topo.jpg
Terça-feira - 23 de Outubro de 2018
EDUCAÇÃO - 21/12/2017 - 05:00
 
Escola 300 já contemplou 72 das 96 unidades municipais de ensino com falhas estruturais
 
   
   
 

 

Escola 300 já contemplou 72 das 96 unidades municipais de ensino com falhas estruturais

Restabelecer condições mínimas e necessárias para que o aprendizado possa fluir com maior eficiencia beneficiando professores e alunos é o grande objetivo do Programa Escola 300, idealizado pelo prefeito Emanuel Pinheiro, e implementado pela Secretaria Municipal de Educação (SME). Em quase dois meses de execução o programa já contemplou 72 das 96 unidades educacionais do municipio, que apresentaram falhas estruturais. O relatório que contempla o grau de alcance da iniciativa foi apresentado nesta quarta-feira (20), pela Secretaria Municipal de Educação, e avaliado pelo chefe do Executivo.

Para o prefeito Emanuel Pinheiro, otimizar todo o trabalho desenvolvido pela rede de ensino da Capital está intimamente ligado à qualidade estrutural que os profissionais da educação possuem. Para que eles possam desempenhar suas respectivas funções, impactando diretamente a vida dos alunos, é fundamental eliminar as barreiras que tem tornado o ensino público um desafio, conforme pontuou.

"Problemas de infraestrutura nas escolas públicas é algo antigo, que tem atravessado os anos, dificultando o aprendizado das nossas crianças. Nós queremos romper com este ciclo intenso onde vemos diretores, coordenadores e professores excessivamente preocupados com aspectos que não condizem com seu trabalho, como a presença de cupins consumindo a estrutura de madeira do teto de suas salas de aula e até mesmo a insegura sustentação dos forros desses ambientes. Essa preocupação não deve fazer parte da rotina dos nossos profissionais, que carregam em si uma das responsabilidades mais latentes, que é justamente a formação do futuro da nossa cidade. A Escola 300 surge dessa necessidade, de devolvermos à população unidades que confiram segurança, conforto e tranquilidade para os pais e alunos que contam com a nossa rede de ensino. Além disso, temos uma equipe altamente qualificada, sob a liderança do secretário Rafael Cotrim, que tem tomado todas as diretrizes corretas para certificar que este intenso e contínuo trabalho seja feito com primor, celeridade e qualidade", afirmou Pinheiro.

As intervenções emergenciais e imediatas conduzidas pela Jam Soluções Prediais seguem à risca um cronograma de eficiência, que visa certificar que os atendimentos a todas as demandas pendentes sejam feitos em tempo hábil, reduzindo ao mínimo o período de espera dos estudantes e gestores. A manutenção das estruturas escolares contempla os problemas clínicos e pontuais, como jardinagem, limpeza de fossas, dedetização, reparos nas caixas d'água e telhados. Os principais focos neste primeiro momento são as áreas mais fundamentais, como salas de aula, banheiros e cozinhas.

"Neste segundo mês atendemos algumas unidades que estavam em estado deplorável, apresentando riscos genuínos para nossas crianças. Dentre elas, prestamos a devida assistência às EMEB São Sebastião e Senhorinha Ana Alves e à Creche Maria Lígia Borges Garcia, efetuando a troca do forro de madeira das salas de aula, para um modelo mais seguro, que ainda confere uma cor mais neutra, permitindo que a luz reflita no espaço, tornando o ambiente mais arejado e claro. Nosso programa tem redefinido a rede municipal de ensino, com um trabalho de baixíssimo custo e bem executado. Fazer manutenções representa apenas de 1 a 2% da obra e este pequeno valor nos ajuda a manter as escolas constantemente em boas condições. Ao adotarmos esse trabalho de maneira preventiva, conseguiremos assegurar a qualidade do aprendizado dos nossos alunos, permitindo que os professores invistam ainda mais na formação educacional de cada um deles, que merece o melhor ensino municipal que a Prefeitura pode oferecer", pontuou o secretário municipal de Educação, Rafael Cotrim.

A extensão do alcance dos atendimentos realizados entre 18 de novembro e 17 de dezembro atingiu patamares surpreendentes. Neste período, 4.792 m² de terrenos foram roçados e limpos, coibindo a presença de animais peçonhentos próximo às crianças. Além disso, 304 mil litros de resíduos foram retirados das fossas, 2.124 m² de forros de madeira foram substituídos por PVC branco e 2.965 m² de telhados foram reparados.

"A nossa prioridade são as salas de aula. É nesse ambiente que alunos e professores mais convivem, é na sala de aula que a relação ensino-aprendizagem se desenvolve, então como seria possível aluno aprender e professor ensinar em salas escuras, chovendo dentro, paredes mofadas ou mau climatizadas? A eficiência do ensino despenca, aluno não aprende tanto quanto poderia. E esses ambientes insalubres ao ensino são uma realidade na vida de milhares de alunos e professores. O que estamos propondo é uma mudança de paradigmas, para que os 450 milhões de reais gastos anualmente pela Secretaria sejam efetivos, pois quando não se ensina/aprende nos níveis normais, por condições físicas da nossa rede, estaremos literalmente queimando os recursos públicos disponibilizados pela sociedade. O "estado" não gera riqueza, quem faz isso é a sociedade produtiva. Com isso cabe ao gestor público, melhorar os índices de eficiência de cada área. Na Educação, a relação ensino/aprendizado, criando ambientes saudáveis para a prática educacional", destacou Rafael Cotrim.

Para o representante da Jam Soluções Prediais, Cleidson Santos, os números refletem bem a eficácia do Programa  Escola 300. "Presteza é o nosso compromisso, tanto com os profissionais da educação, bem como com as famílias que são diretamente impactadas por essas ações. Mediante o clamor evidente nessas 96 unidades de ensino, nossa equipe de manutenção já percorreu 11.162 quilômetros para atender as 295 ordens de serviço demandadas neste período. É por isso que estamos trabalhando em ritmo intenso, fazendo com que as solicitações recebam um retorno da nossa empresa em até três horas. Este curto período de espera foi determinado exatamente por sabermos que a situação não pode mais esperar. Existe uma necessidade em cada uma dessas escolas e nós vamos saná-las. Os números apresentados hoje são a prova genuína de que é possível aprimorar a gestão das escolas públicas, através de planejamento, agilidade e boas ideias", concluiu.

O contrato com a Jam Soluções Prediais para a execução da manutenção tem prazo até março de 2018 e valor correspondente a R$ 4.193.952,03. O contrato abrange todas essas 96 unidades escolares, 24 delas para execução de manutenção corretiva.

____________________________________________________________

Repórter: RAFAELA GOMES CAETANO​

   
COMENTAR NOTÍCIA
VER COMENTÁRIOS
 
 
 
11/10/2018  - Deputados podem votar auxilio às santas casas na próxima terça
25/04/2018  - Saiba como preparar delicias com limão-cravo o mais popular do país
19/04/2018  - STF torna Aécio Neves réu por corrupção
16/04/2018  - Fiemt discute comércio exterior e acesso ao crédito com industriais
16/04/2018  - Circuito de Tecnologia apresenta novidades e opções de carreira na área de TI
 
Untitled Document
 
DESTAQUES
Em Visita a Mato Grosso
22/10/2018
Ministro Carlos Marun garante recursos para finalizar obra de duplicação Cuiabá e Jaciara
 
 
DESTAQUES
Em Diamantino
22/10/2018
Obras de pavimentação da rodovia na BR-163 deixa rodovia mais lenta nesta segunda-feira
 
 
DESTAQUES
Decisão Inédita no Mato Grosso
19/10/2018
Taxa de condomínio deve ser igual para morador de cobertura de prédio
 
 
AGRICULTURA
Proposta
19/10/2018
Presidente do Indea apresenta minuta do Fundeagro ao setor produtivo e representantes de classe
 
 
CIDADES
Cuiabá
18/10/2018
Prefeitura informa que não haverá mudança na tarifa do UBER com alteração tributária
 
 
CIDADES
Cuiabá
16/10/2018
Secretaria entrega uniformes a equipes inscritas no Bola Cheia; campeonato começa hoje
 
 
NACIONAL
Convite para os Ministérios
15/10/2018
Haddad confirma convite a Cortella e diálogo com Joaquim Barbosa
 
 
DESTAQUES
Projeto de Lei
14/10/2018
Remição de pena pela leitura deve ser normatizada em MT
 
 
DESTAQUES
Conflito por Terras
11/10/2018
MPF instaura procedimento para apurar suposto conflito envolvendo indígenas no norte de Mato Grosso
 
 
MUNDO JURÍDICO
Captação Indevida
11/10/2018
Cacic faz blitz em estabelecimentos e constata irregularidades em Rondonópolis
 
 
ECONOMIA
Fiscalização
11/10/2018
Procon Municipal visita lojas de brinquedos em ação para o Dia das Crianças
 
 
ECONOMIA
Pecuária
10/10/2018
Mato Grosso bate recorde na exportação de carne bovina
 
rodape.jpg
Congresso Nacional  
Deputados podem votar auxilio às santas casas na próxima terça
 
A volta Por Cima do Limão Caipira  
Saiba como preparar delicias com limão-cravo o mais popular do país
 
No Alvo  
STF torna Aécio Neves réu por corrupção
 
Mato Grosso  
Circuito de Tecnologia apresenta novidades e opções de carreira na área de TI
 
Em Rondonópolis  
Fiemt discute comércio exterior e acesso ao crédito com industriais
 
Resultado  
Você tem o direito de errar
 
Primavera do Leste  
MPE notifica prefeito e vereadores para que não reduzam limite para aplicação de agrotóxicos
 
Semana Nacional  
Secretaria de Educação e Bibliotecas Comunitárias comemoram Folclore nas ruas de Cuiabá
 
Iprobidade  
MPE notifica Estado para que suspenda qualquer ato de gestão em nome do IPAS
 
Cuiabá  
Niuan Ribeiro, homenageia maçons por contribuição social