Retomada da Economia

Desenvolve MT disponibiliza crédito para o setor do turismo em Mato Grosso

Publicados

em

O crédito possibilitou às empresas a manutenção de empregos e adaptação às condições impostas pela crise do coronavírus

Por Livia Rabani

Com informações Desenvolve MT

José Rocha Júnior, proprietário da La Sierra Turismo, em Tangará da Serra
Foto por: Divulgação

A Agência de Fomento de Mato Grosso – Desenvolve MT continua a direcionar os esforços para atender ao segmento de turismo, que foi muito afetado pela pandemia. E Mato Grosso possui um grande potencial gerador de empregos diretos e indiretos.

De janeiro a novembro de 2020, a Desenvolve MT liberou em concessão de crédito para o trade de turismo em Mato Grosso o valor de R$ 4.282.100. Os municípios de maior destaque foram Cuiabá, Várzea Grande, Barra do Garças, Rondonópolis e Sinop.

O Fungetur (Fundo Geral do Turismo) é uma linha de crédito, repasse do Ministério do Turismo, voltada para micro e pequenos empresários que atuam no setor turístico, como hotelaria, gastronomia, eventos, serviços, receptivos, transporte que possuem registro no Cadastur (Cadastro os prestadores de serviço do turismo)

Atualmente, os empresários estão optando pelo capital de giro, uma das modalidades mais procuradas este ano. A linha do turismo disponibiliza crédito até R$ 1 milhão para projetos de investimentos, obra civil, máquinas, equipamentos e aquisição de bens e também empréstimos para capital de giro até o limite de R$ 100 mil reais.

Leia Também:  Estado e Município de Cuiabá são acionados a adotar medidas mais firmes

Para o presidente da Desenvolve MT, Jair Marques, a preocupação do Governo do Estado com o segmento do turismo é demostrada no programa Mais Mato Grosso, com previsão de grandes investimentos para a retomada do setor.

“Com a construção das orlas turísticas em Cáceres, Santo Antônio do Leverger e Barão de Melgaço, a Desenvolve MT se faz presente, com suas linhas de créditos aos empreendedores fomentando as regiões’’.

Apoio ao Turismo – Dentre os beneficiados, José Rocha Júnior,48, está no mercado de turismo receptivo há quinze anos. Proprietário da agência de viagens La Sierra, no município de Tangará da Serra, sentiu na pele os impactos da pandemia do coronavirus.

“A queda na procura por pacotes de viagens impactou diretamente o faturamento da empresa. Ficamos praticamente três meses sem vendas. Tivemos que reduzir despesas, adequar à nova realidade”, conta Júnior.

A empresa dele foi um dos beneficiários da linha de crédito Fungetur Giro. ‘’ O crédito foi muito importante para dar um folego, reforçar o caixa e seguir em frente com a cabeça erguida’’.

Leia Também:  Várzea Grande vacina idosos de 65 anos acima e atende mais de 5 mil pessoas em três dias

Ele conta ainda que está otimista, uma vez que a demanda do setor existe, e nos últimos dois meses o faturamento da agência de viagens já aumentou em 60%.

Conheça mais no Instagram (@lasierraturismo)

Outro beneficiário da linha de crédito destinado ao turismo foi a padaria e confeitaria Padoca na Estrada, localizada na rodovia Emanuel Pinheiro que liga Cuiabá a Chapada dos Guimarães, com previsão para inaugurar 16 de dezembro.

Segundo o empresário, Altenir Agnos Volgel, 44, o crédito ajudou a construir o prédio do empreendimento e a realizar um projeto, desejo antigo da família. “A pandemia alavancou o segmento de alimentos e bebidas, o que nos deu coragem para continuar a obra e nos preparar para inaugurar ainda este ano, conta.

Conheça mais em Instagram (@padocanaestrada). Altemir Agnos Vogel e Katiane Almeida da Silva, proprietários da Padaria e Confeitaria Padoca na Estada

A relação abaixo traz o ranking dos cinco municípios mato-grossenses que mais obtiveram operações contratadas da linha de crédito Fungetur até novembro de 2020.

 

 

FUNGETUR Operações Contratadas de Janeiro a Novembro/2020.

Cidade

 Liberado

Cuiabá

 R$           2.355.100,00

Várzea Grande

 R$               562.000,00

Barra do Garças

 R$               555.000,00

Rondonópolis

 R$               460.000,00

Sinop

 R$               350.000,00

TOTAL

 R$           4.282.100,00

COMENTE ABAIXO:

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA