Esportes

Com a presença de Zico, No Mundo da Bola chega à edição 500

Publicados

em

O programa no Mundo da Bola chega à edição de número 500 no próximo domingo (7) e quem é presenteado é o público. Para celebrar esta marca tão significativa, a mesa redonda receberá os irmãos Coimbra, Zico e Edu, que fizeram história no futebol brasileiro, destacadamente no Rio de Janeiro, e Zenon, que brilhou em clubes paulistas.

Zico é o maior ídolo do Flamengo, equipe na qual vestiu a camisa 10 e pela qual conquistou quatro títulos brasileiros, uma edição da Copa Libertadores e um Mundial Interclubes. Além disso, é o maior artilheiro da história do Maracanã, com 334 gols marcados no estádio.

Já Edu brilhou com a camisa do América, equipe na qual detém o posto de maior artilheiro da história. Já pela seleção, onde brilhou nos anos 1970, conquistou a Copa Rio Branco em 1967. Fora das quatro linhas, ele comandou a equipe canarinho em três amistosos, no ano de 1984.

O terceiro convidado é Zenon, que se destacou ajudando o Guarani a conquistar o Brasileiro de 1978. Depois ele seguiu para o Corinthians, conquistando um Bi do Campeonato Paulista. Zenon foi convocado algumas vezes para a seleção brasileira e também foi bicampeão mineiro, defendendo o Atlético-MG.

Leia Também:  Brasil é o quarto maior produtor de alimento do mundo

O No Mundo da Bola, que é apresentado por Sergio Du Bocage e que conta com comentários de Márcio Guedes, vai ao ar todo domingo, a partir das 21h (horário de Brasília), na TV Brasil.

Fonte: EBC Esportes

COMENTE ABAIXO:

Esportes

Campanha tenta arrecadar R$ 20 mil a atleta de Kung Fu competir na Turquia

Publicados

em

Por

JB News

INCA promove campanha para arrecadar R$ 20 mil a atleta de Kung Fu competir na Turquia

Por Beatriz Saturnino

Professor de um projeto social, o atleta cuiabano Gabriel de Almeida foi selecionado para representar o Brasil no campeonato universitário internacional de Kung Fu

Por Beatriz Saturnino – Da Assessoria de Imprensa

O Instituto INCA-Inclusão, Cidadania e Ação está promovendo uma “Vaquinha Virtual” para ajudar o atleta e professor do projeto social Kung Fu Wushu, Gabriel Pedroso de Almeida, a seguir para a Turquia, e competir pelo Brasil nos Jogos Mundiais Universitários de Combate, entre os dias 20 e 24 de setembro. O objetivo da campanha é arrecadar o valor de R$ 20 mil, para custear as passagens, hospedagem, traslado e alimentação.

O cuiabano Gabriel Pedroso de Almeida é atleta da Seleção Brasileira (CBKW) e da Federação Mato-grossense de kung fu Wushu (FMTKW). Começou seus treinamentos na Arte Marcial com apenas 4 anos de idade, com o mestre Bruk Lee, na CPA Fitness, mesma academia que desenvolve o projeto social, em Cuiabá.

Treinou até os 5 anos, no entanto, devido a um problema de saúde, retornou apenas em 2017, com 18 anos, garantindo medalha no mesmo ano, pelo Campeonato Brasileiro, onde se classificou em 3º lugar.

Participou de vários campeonatos estaduais, regionais e brasileiros, obtendo várias vezes 1º e 2º lugar. Também foi convocado inúmeras vezes para participar dos treinos coletivos da Confederação Brasileira de Kung Fu Wushu – CBKW, mas só em 2022 conseguiu vaga para o “13th Campeonato Pan-americano de Wushu Championships”, realizado recentemente em Brasília (DF), seu primeiro campeonato internacional, consagrando Gabriel como campeão das américas.

Leia Também:  Um em cada cem nascidos tem cardiopatia congênita em todo o mundo

A partir desse campeonato, é que Gabriel foi convocado para os Jogos Mundiais Universitários de Combate, na cidade de Samsun, na Turquia, onde irá competir na modalidade de Sanda, representando o Brasil, junto de outras duas atletas de Brasília, que vão disputar no Taolu Esportivo.

Gabriel estáhá um ano como professor do projeto social Kung Fu Wushu, realizado pelo Instituto INCA em rede com a Academia CPA Fitness, transmitindo conhecimentos e experiências para o crescimento das modalidades de Sanda, Taolu Esportivo e Taolu Tradicional.

Classificado em 7° lugar no ranking geral dos atletas do Brasil na modalidade de Sanda, o atleta também cursa o 8° semestre de Graduação em Engenharia da Computação, na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Com apenas 23 anos, Gabriel já participou de cinco Brasileiros, um Pan-americano, um Interestadual e dois Estaduais, em Cuiabá.

Entre os principais títulos, foi uma vez campeão do Pan-americano de Kung Fu Wushu, do Universitário Brasileiro de Kung Fu Wushu, do Interestadual de Kung Fu Wushu e da Copa Brasil Wushu Union. Foi duas vezes campeão do Estadual de Kung Fu Wushu e duas vezes vice-campeão Brasileiro de Kung Fu Wushu e do Universitário Brasileiro de Kung Fu Wushu.

Leia Também:  5G chega a São Paulo nesta quinta-feira; 25% da cidade está coberta

“É a primeira vez que eu participo de um mundial e saio do país. Então vai ser uma experiência nova, com expectativa grande, e está sendo uma alegria. É um sonho que eu estou vivendo. E vou dar o meu máximo para conseguir a vitória, que é o mais importante, independente do resultado, vou lutar pelo objetivo”, ressalta o atleta.

SOBRE O KUNG FU

O termo Kung-Fu é aplicado às artes marciais chinesas, desenvolvidas há mais de 3 mil anos, sendo uma das mais antigas do mundo. O Kung-Fu não é simplesmente conhecido como uma forma saudável de exercícios físicos e sistema de defesa pessoal altamente eficientes, mas, também mostra ser um benefício mental e espiritual ao praticante. O Kung-Fu une mente, espírito e corpo do praticante, habilitando ações harmoniosas entre os elementos da vida de um ser humano.

A filosofia reside na importância entre a harmonia e a ordem natural das coisas.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA