topo.jpg
Terça-feira - 23 de Outubro de 2018
ECONOMIA - 10/08/2018 - 03:00
 
“Pedro Taques segurou as rédeas do Estado”, diz Avalone
 
   
   
 

 

 

 

O suplente de deputado estadual e ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do governo Pedro Taques (PSDB), Carlos Avalone (PSDB), saiu em defesa da gestão tucana e afirmou que Emenda do Teto de Gastos (Mensagem 67/2017) irá garantir estabilidade financeira para o futuro, pois a lei prevê um Plano de Recuperação Fiscal pelos próximos cinco anos.
 
Avalone, que foi secretário de Indústria, Comércio e Mineração no governo Dante de Oliveira (PSDB), divulgou nesta semana artigo explicando que a iniciativa, proposta pelo governo Taques para equilibrar as contas públicas, limita a despesa dos Poderes (Assembleia Legislativa, Ministério Público e Tribunal de Justiça), o crescimento da folha de pagamentos e prevê revisão de incentivos fiscais e reformas, garantindo a médio prazo a recuperação das contas públicas.
 
Para o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico, Taques enfrentou dificuldades financeiras na gestão porque assumiu o Estado em meio a uma crise econômica nacional, aprofundada com o impeachment da presidente Dilma Rousseff, e também porque herdou uma herança de dívidas, corrupção e má-gestão.
 
Numa retrospectiva, Avalone conta que foi o deputado estadual relator do orçamento do Estado  para 2012 e, desde então, percebeu o então Governo estava tomando decisões equivocadas de gestão. “Estavam levando nosso Estado para o caos”, escreveu, ao se referir à gestão Silval Barbosa (PMDB).
 
Para a realização da Copa do Mundo em Cuiabá, o Governo de Mato Grosso contratou mais de R$ 4 bilhões de empréstimos. Além disso, foram aprovadas leis de carreira e recomposição de salários de quase todas as categorias de servidores sem estudos adequados. Na condição de parlamentar, à época, o tucano observa que fez alertas à sociedade mato-grossense de que o Estado caminhava para o abismo fiscal.
 
Além de aumento de salários sem previsão, o Governo já passou a utilizar o dinheiro de Fundo para outras finalidades, como pagamento de salário.
 
“Destaquei que as contas do Governo tinham saído do controle, salários crescendo 16% ao ano enquanto a receita de ICMS crescia 6%. Era o ano de 2012, contraímos empréstimos para o VLT, MT Integrado, Arena Pantanal e obras de mobilidade urbana de Cuiabá e Várzea Grande. Os empréstimos chegaram a R$ 4 bilhões, todos com vencimentos a partir de 2015. E as novas leis de carreiras e recomposições foram aprovadas com previsão de serem implantadas, em sua maioria, a partir da próxima gestão”, explicou. 
 
Ele também lembrou que o Governo Silval acumulou dívidas de R$ 300 milhões com os municípios na área da saúde e que, por isso, criou uma lei reduzindo em 50% dos repasses para saúde. Em 2015, primeiro ano do Governo Pedro Taques, o tucano revogou essa lei e aumentou o repasse para a saúde básica.
 
Apesar de todo o cenário de dificuldades, Carlos Avalone ressaltou que Pedro Taques fez o dever de casa em sua gestão, determinando corte de gastos e revisão de incentivos fiscais e economizando mais de R$ 1 bilhão no custeio da máquina. Também reduziu em 18% os cargos comissionados e nomeou funcionários de carreira em 70% desses postos.
 
Em razão da corrupção no governo anterior, realizou auditoria em contratos de obras e serviços e também criou o Comitê Interinstitucional de Recuperação de Ativos, o Cira, que recuperou cerca de R$ 1,2 bilhão da corrupção.
 
“Pedro Taques segurou as rédeas do Estado, sua gestão impediu que Mato Grosso seguisse os passos do Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Minas Gerais, citando só alguns Estados onde os problemas financeiros foram mais graves. O dever de casa está feito. Podemos sonhar com dias melhores”, finalizou o deputado.
 
   
COMENTAR NOTÍCIA
VER COMENTÁRIOS
 
 
 
11/10/2018  - Deputados podem votar auxilio às santas casas na próxima terça
25/04/2018  - Saiba como preparar delicias com limão-cravo o mais popular do país
19/04/2018  - STF torna Aécio Neves réu por corrupção
16/04/2018  - Fiemt discute comércio exterior e acesso ao crédito com industriais
16/04/2018  - Circuito de Tecnologia apresenta novidades e opções de carreira na área de TI
 
Untitled Document
 
DESTAQUES
Em Visita a Mato Grosso
22/10/2018
Ministro Carlos Marun garante recursos para finalizar obra de duplicação Cuiabá e Jaciara
 
 
DESTAQUES
Em Diamantino
22/10/2018
Obras de pavimentação da rodovia na BR-163 deixa rodovia mais lenta nesta segunda-feira
 
 
DESTAQUES
Decisão Inédita no Mato Grosso
19/10/2018
Taxa de condomínio deve ser igual para morador de cobertura de prédio
 
 
AGRICULTURA
Proposta
19/10/2018
Presidente do Indea apresenta minuta do Fundeagro ao setor produtivo e representantes de classe
 
 
CIDADES
Cuiabá
18/10/2018
Prefeitura informa que não haverá mudança na tarifa do UBER com alteração tributária
 
 
CIDADES
Cuiabá
16/10/2018
Secretaria entrega uniformes a equipes inscritas no Bola Cheia; campeonato começa hoje
 
 
NACIONAL
Convite para os Ministérios
15/10/2018
Haddad confirma convite a Cortella e diálogo com Joaquim Barbosa
 
 
DESTAQUES
Projeto de Lei
14/10/2018
Remição de pena pela leitura deve ser normatizada em MT
 
 
DESTAQUES
Conflito por Terras
11/10/2018
MPF instaura procedimento para apurar suposto conflito envolvendo indígenas no norte de Mato Grosso
 
 
MUNDO JURÍDICO
Captação Indevida
11/10/2018
Cacic faz blitz em estabelecimentos e constata irregularidades em Rondonópolis
 
 
ECONOMIA
Fiscalização
11/10/2018
Procon Municipal visita lojas de brinquedos em ação para o Dia das Crianças
 
 
ECONOMIA
Pecuária
10/10/2018
Mato Grosso bate recorde na exportação de carne bovina
 
rodape.jpg
Congresso Nacional  
Deputados podem votar auxilio às santas casas na próxima terça
 
A volta Por Cima do Limão Caipira  
Saiba como preparar delicias com limão-cravo o mais popular do país
 
No Alvo  
STF torna Aécio Neves réu por corrupção
 
Mato Grosso  
Circuito de Tecnologia apresenta novidades e opções de carreira na área de TI
 
Em Rondonópolis  
Fiemt discute comércio exterior e acesso ao crédito com industriais
 
Resultado  
Você tem o direito de errar
 
Primavera do Leste  
MPE notifica prefeito e vereadores para que não reduzam limite para aplicação de agrotóxicos
 
Semana Nacional  
Secretaria de Educação e Bibliotecas Comunitárias comemoram Folclore nas ruas de Cuiabá
 
Iprobidade  
MPE notifica Estado para que suspenda qualquer ato de gestão em nome do IPAS
 
Cuiabá  
Niuan Ribeiro, homenageia maçons por contribuição social