Mulher

Ciclo de palestras virtuais aborda Violência Doméstica contra Mulher

Publicados

em

Ciclo de palestras virtuais aborda Violência Doméstica contra Mulher de 14 a 16 de outubro

Entre as palestrantes está a defensora pública que atua no Núcleo da Defensoria Pública de Mato Grosso, em Barra do Garças, Lindalva Ramos, que tratará da implantação da Lei Maria da Penha em juizados híbridos
Por Márcia Oliveira
Ilustração – Foto por: Divulgação

A Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica Contra a Mulher (Rede de Frente) e o Centro Universitário do Vale do Araguaia oferecem, gratuitamente à população, o I Ciclo de Palestras virtuais sobre Violência contra Mulher, que poderão ser assistidas pelo aplicativo Zoom, a partir das 20h, nos dias 14, 15 e 16 de outubro. A defensora pública que atua na Defesa da Mulher em Barra do Garças, Lindalva Fátima Ramos, integra o grupo de palestrantes.

Ao todo serão disponibilizadas oito palestras ministradas por profissionais que trabalham com as vítimas, os agressores ou que estudam o tema. As inscrições para participar do evento são gratuitas e podem ser feitas por este link do “Even3”. Os participantes que participarem, terão acesso ao certificado.

Leia Também:  Aron Dresch é reeleito presidente da FMF

A defensora pública que atua no Núcleo da Defensoria Pública de Mato Grosso em Barra do Garças, Lindalva Ramos, abordará o tema: Implantação da Lei Maria da Penha nos Juizados de Violência Doméstica Híbridos, na quinta-feira (15/10). Mas, o Ciclo começa amanhã (14/10) com os três temas abaixo.

O trabalho em Rede no Enfrentamento à Violência Doméstica Contra Mulher será abordado pela presidente da Rede de Frente, investigadora de polícia, Andrea Cristine Oliveira Costa Guirra. O tema Delegacia Especializada de Defesa da Mulher: Porta de Entrada a Rede de Atendimento, será explorado pela assistente social, Daiane Cristina Gomes Batista e o tema Formas de Violência Doméstica pela Perspectiva do Ciclo da Violência será trabalhado pelo juiz da Segunda Vara Criminal de Barra do Garças, Marcelo Souza Melo Bento Resende.

Para concluir o ciclo, no dia 16 de outubro, as palestras ficarão com o professor da UFMT, campus Araguaia, o sociólogo Luís Antonio Bitante Fernandes. Ele abordará Os Aspectos Culturais e Naturalização da Violência contra a Mulher: uma Análise pelo Gênero.

Leia Também:  “Na Xá Cara”: Tocandira Trio Fusion inova ao “temperar” jazz com rasqueado

Além dele, a psicóloga da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Ana Paula da Costa Fernandes trabalhará o perfil de homens autores de violência doméstica: a partir de uma análise sistêmica e a psicóloga e pedagoga que atua como psicóloga na delegacia da defesa da mulher, Denise da Silva Ney, traçará o perfil psicológico da mulher vítima de violência doméstica.

“O evento é todo gratuito e contará com a participação de profissionais que têm afinidade com o tema, que atendem vítimas ou agressores, ou que lidam com o assunto no campo da pesquisa. O ciclo poderá ser acompanhado por qualquer pessoa, do conforto do lar, ou de onde estiverem. Essa é uma oportunidade de conhecer sobre o tema ou se preparar para auxiliar quem precisa”, explica Lindalva.

COMENTE ABAIXO:

Mulher

No Dia da Mulher, cooperativa faz live sobre maturidade e conquistas

Publicados

em

Por

JB News

No Dia Internacional da Mulher, comemorado na próxima segunda-feira (08.03), a Unicred Mato Grosso realiza a live “É Coisa de Mulher”, sobre maturidade e conquistas da mulher nos âmbitos social, pessoal e financeiro.

O bate-papo será apresentado por Giana Benatto e Luciane Mildenberger, coautoras do livro “Metamorfoses da Maturidade”, lançado em dezembro passado pela Umanos Editora. O evento é aberto ao público e será transmitido a partir das 19h, pelo Facebook e Youtube da Unicred MT.

“O tema tem um gancho muito muito importante com o nosso trabalho, porque como instituição financeira, nosso papel também é humanizar e trazer qualidade de vida aos cooperados e colaboradores”, explica a gerente de Gestão de Pessoas da Unicred MT, Caroline Laura da Cunha Figueiredo.

Segundo ela, a iniciativa se encaixa perfeitamente com o propósito institucional da Unicred MT, já que um dos princípios cooperativistas é levar informação para a comunidade e contribuir com o desenvolvimento da sociedade como um todo.

“O evento virtual é aberto para todos os colaboradores, cooperados e aqueles que queiram assistir. Nosso objetivo é o de poder somar na vida das pessoas”, frisa Caroline.

Leia Também:  Políticas públicas, igualdade de gênero e empreendedorismo feminino são temas de evento realizado em parceria internacional entre OIT e Fatec Senai MT

Giana Benatto é advogada e organizadora do livro “Metamorfoses da Maturidade”, que conta histórias dela e de outras 10 mulheres que celebram a vida após os 40 anos.

Luciane Mildenberger também é advogada, jornalista atuante em assessoria de imprensa e especialista em Comunicação Estratégica e Gestão de Crise.

SERVIÇO
Live “É Coisa de Mulher”

Data: 8 de março (segunda-feira)
Horário: 19h (de MT)
Canais: Facebook e Youtube da Unicred MT

Por Luciane Mildenberger
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA