
17/01/2019
Jurista diz que decreto de calamidade de Mauro Mendes é dar “calote” em fornecedores
 
 
DESTAQUES
Nesta Quinta e Sexta-Feira
17/01/2019
RGA, novo Fethab e Empaer serão debatidos em audiencia pública na AL-MT
 
 
CIDADES
Cuiabá
15/01/2019
Vagas do Sine têm salários de até R$ 2.300 esta semana
 
 
ECONOMIA
3,71% Menor
14/01/2019
Primeiro repasse do Fethab de 2019 terá queda em relação ao ano de 2018
 
 
CIDADES
Figueirópolis D’Oeste
13/01/2019
MPMT e município firmam TAC para adequação às normas de acessibilidade em torno da praça
 
 
POLICIA
Vera
12/01/2019
5 pessoas envolvidas no assassinato de agricultor são denunciadas pelo MP
 
 
DESTAQUES
asté a Próxima Terça-Feira
11/01/2019
MPMT abre inscrições para interessados em disputar vaga no CNMP
 
 
DESTAQUES
Audiência Pública
09/01/2019
Governo de Mato Grosso debate Lei Orçamentária nesta quinta e sexta-feira
 
 
DESTAQUES
Cuidado na Estrada
09/01/2019
Obras de recuperação na BR-163 são retomadas
 
rodape.jpg
Cudado na Estrada  
Chuvas são registradas na região norte da BR-163, entre Diamantino e Sinop
 
Arquitetura  
Preservação de patrimônio histórico abre Seminário Olhares Sobre a Cidade
 
Congresso Nacional  
Deputados podem votar auxilio às santas casas na próxima terça
 
A volta Por Cima do Limão Caipira  
Saiba como preparar delicias com limão-cravo o mais popular do país
 
No Alvo  
STF torna Aécio Neves réu por corrupção
 
Mato Grosso  
Circuito de Tecnologia apresenta novidades e opções de carreira na área de TI
 
Em Rondonópolis  
Fiemt discute comércio exterior e acesso ao crédito com industriais
 
Resultado  
Você tem o direito de errar
 
Primavera do Leste  
MPE notifica prefeito e vereadores para que não reduzam limite para aplicação de agrotóxicos
 
Semana Nacional  
Secretaria de Educação e Bibliotecas Comunitárias comemoram Folclore nas ruas de Cuiabá