Arquivos JB News 10 Anos

Bancada Federal de MT se une pela causa da Santa Casa de Rondonópolis

Publicados

em

 

 

 

 

Deputado Delegado Claudinei (PSL) solicitou apoio aos senadores e parlamentares da esfera federal para solucionar a crise econômica da Unidade de Saúde

 

 

Após reunião com o vice-presidente da Santa Casa de Misericórdia, Sinésio Alvarenga, em Rondonópolis (MT), o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) se sensibilizou com a crise econômica que enfrenta a instituição. Ele entrou em contato direto com os senadores e deputados da esfera federal de Mato Grosso para unirem forças a fim de que a unidade de saúde não interrompa o atendimento aos 19 munícipios mato-grossenses da região sul.

 

 

Segundo Claudinei, foram entregues ofícios pessoalmente aos políticos que se encontravam em Cuiabá (MT), como, também, àqueles que estavam no Senado Federal e Câmara dos Deputados, em Brasília (DF). “Nos ofícios, eu solicito que precisamos manter aberto o hospital que atende 19 municípios. Temos que buscar soluções o quanto antes, pois a situação financeira da Santa Casa está crítica. Se não resolvermos isso, a instituição pode fechar daqui uns três meses”, alerta o deputado.

 

 

O parlamentar também ressalva que o déficit mensal da Santa Casa é de R$ 800 mil reais, sendo preciso ser feito o reajuste de valores. Outro aspecto levantado é que o governo anterior deixou de repassar aproximadamente R$ 17 milhões para custeio e manutenção da referida unidade hospitalar. “Realmente, já há um déficit de R$ 24 milhões que incluem empréstimos bancários, pagamentos de médicos prestadores de serviços e fornecedores. Há uma defasagem da tabela SUS (Sistema Único de Saúde) e os cortes nos recursos repassados pelo governo para procedimento de média e alta complexidade. O hospital vem se alarmando para evitar situações de escassez de recursos financeiros, materiais e humanos”, esclarece Claudinei.

 

 

Bancada Federal – No próximo dia 29 de agosto, às 08h30, no Palácio do Planalto, o deputado federal José Medeiros (PODE) articulou uma agenda com o presidente da República, Jair Bolsonaro, para discutir demandas de caráter urgente de Mato Grosso. Tanto que além da bancada federal de Mato Grosso e a presença do governador Mauro Mendes (DEM), também estarão presentes os deputados Delegado Claudinei, Thiago Silva (MDB), Sebastião Rezende (PSC) e Nininho (PSD) que possuem forte atuação na região sul do Estado.

Leia Também:  Quatro novas denúncias contra a Prefeita Lucimar serão analisadas hoje,

 

 

Uma das pautas a serem discutidas nesta reunião será a situação da Santa Casa de Rondonópolis. “Solicitei aos parlamentares emendas extra-orçamentárias para que o Ministério da Saúde possa disponibilizar os recursos financeiros necessários. Essa reunião com o presidente Jair Bolsonaro, considero como um momento oportuno, pois é uma demanda de caráter urgente. Se não forem disponibilizados os recursos financeiros necessários, a Santa Casa vai fechar”, esclarece Delegado Claudinei.

 

 

De acordo com Medeiros foi feita a solicitação de uma auditoria nos órgãos de controle, como a Controladoria Geral da União (CGU) e Ministério Público Federal (MPF). “Em todos estes órgãos, eu solicitei que passem uma régua lá na Santa Casa. Agora, é a questão das verbas aqui, em Brasília, para salvar a Santa Casa. Nós estamos fazendo junto com este pedido do deputado Claudinei. Já coloquei R$ 10 milhões de pedido extra-orçamentário. Vou insistir junto ao Ministro de Saúde para que isso seja liberado o mais rápido. Tem outros fatores, em que a sociedade propôs ajudar a administração da Santa Casa de forma voluntária para ajudar a instituição se reerguer”, posiciona o deputado federal.

 

 

Plano de Recuperação – O deputado federal Neri Geller (PP) sugere a elaboração de um Plano de Recuperação das finanças da Santa Casa. “Talvez não seja politicamente bom falar sobre isso, mas tenho que ser sincero. A Santa Casa de Cuiabá foi resolvida, depois que o estado entrou, fez as mudanças, apresentou um organograma em parceria com o Ministério da Saúde. A partir daí, conseguiu fazer a recuperação. A Santa Casa está funcionando sob a tutela do governo do estado de Mato Grosso”, pontua o deputado.

Leia Também:  Nos dias 10 e 11 de maio Mato Grosso realiza simultaneamente duas competições de ciclismo

 

Para o parlamentar federal, ele considera que a Santa Casa de Rondonópolis teria que seguir os mesmos passos tomados para a recuperação da instituição de Cuiabá. “O deputado (Claudinei) veio aqui, mostrou toda a preocupação com a Santa Casa de Rondonópolis. Nós sabemos que tem um problema emergencial do município. Existe urgência na liberação dos recursos, tendo em vista das dificuldades. Eu já fui cobrado para ajudar a Santa Casa. A preocupação é bastante forte. Conte comigo, pronto para ajudar para colocar recursos e recuperar a Santa Casa”, manifesta Geller.

 

O senador Wellington Fagundes (PL) reforçou que já foi levada essa demanda ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. “A própria Santa Casa e a prefeitura municipal, já que a saúde é plena, cabe este entendimento, apresentar este planejamento ao Ministério da Saúde. Bem, como toda a bancada, nós colocamos recursos do orçamento da União. Existe a possiblidade e queremos trabalhar para que a Santa Casa não feche. Queremos a Santa Casa funcionando e atendendo bem a população”, explica.

 

Além da entrega dos ofícios ao senador Wellington e os deputados federais, José Medeiros e Neri Geller, o deputado Claudinei estendeu o documento para Dr. Leonardo (SD), Emanuel Pinheiro Neto (PTB), Rosa Neide (PT), Juarez Costa (MDB), Nelson Barbudo (PSL) e Carlos Bezerra (MDB). Também, os senadores Juíza Selma Arruda (PSL), Wellington Fagundes (PL) e Jayme Campos (DEM).

 

Os atendimentos da Santa Casa podem ser feitos de modo particular, por convênios e pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A instituição conta com 900 colaboradores e mais de 150 médicos contratados por meio de prestação de serviços. A instituição conta com 246 leitos, sendo 62 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sendo que foi fundada em 1971.

 

 Samantha dos Anjos 

COMENTE ABAIXO:

Arquivos JB News 10 Anos

Kalil Baracat cobra melhorias na pavimentação de bairros

Publicados

em

Por

 

O vereador por Várzea Grande, Kalil Sarat Baracat de Arruda apresentou duas indicações que visam melhorias na pavimentação asfáltica de dois bairros da cidade.

Sua primeira indicação solicita do Poder Executivo Municipal junto à Secretaria de Infraestrutura a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica nas ruas do bairro Jardim Novo Horizonte, em sua totalidade.

Segundo Kalil a proposta é urgente e visa à realização de “tapa buracos” e reparos na pavimentação asfáltica.

“As ruas do bairro em questão encontram-se totalmente esburacadas, quase sem condições de tráfego, provocando pequenas colisões e avarias nos veículos dos que por ali transitam. É tamanha a calamidade em que se encontram as vias que não é possível especificar onde e quão grandes são os buracos. Atender à solicitação daquela comunidade é cumprir com o dever social e zelar pelo bem público e pelos munícipes”, explica o vereador.

Os moradores do bairro Jardim Potiguar também vem passando pelo mesmo problema e dessa forma, Kalil também indicou a necessidade de serviços de tapa buracos e reparos na pavimentação asfáltica em todas as ruas do bairro.

Leia Também:  Mato Grosso registrou 45.171 casos notificados de Dengue, com 37 ocorrências de óbito

“ As ruas Jardim Potiguar estão cheias de buracos com o aumento do fluxo de veículos pela região devido aos desvios das obras da Copa, quase que sem condições de tráfego. Além da falta de conforto e segurança, os buracos deixam o bairro com aspecto feio e mal cuidado desvalorizando os imóveis construídos ali. Dezenas de colisões com prejuízos financeiros e lesões físicas são registradas todos os dias naquele local”, disse Kalil Baracat.

 

Michelle Carla Costa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA