Saúde

Comissão de Saúde da Assembléia Legislativa faz visita ao Hospital Geral

Publicados

em

Comissão de Saúde visita Hospital Geral e cobra repasses da Prefeitura de Cuiabá

Esta foi a terceira unidade de saúde vistoriada pela comissão no segundo cronograma de visitas.

RENATA NEVES
Assessoria Núcleo Social ALMT

A Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social da Assembleia Legislativa de Mato Grosso realizou visita técnica ao Hospital Geral e Maternidade de Cuiabá, nesta quarta-feira (04). A unidade suspendeu a realização de cirurgias eletivas e a internação de novos pacientes para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) devido ao atraso nos repasses de recursos financeiros pela Prefeitura de Cuiabá, que totalizam R$ 5,8 milhões.

A presidente do Hospital, Flávia Silvestre, afirmou que a dívida se acumula desde dezembro de 2018 e que a prefeitura já vinha sendo notificada da situação, porém nenhuma providência foi tomada. Ressaltou ainda que os valores em atraso já foram repassados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) e pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS) para o Fundo Municipal de Saúde.

“Agora no mês de novembro chegou a uma situação insustentável, porque o valor ficou muito alto. De uma maneira preventiva, para que possamos garantir a qualidade da assistência aos pacientes já internados, nós suspendemos os atendimentos de novos pacientes. Então atendimentos de urgência e emergência continuam normalmente e a gente manteve o agendamento de todos os procedimentos eletivos já agendados, porém não agendou novos procedimentos”, explicou.

Leia Também:  Várzea Grande abre ano letivo e entrega 110 mil peças de uniformes escolares

Fundado em 1942, o Hospital Geral tornou-se referência estadual e municipal em Cardiologia Clínica, Cardiovascular, Neurologia e Neurocirurgia, Oncologia, Gestação de Alto Risco, Fissuras Labiopalatinas e Laboratório de Histocompatibilidade para Transplantes. A unidade realiza cerca de 150 procedimentos de alta complexidade e 600 procedimentos de média complexidade por mês e atende em média 10 pacientes ao dia no pronto-atendimento cardiológico e 20 pacientes no pronto-atendimento obstétrico.

O presidente da Comissão de Saúde, deputado estadual Paulo Araújo (PP), informou que se reuniu na manhã desta quarta-feira com o secretário municipal de Saúde de Cuiabá, Luiz Antônio Possas de Carvalho, que apresentou cronograma para regularização dos repasses.

“Nós conseguimos hoje do secretário o compromisso de pagamento dos recursos da Fonte 112, que são recursos repassados pelo Governo Federal, bem como dos recursos financeiros que estariam sendo antecipados pelo Estado. Com relação à Fonte 100, que são recursos próprios da Prefeitura de Cuiabá, o secretário ainda não apresentou um cronograma de pagamento, então vamos continuar cobrando”, disse.

O parlamentar afirmou ainda que pretende sugerir ao Governo do Estado que o Hospital São Benedito passe a realizar procedimentos de cardiologia. “Com a ampliação de serviços no Hospital São Benedito, nós vamos sugerir ao Estado de Mato Grosso que possa assumir o duplo comando, ou seja, a gestão estadual e a gestão municipal comprando serviços na mesma estrutura hospitalar. Precisamos ampliar a rede de cardiologia do estado”.

Leia Também:  Hospital Metropolitano em Várzea Grande retoma cirurgias de alta complexidade

A falta de entendimento entre gestão estadual e gestão municipal de Saúde, que estaria prejudicando os atendimentos, também foi discutida durante a reunião. “Além de cobrar os repasses, a Comissão de Saúde está aqui para servir de elo de articulação entre a gestão estadual e a gestão municipal, que infelizmente por questões politicas termina sendo prejudicada. Nosso papel aqui é um papel isento. Temos a responsabilidade de auxiliar tanto estado quanto município na melhoria dos serviços de saúde pública em Mato Grosso”, salientou o presidente da comissão.

Como solução para a situação, o deputado Dr. Eugênio (PSB) defendeu que o Governo do Estado assuma a responsabilidade pelos serviços de regulação. “Esse serviço precisa voltar a ser estadualizado. Não pode toda regulação do estado ficar sob responsabilidade do município, porque não é o município que fomenta toda a saúde pública aqui na Capital.

Também participaram da visita técnica o vice-presidente da Comissão de Saúde, deputado Lúdio Cabral (PT), e os deputados Dr. João (MDB) e Dr. Gimenez (PV).

Fotos: Ângelo Varela

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Secretaria de Saúde de Várzea Grande apresenta, em Audiência Pública, Relatório de Gestão do 3º Quadrimestre

Publicados

em

A Secretaria de Saúde de Várzea Grande promove no próximo dia 27, a partir das 9h, no plenário da Câmara Municipal de Várzea Grande, Audiência Pública para apresentação do Relatório de Gestão de Saúde do 3º quadrimestre de 2019. Nesse demonstrativo estarão expostos os investimentos, despesas e aplicações realizadas na Rede durante todo exercício fiscal do ano passado.

As audiências, mais do que um rito legal, permitem que a secretaria de Saúde se aproxime e se apresente à comunidade, bem como, apontar todos os caminhos percorridos pelo poder público para prestar serviço de saúde à comunidade, os desafios, as oportunidades, dificuldades e especialmente, as conquistas.

O Relatório quadrimestral está aprovado pelo Conselho Municipal de Saúde, cujos dados foram apresentados durante reunião realizada na manhã do dia 13 de fevereiro deste ano.

A Audiência segue os ditames legais do artigo 36 da Lei Complementar nº 141/2012, que oportuniza a prestação de contas de recursos recebidos e gerenciados pela Secretaria. O segundo quadrimestre vai apresentar as ações empreendidas entre os meses de setembro, outubro, novembro e dezembro em todos os níveis de atendimento da Saúde Pública Municipal.

Leia Também:  Wellington anuncia liberação de R$ 10 milhões para Santa Casa de Rondonópolis

EVENTO: Audiência Pública para apresentação do Relatório de Gestão de Saúde do 3º quadrimestre de 2019.

DATA: 27 de fevereiro de 2020 (Quinta-feira)

HORÁRIO: 9h da manhã

LOCAL: Plenário da Câmara Municipal de Várzea Grande, na Avenida Alzira Santana, s/n°, próximo a Gazin, Várzea Grande-MT.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA