Destaque

Conselheiro Luiz Henrique diz que vivemos momento  de transparêcia em tempo real e que controle social evita fraudes nos órgãos públicos

Publicados

em

Ao comentsr sobre fraudes no auxílio emeegencial, o Conselheiro afirma  que a idéia de publicidade em sí esta ultrapassada e que vivemos momento  de transparecia em tempo real , e juntos com  controle social, pode evitar fraudes no setor publico, principalmente neste momento de pandemia.

JB NEWS

O conselheiro do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT),  Luiz Henrique Lima participou da Live referente ao controle social e transparência realizada na tarde desta quinta-feira 04, o evento serviu  para esclarecer duvidas por conta das medidas emergenciais realizadas pelas instituições públicas, por conta do  Coronavírus e seus efeitos, relacionado às contas públicas.

Segundo o conselheiro a idéia de publicidade esta ultrapassada, nada pode ser secreto na gestão pública, na execução das políticas públicas a importância do conceito da transparência, evolui da ideia democrática importante da publicidade, para a ideia da transparecia em tempo real.

Ou seja, não basta apenas publicar informações em linguagens cifradas, em que poucos técnicos conseguem entender, é preciso que facilite para que todos possam saber onde esta sendo aplicado o dinheiro público.

Leia Também:  Secretário de saúde de MT Gilberto Figueiredo é contra redução de dias do isolamento social obrigatório

O conceito da transparência é que as informações devem ser colocadas de forma mais ampla possível, salientando a importância dos portais de transparência das instituições, para que o homem comum possa compreender o que esta sendo feito com os impostos que ele paga em tempo real, à medida que os valores saem dos cofres ou entram de outra forma, as informações já devem ser disponibilizadas imediatamente,

Para o conselheiro o Controle Social a partir dessas informações que são disponibilizados mediante a observância do princípio de transparência, vai fiscalizar, e contribuir para a própria administração corrigir suas falhas, ate mesmo acionar os órgãos de controle externo nos casos dos tribunais de contas,

Lembrou-se da extrema importância da transparência em dias normais, e salientou que  no momento atual de pandemia, onde exigem grandes investimentos extraordinários na saúde estão sendo feitos, onde as pessoas estão buscando hospitais para o atendimento, e para isso é preciso encontrar equipamentos de qualidades e em condições para atendê-lo, e ao mesmo tempo atender nas condições de trabalho dos funcionários públicos que fazem os atendimentos para não se contaminarem.Diante disso é  preciso acompanhamento dos órgãos do controle e da sociedade, para que a transparência possa evitar as fraudes.

Leia Também:  Morre pastor Sebastião Rodrigues presidente da Assembléia de Deus em MT aos 89 anos

Veja aqui a Live completa:👇

 

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

TJ determina que juízes cobrem da PJC exame de corpo de delito e fotos de corpo e rosto de presos em flagrante

Publicados

em

Defensoria Pública pede e TJ determina que juízes cobrem da PJC exame de corpo de delito e fotos de corpo e rosto de presos em flagrante

A medida foi orientada pelo CNJ e cobrada pela Defensoria Pública de Mato Grosso para coibir a ocorrência de tortura e maus tratos durante as prisões, enquanto as audiências de custódia estiverem suspensas

Márcia Oliveira |

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Silval Barbosa, Chico Daltro,Pedro Nadaf, Marcel de Cursi e Jorge Pires agora são réus por esquema que desviou 15 milhões em créditos de ICMS
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA