Arquivos JB News 10 Anos

Deputado vai a Mato Grosso do Sul conhecer realidade do Cota Zero

Publicados

em

 

 

Wilson Santos se depara com crise econômica decorrente da proibição da pesca amadora e busca informações para subsidiar projeto alternativa ao proposto pelo Estado

 

O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) se deslocou até Mato Grosso do Sul para conhecer a realidade do programa Cota Zero.

O parlamentar integra a comissão especial da Assembleia Legislativa de Mato Grosso que discute o projeto de lei (PL 668/2019) que prevê a proibição do abate e o transporte de peixe nos rios de Mato Grosso pelo período de cinco anos.

A ida ao Estado vizinho tem o intuito de obter informações que possam subsidiar a elaboração de um projeto alternativo que concilie interesses da sustentabilidade ambiental com a atividade econômica, sem prejudicar municípios que detém a pescaria como principal fonte para o comércio.

Em Mato Grosso do Sul, foi reduzida pela metade a quantidade permitida para pesca amadora e esportiva.

O decreto 15.556/2019 de autoria do governador Antônio Azambuja (PSDB) também estipula a cota zero a partir de janeiro de 2020.

Leia Também:  MPE divulga resultado de concurso de estagiários na área de Direito

Em solo sul-mato-grossense, o deputado Wilson Santos compareceu aos municípios de Anástácio e Aquidauana, ambos com vocação de atividade pesqueira, para dialogar com pescadores da colônia Z-18 a respeito dos efeitos sociais e econômicos do Cota Zero.

“Os pescadores reclamaram muito. Estão abandonados e sem perspectiva de melhoria”, disse.

O efeito mais drástico do Cota Zero, porém, foi constatado na comunidade Águas do Miranda que pertence ao município de Bonito. “Houve uma queda de 60% do movimento econômico. O desemprego aumentou e por consequência a crise social. O medo e a insegurança estão espalhados”, destacou o parlamentar.

O deputado Wilson Santos ainda compareceu em Corumbá para uma reunião com dois cientistas da Embrapa Pantanal. Na ocasião, foram apresentados estudos técnicos a respeito da bacia hidrográfica do Alto Paraguai que envolve Mato Grosso e Mato Grosso em 80 municípios e 2,5 milhões de habitantes.

COMENTE ABAIXO:

Arquivos JB News 10 Anos

Kalil Baracat cobra melhorias na pavimentação de bairros

Publicados

em

Por

 

O vereador por Várzea Grande, Kalil Sarat Baracat de Arruda apresentou duas indicações que visam melhorias na pavimentação asfáltica de dois bairros da cidade.

Sua primeira indicação solicita do Poder Executivo Municipal junto à Secretaria de Infraestrutura a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica nas ruas do bairro Jardim Novo Horizonte, em sua totalidade.

Segundo Kalil a proposta é urgente e visa à realização de “tapa buracos” e reparos na pavimentação asfáltica.

“As ruas do bairro em questão encontram-se totalmente esburacadas, quase sem condições de tráfego, provocando pequenas colisões e avarias nos veículos dos que por ali transitam. É tamanha a calamidade em que se encontram as vias que não é possível especificar onde e quão grandes são os buracos. Atender à solicitação daquela comunidade é cumprir com o dever social e zelar pelo bem público e pelos munícipes”, explica o vereador.

Os moradores do bairro Jardim Potiguar também vem passando pelo mesmo problema e dessa forma, Kalil também indicou a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica em todas as ruas do bairro.

Leia Também:  TJ determina fim da greve de servidores de Mato Grosso

“ As ruas Jardim Potiguar estão cheias de buracos com o aumento do fluxo de veículos pela região devido aos desvios das obras da Copa, quase que sem condições de tráfego. Além da falta de conforto e segurança, os buracos deixam o bairro com aspecto feio e mal cuidado desvalorizando os imóveis construídos ali. Dezenas de colisões com prejuízos financeiros e lesões físicas são registradas todos os dias naquele local”, disse Kalil Baracat.

 

Michelle Carla Costa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA