CUIABÁ

Deputado acredita em manobra eleitoreira e pede imparcialidade de delegada

Publicados

em

DEPOIMENTO:

JB News

Membro da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Elizeu Nascimento, questionou nesta quarta-feira (25.11), o posicionamento da delegada titular da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá, Jozirlethe Criveletto quanto ao depoimento do candidato a prefeito Abílio Jr. O parlamentar não vê nenhuma irregularidade no pedido de adiamento tendo em vista que a eleição ocorrerá daqui a quatro dias.
“Há tantos processos muito mais urgentes parados na Delegacia, como os casos de medida protetiva de mulheres, por exemplo, que têm seu prazo expirado até que seja analisado o processo. Então, qual a urgência no depoimento de Abílio, senão, atender a interesses parciais de cunho eleitoreiro?”, questionou Elizeu.
De acordo com o deputado, a Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, por prerrogativa de função, pode convocar a delegada Jozirlethe Criveletto para prestar esclarecimentos acerca dos fatos. “A denúncia se deu por servidoras públicas da Prefeitura, sabidamente, ligadas ao adversário político de Abílio Jr, ora, qual a diferença em colher o depoimento hoje, a quatro dias das eleições, ou na próxima segunda-feira”, arguiu.
A defesa de Abílio Jr, patrocinada pelo advogado Alexandre Cesar Lucas, argumenta que o candidato não se recusou a prestar esclarecimentos, tão somente, solicitou adiamento em virtude da extensa agenda que cumpre em campanha política.
“Vamos ao fato de que, cinco servidoras comissionadas do prefeito Emanuel Pinheiro registraram ocorrência por “injuria e difamação” contra Abílio, mas, estranhamente a delegada quer que isso aconteça durante o período eleitoral. Em momento algum Abílio desrespeitou qualquer servidor público, seja homem ou mulher, e tampouco se recusou a depor”, expôs.
POLÊMICA
Não é a primeira vez que a delegada Jozirlethe Criveletto, titular da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá, se vê envolvida em polêmica. Em setembro deste ano ela foi denunciada no Ministério Público do Estado por transfobia, no exercício do cargo. Mulheres transgênero vítimas de violência doméstica alegaram que a delegada se negou a atendê-las pela ausência da genitália feminina. A denúncia aguarda analise de três promotorias diferentes do MP.
De acordo com a ativista da classe, Daniella Veyga, que foi quem registrou a denúncia, no plantão de outras delegadas, as vítimas trans conseguem atendimento como todas as outras mulheres. Somente Criveletto não aceita atender as vítimas.

Leia Também:  Cuiabá amplia horário de funcionamento do comércio, libera cinemas e eventos sociais e corporativos

Veja o pedido:👇

Pedido de Adiamento – Abilio – Delegacia da Mulher

B.Os

COMENTE ABAIXO:

CUIABÁ

Polo de vacinação contra a COVID-19 do SESC Balneário se destaca pelo cuidado com os idosos

Publicados

em

Por

Nos cinco primeiros dias de funcionamento, mais de 2,5 mil pessoas foram vacinadas no local

CELLY SILVA

Gustavo Duarte

 

O polo de vacinação contra a COVID-19 que funciona no SESC Balneário tem se destacado pelo cuidado, comodidade e atenção para com o público, majoritariamente composto por idosos, que vão até o local para se vacinar. Por conta da distância entre o portão de entrada e o restaurante onde ocorre a vacinação, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (SME), disponibilizou dois micro-ônibus para transportar as pessoas nesse trajeto.

O polo SESC Balneário, aberto na última quarta-feira (14), em parceria com o Serviço Social do Comércio (SESC), que cedeu o local, funciona de segunda a sábado, das 9h às 16h. Nos cinco primeiros dias de funcionamento, mais de 2,5 mil pessoas foram vacinadas no local.

Patrícia Parreão, coordenadora do polo, explica que o atendimento começa no portão de entrada, na Avenida Doutor Meireles, com a entrega de senhas e a verificação do agendamento. “De acordo com a chegada, a gente vai fazendo a triagem, verificando o horário, o QR Code e entrega as senhas para as pessoas irem entrando e fazendo o atendimento. Aquelas que não tem o transporte para entrar até o local de vacinação, que não tem carro próprio, estão sendo buscadas pelos micro-ônibus cedidos pela Secretaria Municipal de Educação. Os ônibus passam lá, pegam as pessoas e trazem até o polo de vacinação, que é no restaurante do SESC Balneário”, conta Patrícia.

Leia Também:  Servidores fazendários e empresas são condenados por sonegação de ICMS   

No posto de vacinação, é feito o registro do cartão de vacina, o encaminhamento para a mesa de vacinação e, em seguida, a pessoa vacinada aguarda de 15 a 30 minutos no espaço pós-vacina, para observar se apresenta alguma reação adversa. O polo conta com a parceira do Centro de Saúde do bairro Tijucal, para onde são levadas de ambulância as pessoas que venham necessitar de atendimento imediato.

A coordenadora Patrícia Parreão avalia que a campanha de vacinação no polo SESC Balneário está indo bem. “Recebemos muitos elogios, as pessoas estão gostando da dinâmica do ônibus, do atendimento”, diz.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA