topo.jpg
Segunda-feira - 22 de Abril de 2019
 
CULTURA - 11/07/2018 - 09:32
 
Grupo Flor Ribeirinha seguirá em turnê pela Rússia e França
 
   
   
 

 

 

O grupo Flor Ribeirinha de São Gonçalo Beira Rio, embarca nesta quinta-feira (12), para a Rússia para fazer apresentações na Praça Vermelha em Moscou, através de um intercâmbio cultural, como parte do encerramento da Copa do Mundo. Após a final do mundial, o grupo seguirá para a França. No período de 20 a 28 de Julho, apresentará na cidade de Martigues, o espetáculo Mato Dançando o Brasil.

Em seguida, na primeira semana de agosto, o grupo estará em outra cidade francesa, Felletin. O Flor Ribeirinha foi convidado para fazer a abertura no dia 9 de agosto do tradicional Festival de Montoire e no dia 15, o encerramento do mesmo festival, que terá a presença de vários países. O grupo seguirá para a cidade de Confolens para mais apresentações, finalizando na capital Paris.

O grupo Flor Ribeirinha apresentará o espetáculo Mato Grosso Dançando o Brasil, que homenageia as danças das regiões brasileiras Norte, Nordeste, Sudeste e Centro Oeste. Trata-se do espetáculo que venceu o maior Festival de Folclore do mundo, realizado em agosto do ano passado na Turquia, quando o grupo se consagrou campeão, conquistando o troféu, que foi disputado com 26 países.

O diretor artístico e coreógrafo do Flor Ribeirinha, Avinner Augusto, explica que por meio do intercâmbio cultural, o grupo levará para Moscou, o tradicional Siriri. Ele frisou que o espetáculo Mato Grosso Dançando o Brasil, é uma homenagem ás manifestações tradicionais brasileiras, onde o grupo encena danças com várias nuances, personagens, ritmos e gestualidade. Fazem parte do repertório, o Boi Bumba de Parintins, oriundo do Norte, a Dança Gaúcha do Sul, o frevo do Nordeste e o samba da região Sudeste. “Destacamos o nosso Siriri enraizado na comunidade de São Gonçalo, representando a região Centro Oeste. Esta turnê é o reconhecimento do nosso grupo, que está completando 25 anos”, observou.   

A fundadora e presidente do Flor Ribeirinha, Domingas Leonor, argumentou que apesar de todas as dificuldades enfrentadas, o grupo continua rompendo fronteiras e mostrando a cultura em outros países. Na sua avaliação, o intercâmbio com outras culturas, proporciona ao Flor Ribeirinha, uma grande oportunidade para mostrar o que vem sendo construído há 25 anos. “Nossa luta constante é pela preservação. Vamos força e a  beleza da nossa cultura”, disse ela emocionada.

O diretor musical, Edmilson Maciel, disse que para o espetáculo, foi feito um trabalho de pesquisa, onde se mostra os ritmos que mais representam cada região do país. Ele destacou a busca por harmonia, expressão vocal, fidelidade nos instrumentos e essência na execução. “São realizados muitos ensaios com os músicos comprometidos com este projeto.  Sou um felizardo em fazer parte deste projeto tão importante no contexto cultural do nosso Estado. É uma grande responsabilidade  assinar a direção musical do espetáculo”,  assinalou

Conforme o diretor Executivo, Jeferson Guimarães Rosa, o grupo contribui muito com o desenvolvimento do Turismo, Cultura, Educação e outras área de gestão. Ele explicou que a comunidade de São Gonçalo Beira Rio, surgiu há 300 anos, é o berço da cultura cuiabana. “O Flor Ribeirinha, além de fomentar a cultura, contribui com o turismo. O quintal da Dona Domingas recebe muitos visitantes e temos o ponto forte do turismo, onde estão as peixarias, que estão gerando emprego e renda na comunidade. Nosso foco é a cultura com a dança e o artesanato. Na Educação, recebemos alunos de várias escolas e temos o projeto Sementinha que reúne mais de 60 crianças no quintal, para aulas de dança”, destacou Jeferson. 

Trajetória - O grupo Flor Ribeirinha que completa 25 anos de história já participou de todos os festivais de Siriri em Mato Grosso, além de levar para outros estados e países as manifestações culturais. O grupo se apresentou primeiro no Festival de Dança de Santa Catarina e também em Minas Gerais.  Em seguida, foi convidado para o evento Goal to Brazil, em Lima no Peru,  posteriormente se apresentou em Assunción, no Paraguay.  O Flor Ribeirinha continuou rompendo fronteiras e foi convidado para se apresentar também na Itália e na Coréia do Sul, onde conquistou o segundo lugar entre os demais países. No ano passado, se consagrou campeão mundial na Turquia com o espetáculo “Mato Grosso Dançando o Brasil.

 

 

Malu Sousa

   
COMENTAR NOTÍCIA
VER COMENTÁRIOS
 
 
 
02/04/2019  - MPMT reivindica do Estado construção de Centros Socioeducativos
14/01/2019  - Chuvas são registradas na região norte da BR-163, entre Diamantino e Sinop
03/11/2018  - Preservação de patrimônio histórico abre Seminário Olhares Sobre a Cidade
11/10/2018  - Deputados podem votar auxilio às santas casas na próxima terça
25/04/2018  - Saiba como preparar delicias com limão-cravo o mais popular do país
 
Untitled Document
 
DESTAQUES
Pevenção Começa na Escola
22/04/2019
Projeto realiza apresentações em Querência, Água Boa e Barra do Garças
 
 
DESTAQUES
Administração Pública
18/04/2019
Novas regras para concessão de licença-prêmio atendem recomendação da CGE
 
 
NACIONAL
Alegando Separação das Funções
16/04/2019
Raquel Dodge arquiva inquérito aberto pelo min. Dias Toffoli para investigar noticiais falsas contr
 
 
MEIO AMBIENTE
REDD Early Movers
15/04/2019
MT-Programa internacional financia implementação das Promotorias de Justiça de Bacias Hidrográficas
 
 
TURISMO
Cerrado
15/04/2019
Pantanal é opção para viajar em família na Semana Santa
 
 
CULTURA
Administração Pública
14/04/2019
Conselho Estadual de Cultura abre inscrições para eleição complementar
 
 
DESTAQUES
Técnicas de Investigação
13/04/2019
MPMT promove seminário para aperfeiçoar técnicas de enfrentamento à improbidade administrativa
 
 
POLICIA
Mais de 15 Anos
12/04/2019
Réus julgados em abril por crimes dolosos contra a vida são condenados
 
 
MEIO AMBIENTE
MPe pede Desocupação da Área,
11/04/2019
Moradores de bairros são acionados na justiça por degradar nascente
 
 
DESTAQUES
A Pedido do MPMT
10/04/2019
Justiça decreta indisponibilidade de bens do prefeito de Alta Floresta
 
 
MUNDO JURÍDICO
Juri Popular
10/04/2019
MPMT pede a pronúncia de dois participantes da chacina de Colniza
 
 
CIDADES
Cuiabá 300 Anos
09/04/2019
Prefeito inaugura obras de infraestrutura e leva mais dignidade à moradores da Capital
 
rodape.jpg
Reunião  
MPMT reivindica do Estado construção de Centros Socioeducativos
 
Cudado na Estrada  
Chuvas são registradas na região norte da BR-163, entre Diamantino e Sinop
 
Arquitetura  
Preservação de patrimônio histórico abre Seminário Olhares Sobre a Cidade
 
Congresso Nacional  
Deputados podem votar auxilio às santas casas na próxima terça
 
A volta Por Cima do Limão Caipira  
Saiba como preparar delicias com limão-cravo o mais popular do país
 
No Alvo  
STF torna Aécio Neves réu por corrupção
 
Mato Grosso  
Circuito de Tecnologia apresenta novidades e opções de carreira na área de TI
 
Em Rondonópolis  
Fiemt discute comércio exterior e acesso ao crédito com industriais
 
Resultado  
Você tem o direito de errar
 
Primavera do Leste  
MPE notifica prefeito e vereadores para que não reduzam limite para aplicação de agrotóxicos