Saúde

Depois de 21 dias de UTI, paciente de 59 anos com coronavírus deixa hospital

Publicados

em

_Filha segue internada na UTI, genro também teve a doença_

Depois de 34 dias internada, sendo 25 na UTI devido ao covid-19, Shirley Huguney Siqueira, deixou neste sábado (06), o hospital onde estava internada e pôde ir para a casa. “Agora eu quero deitar na minha cama, por mais que o hospital seja confortável, não é o nosso lar”, disse assim que recebeu a notícia de sua alta.

Aos 59 anos, com quatro filhos e quatro netas, afirma que não via a hora de falar, pois durante vários dias precisou usar o respirador. Com várias comorbidades, incluindo hipertensão, diabetes e problemas cardíacos, Shirley afirma que depois que saiu da terapia intensiva, cada dia tem sido uma vitória. “No primeiro dia que eu coloquei os pés no chão eu não conseguia nem andar”, lembra. Mas com a fisioterapia ela já está andando bem.

“Ela veio ao hospital com sintomas de síndrome gripal, evoluiu para insuficiência respiratória grave e já foi para UTI e no dia seguinte ela precisou ser entubada e colocada em ventilação mecânica”, explicou o médico intensivista, Gilberto Pereira Franco, visitador do Centro de Terapia Intensiva Adulto do Complexo Hospitalar Cuiabá.

Leia Também:  Secretário Estadual de saúde Gilberto Figueiredo retorna aos trabalhos após 14 dias de quarentena

Ela ainda precisou passar por uma traqueostomia para facilitar a respiração e não comprometer as cordas vocais devido ao uso do respirador. Com a melhora do seu quadro clínico ao passar dos dias, ela começou a ter a sedação reduzida. Após testar negativo do novo coronavírus, Shirley ainda ficou sob observação, fora da ala de isolamento durante alguns dias até receber a alta.

“Além de sua força de vontade, o desfecho favorável da Shirley deveu-se ao empenho de toda a equipe multiprofissional e do suporte oferecido pela estrutura hospitalar como um todo”, lembra Gilberto, analisando a gravidade da doença.

Apesar de sua conquista, ela ainda continuará preocupada, já que uma de suas filhas também está internada devido ao coronavírus. “Chamou a atenção pelo fato de ser um problema familiar, já que a filha foi admitida no hospital no dia seguinte e está em recuperação. Por coincidência, as duas foram traqueostomizadas no mesmo dia”, explicou Gilberto. Além da filha, um genro também contraiu a doença, mas se recupera bem.

Leia Também:  Governo de entrega mais 20 UTIs na Santa Casa nesta sexta-feira

*SUPERAÇÃO*

Há cerca de 15 dias, Suzana Maria da Glória, de 63 anos, também ficou internada no Centro Hospitalar de Cuiabá e venceu a Covid-19. Além de estar no grupo de risco, por ser idosa, ela possuía várias comorbidades, o que fez dela uma paciente com um quadro tão delicado como dona Shirley. Suzana é hipertensa e diabética, também é portadora de doença pulmonar e cardíaca. E, antes de testar positivo para o novo coronavírus, fez três tratamentos contra câncer.

Os casos em Mato Grosso começaram a se intensificar nos últimos dias. Até o dia 05 de junho já havia mais de 3.500 infectados e 90 mortes, a grande maioria em Cuiabá e Várzea Grande.

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COVID-19

Presidentes da Assembléia Legislativa e TCE de MT vão á São Paulo para tratamento de saúde

Publicados

em

JB News

Mato Grosso vive um momento de extremo perigo de contaminação pelo Coronavírus (COVID-19), que nos últimos dias já ceifou a vida de vários mato-grossenses, além da população em geral, entre elas, da área de saúde, médicos e enfemeiros que deram suas vidas a defesa da honra e do cargo o qual ocupavam.
Nesta semana, duas notícias abalaram os poderes no quesito saúde, os presidentes da Assembleia Legislativa de Mato Grosso,(ALMT), deputado estadual Eduardo Botelho e o presidente do Tribunal de Contas (TCE), Guilherme Maluf, tiveram que sair as pressas para obter ajuda médica e  hospitalar, dirigindo-se a São Paulo para poder cuidar de uma possível contaminação por COVID-19.
Segundo uma nota da Assessoria de Comunicação do TCE que confirma o contágio e o tratamento do presidente Guilherme Maluf.
Veja abaixo a nota :👇

O presidente do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT), conselheiro Guilherme Antonio Maluf, foi diagnosticado com o novo coronavírus (Covid-19).

O resultado do exame PCR fica pronto nesta terça-feira, (14), mas exames preliminares de Tomografia Computadorizada já confirmaram o diagnóstico.
O conselheiro já iniciou o tratamento em um hospital localizado em São Paulo.
Em virtude do diagnóstico do presidente do TCE-MT, a sessão do Tribunal Pleno, que seria realizada nesta terça-feira (14), foi cancelada.
Já o deputado Eduardo Botelho (DEM) presidente da Assembleia Legislativa divulgou uma nota pela sua assessoria dizendo que:👇

Leia Também:  MPF entra com ação contra a prefeitura de Cuiabá e cobra instalação definitiva e contínua de 10 UTIs pediátricas

“O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho, (DEM) não testou positivo para a Covid-19. Contudo, nesta segunda-feira (13) acordou indisposto, com dor de garganta e, por isso, irá fazer novo exame hoje e aguardará o resultado em isolamento domiciliar, seguindo protocolo de cuidados necessários.
Mas informações que o deputado Botelho, já está em tratamento, no hospital Sírio Libanês, em São Paulo.

A coluna do JB News deseja toda solidariedade e pronta recuperação.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA