CULTURA

Cia Cena Onze de Teatro comemora seus 30 anos com exposição no Cine Teatro Cuiabá

Publicados

em

JBN

Mais do que celebrar 30 anos de história, a Cia Cena Onze de Teatro vai relembrar sua atuação no fomento à cultura e no trabalho em prol da assistência social, com uma exposição, no Cine Teatro Cuiabá, de 04 a 22 de dezembro, trazendo ao público um resgate de todos os trabalhos já apresentados pelo grupo, gerando uma criação inovadora, de grande qualidade técnica e artística. Para abrir a mostra, um sarau com artistas convidados será apresentado às 19h do dia 04.

Nesses quase 20 dias de exposição, o visitante poderá conhecer toda a trajetória da Companhia de Teatro ao longo das 3 décadas de atuação, formando dezenas de atores e ministrando cursos de teatro. Atualmente, administra o Cine Teatro Cuiabá (CTC), via contrato de gestão compartilhada com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado, Cultura e Lazer (Secel).

Além do entretenimento, a exposição é uma grande homenagem a todos que se dedicam às artes cênicas, com questionamentos e reflexões importantes para a sociedade, mas em especial para aqueles que integram o grupo, que cresce e se renova com diferentes componentes e atores, que vão chegando a cada ano, por meio dos cursos realizados.

Leia Também:  Portal JBNews inaugura novo layout de pagina em comemoração aos seus 11 anos

Nascida diante das necessidades de ações culturais voltadas para as comunidades carentes em Mato Grosso, a Cia Cena Onze de Teatro promove cursos de formação teatral, dança, circo, artesanato, pintura, palestras com foco na prevenção ao uso de álcool e outras drogas, uso sustentável dos recursos naturais, reciclagem, ecologia e educação para o trânsito.

Segundo o diretor da companhia, Flávio Ferreira, resgatar a dignidade do ser humano é um dos objetivos da instituição. “Para isso, utilizamos a arte como ferramenta da arte-educação e de enfrentamento ao uso de álcool e drogas para ajudar a elevar a autoestima das pessoas em situação de vulnerabilidade social. A arte resgata o que temos de melhor”, explica.

Além disso, o grupo realiza inclusão das comunidades carentes e do Centros de Convivência, Centros Comunitários, Aterro Sanitário (Lixão), Escolas públicas, Casas Abrigo, Comunidades Terapêuticas, Aldeia Xavante, entre outros.

O diretor complementa dizendo que as ações na área cultural são um aprimoramento do que já vem sendo feito com os alunos. “No decorrer dos anos montamos alguns trabalhos e sempre no final do trimestre, fazemos um espetáculo de encerramento de curso para mostrar o resultado”, detalha o diretor.

Leia Também:  Prática do ciclismo pode prevenir câncer e outras doenças garante especialista

Vera Capilé, Caio Matoso, Eduardo Mahon, Marília Beatriz e Luciene Carvalho estão entre os artistas convidados para o sarau de abertura do evento, que contará também com apresentações de artistas que compõem a Companhia atualmente e alguns que já fizeram parte do grupo em anos anteriores. Haverá também uma exposição coletiva com os renomados artistas plásticos Adir Sodré, Adriana Milano, Adriano Figueiredo, Babu 78, Carlos Pina, Clóvis Irigaray, Rai Reis, Ruth Abernaz, Vera e Zuleika, Vicente Paulo e Zeilton Matos.

A mostra fica em cartaz até o dia 22 de dezembro no foyer do Cine Teatro Cuiabá, das 08h às 18h.

Serviço

O que: Exposição “Cena Onze 30 Anos”

Data: de 04 a 22 de dezembro, das 08 às 18h

Local: Cine Teatro Cuiabá

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CULTURA

Projeto aprovado pela Secretaria Municipal de Cultura tem sua primeira ação nessa sexta-feira no Centro Cultural Casa Cuiabana

Publicados

em

Projeto aprovado pela Secretaria Municipal de Cultura tem sua primeira ação nessa sexta-feira no Centro Cultural Casa Cuiabana

Por Carol Damasceno

O Projeto Exposição Histórica – IRIGARAY – ARTE – IKUIAPÁ, aprovado pela Secretaria Municipal de Cultura através do EDITAL/FUNDO 2019 – Fundo Municipal de Apoio e Estimulo à Cultura em Cuiabá tem seu início nessa sexta-feira (14.02), no Centro Cultural Casa Cuiabana. A proposta do projeto Exposição Histórica – IRIGARAY – ARTE – IKUIAPA segue em direção ao exercício da contemplação, sobretudo, a experimentação de alguns fatos da história como a construção de valores, a cultura viva,  as tradições e  o viver. A proposta de ocupar com arte, sempre remete uma reflexão sobre o processo de melhor utilização dos espaços da cidade, nesse sentido, o projeto pretende ocupar alguns espaços da Cuiabá antiga, centro histórico e o seu entorno.

A exposição  Gestual – Irigaray – Arte – Ikuiapá, ocupando todo o espaço interno do Centro Cultural Casa Cuiabana, tem como proposta a ocupação de espaços públicos e privados no Centro Histórico e adjacências, criação e delimitação de um território e a difusão de seus valores culturais passando a ser dessa forma uma plataforma a ser utilizada pela ARTE/ VIDA/ EDUCAÇÃO.

Leia Também:  Escolinha da Almê será apresentada domingo no palco do Zulmira Canavarros

Essa primeira ação do projeto Exposição Histórica – IRIGARAY – ARTE – IKUIAPÁ, vai até o dia 6 de março e ao longo da exposição serão oferecidas duas oficinas para os professores das escolas estaduais e municipais de Cuiabá. A primeira oficina é sobre como a inserção das artes visuais pode ser um agente transformador nessas escolas e nas vidas dos estudantes e a segunda oficina, nessa mesma linha de pensamento, abordará a construção de rimas.

O Centro Cultural Casa Cuiabana, onde acontecerá a exposição e as oficinas, se tornou um patrimônio histórico de Mato Grosso desde 1983, foi construída no século XVIII. A Casa Cuiabana é um Centro Cultural do Estado de Mato Grosso que tem como objetivo promover e preservar a cultura Matogrossense, valorizando todos os seguimentos artísticos.

IRIGARAY

Natural de Alto Araguaia (MT), Clóvis Irigaray é um dos artistas que mais representa a gênese da pintura moderna em Mato Grosso ao lado de nomes como Humberto Espíndola, João Sebastião e Dalva de Barros.

Com um currículo primoroso, Irigaray já participou da Bienal de São Paulo, Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro e o Panoramas das Artes de Mato Grosso, no Museu de Arte e Cultura Popular da UFMT, entre vários outros espaços culturais.

Leia Também:  Exposição Santos da Baixada abre programação cultural dos 50 anos da UFMT

Em 2013 foi nomeado Embaixador das Artes pela Academia Francesa de Artes, Letras e Cultura e também foi convidado para expor seu trabalho no Museu do Louvre, em Paris, um dos maiores e mais conceituados do mundo.

Serviço:

Exposição Gestual – Irigaray – Arte – Ikuiapá

Local: Centro Cultural Casa Cuiabana

Horário: 08h30 às 11h30 – 14h00 às 17h (segunda a sexta-feira)

Entrada Gratuita

Endereço: Av. Gen. Valle, 181 – Bandeirantes (próximo ao Pronto Socorro de Cuiabá)

Informações: (65) 9 9224-8215

Carol Damasceno

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA